Arquivo de tag João Pessoa

porpjbarreto

Casa de apoio da Prefeitura de Cajazeiras em João Pessoa está fechada e pacientes sofrem com o problema

Na noite da última sexta-feira (07), uma senhora da cidade de Cajazeiras, esteve em João Pessoa, para tratar-se de um câncer de mama. A idosa procurou a casa de acolhimento Bom Pastor localizada no Bairro de Jaguaribe, na Capital.

Porém, a casa que é gerenciada e mantida pela prefeitura de Cajazeiras, permanece fechada.

A idosa foi indagada: “por que a senhora não estava na casa de apoio de Cajazeiras, recentemente aberta pelo prefeito José Aldemir”? A idosa afirmou que a casa estava fechada e precisou se deslocar à Capital, para a casa de acolhimento Bom Pastor.

Neste sábado (08), foi constatado através de um vídeo feito pela reportagem do Blog do Fuxico, que a casa está fechada para realização de reparos estruturais e que será reaberta na próxima semana, garantiu a administradora do órgão municipal, a ex-vereador Lucieide Valencio.

 

Com informações do Blog do Fuxico

porpjbarreto

Flávio José, Walkyria e Santanna são as atrações da melhor prévia junina de João Pessoa

“Arrastapé da Capitá” acontece no dia 16 de maio, na orla de Cabo Branco

No dia 16 de maio, o forró vai comer solto na praia de Cabo Branco. A um mês da festa mais nordestina do Brasil, o som da sanfona, do triângulo e da zabumba ecoará no “Arrastapé da Capitá”. No palco, nada menos que Flávio José, Walkyria Santos e Santanna, o Cantador. O evento é uma realização da Planeta Promo e da Colônia Produções.
Esta será a quarta edição do “Arrastapé da Capitá”, considerada a maior prévia junina da Paraíba. Com megaestrutura e atrações que brilham no firmamento do cenário musical do Nordeste, o evento tem tudo para ser mais um sucesso.
Serviço
Arrastapé da Capitá
Antigo BNB Clube (orla de Cabo Branco)
Dia: 16/05/2020
Horário: a partir das 19h
Assessoria 
porpjbarreto

Após aplicação de silicone industrial em clínica clandestina, cajazeirense morre em hospital de João Pessoa

A unidade de saúde informou que ela deu entrada na instituição na terça-feira (4), às 16h52, e veio a óbito às 3h da madrugada desta quarta-feira (5).

A militante cajazeirense LGBT, Maísa Andrade, 34 anos, morreu no Hospital de Trauma de João Pessoa após aplicar silicone industrial na perna em uma clínica clandestina no bairro do Varadouro, na Capital. A unidade de saúde informou que ela deu entrada na instituição na terça-feira (4), às 16h52, e veio a óbito às 3h da madrugada desta quarta-feira (5).

O SAMU socorreu a vítima até o hospital. Ainda de acordo com informações da assessoria do Trauma de João Pessoa,  Maísa foi internada em estado gravíssimo e diagnosticada com embolia pulmonar, que é a obstrução de artérias do pulmão com coágulos de sangue.

O Movimento em Defesa dos Direitos Humanos da População LGBT do Município de Cajazeiras, do qual a mulher trans morta era integrante, divulgou nota em rede social lamentando o ocorrido dela. Maísa era nascida em Cajazeiras e moradora deste município no Sertão da Paraíba. Com informações do ClickPB.

Veja a nota do grupo na íntegra:

Nota de Falecimento do Movimento em Defesa dos Direitos Humanos da População LGBT do Município de Cajazeiras-PB

É com profunda tristeza que o Movimento EM Defesa dos Direitos Humanos de Cajazeiras-PB, vem informar aos amigos/as, aos nossos militantes e a nossa base social, o falecimento da companheira Maysa Andrade, na manhã do dia 05 de Fevereiro de 2020.

O Movimento LGBT se despede dessa guerreira e dá continuidade ao seu legado, transmitindo todo o aprendizado de seus atos para as próximas gerações.

Joyce Montinelly Oliveira

Representante do Movimento e Articuladora de Ações

porpjbarreto

Contagem regressiva para o tradicional baile de carnaval do Clube Cabo Branco

Banda É o Tchan será a estrela da noite em que o Vermelho e Branco completa 40 edições

Vai ter muita animação, axé, alegria e azaração – e muita gente segurando o tchan e dançando na boquinha da garrafa, claro! Numa festa estrelada pela banda É o Tchan, não poderia ser diferente. Assim será a 40ª edição do Baile Vermelho e Branco, tradicional encontro pré-carnavalesco do Esporte Clube Cabo Branco (ECCB), no próximo sábado (8), a partir das 19h, na sede do clube, em Miramar. Além da banda baiana, os foliões serão tomados pela vibração de Ramon Schnayder, a miscelânea de ritmos da Orquestra Beleza Pura e as mixagens do DJ Cris L. O baile é uma parceria do clube com a Colônia Produções.

No mesmo evento em que o Clube Cabo Branco celebra 40 edições do seu baile, o grupo É o Tchan festeja 25 anos de estrada. “É uma trajetória linda e consagrada, que nos incentiva a continuar levando a música baiana para todos os lugares”, diz Compadre Washington. Para ele, será uma honra tocar numa data tão marcante para o clube paraibano – e, para torná-la inesquecível, a banda vai apostar nos principais ingredientes de uma receita puramente baiana: swing, irreverência e coreografias ensaiadas. “Vamos transformar o palco em um trio elétrico”, avisa Beto Jamaica.

Famoso em todo o estado, o baile Vermelho e Branco começou a ser realizado em 1953. Várias edições e muitas mudanças depois, o clube passou alguns anos sem festejar o reinado de Momo. Voltou ao circuito em 2014 e, desde então, não parou mais. “Estamos com saudades do público de João Pessoa e com muitas expectativas para esse reencontro”, acrescenta Compadre Washington.

Recordista – Sinônimo de sucesso em todo o Brasil na década de 1990, o grupo É o Tchan logo se tornou um fenômeno musical, com mais de 10 milhões de discos vendidos, entre CDs e DVDs. Com o swing do pagode baiano, a banda lançou moda entre gerações de fãs e se tornou referência para outras bandas do mercado de entretenimento da Bahia. Hoje, Beto Jamaica e Compadre Washington vivem o bônus da maturidade musical adquirida nesses 25 anos. “A história do Tchan não é só nossa, é do Brasil inteiro, que curte nossas músicas há mais de duas décadas, mesmo com as mudanças no mercado fonográfico. Isso permite que o Tchan esteja vivo até hoje”, diz Beto Jamaica.

O antigo Gera Samba, grupo de Salvador que faturava cachês em festas familiares pequenas, como casamentos e batizados, ganhou novo nome logo após estourar com o hit “Segura o tchan”. De lá para cá, vários outros foram lançados – e renderam discos de ouro, platina e diamante, até mesmo no exterior. Além de ser um dos principais recordistas de vendas de discos do país, o grupo também está entre os primeiros em número de capas de revistas e em vendas de produtos licenciados, como brinquedos, vestuário, calçados, guloseimas e álbuns de figurinhas. Nomes como Beto Jamaica, Compadre Washington, Jacaré, Carla Perez, Scheila Carvalho, Sheila Mello e Débora Brasil tornaram-se inesquecíveis para o público brasileiro, com fãs de todas as idades.

Serviço

Baile Vermelho e Branco – com É o Tchan, Ramon Schnayder, Orquestra Beleza Pura e DJ Cris L

Local: Esporte Clube Cabo Branco

Dia: 08/02/2020

Horário: a partir das 19h

Valores do 2º Lote:⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Mesas (4 pessoas):

  • R$ 429,00
  • R$ 418,00 (sócios)

Ingresso individual:

  • Inteira: R$ 120,00
  • Meia: R$ 60,00
  • Ingresso social: R$ 70,00 (+ dois quilos de alimentos + seguir os perfis @coloniaproducoes e @clubecabobranco no Instagram)

Vendas:

Loja Constance Calçados (MAG Shopping, térreo), secretaria do clube (das 9h às 18h, durante a semana,  das 9h às 16h, no sábado) e site ingressonacional.com.br ⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Realização: @clubecabobranco e @coloniaproducoes ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Mais Informações: (83) 3031-5948 e 9.9996-2182

 

Assessoria

porpjbarreto

João Pessoa: Cartaxo tem 72 horas para explicar na Justiça o aumento das passagens

O PSOL não poderia calar diante do atropelo que foi o aumento das passagens na capital paraibana, aumento aprovado de forma acelerada e sem debate com a sociedade, em uma sexta-feira (24/01/2020), já implantado no domingo seguinte (26/01/2020) e com Decreto nº 9.444/2020 do Prefeito Cartaxo datado da segunda-feira (27/01/2020) com efeito retroativo ao domingo, quando a população passou a pagar R$4,15 nas passagens de ônibus, a mais cara das capitais do Nordeste.

Além das medidas política, atos públicos, panfletagens, notas de repúdio e esclarecimento em conjunto com diversas entidades estudantis e de trabalhadores e trabalhadoras, o PSOL resolveu agir também Juridicamente. Alexandre Soares de Melo, advogado e militante, entrou com Mandado de Segurança Coletivo requerendo a concessão de medida liminar que suspenda imediatamente os efeitos do Decreto de Cartaxo, em outros termos, requerendo a suspensão do aumento das passagens.

Hoje, 04 de fevereiro de 2020, a tarde, despacho da 2ª Vara da Fazenda Pública da Capital determinou que o Prefeito Cartaxo se pronuncie em 72h (setenta e duas horas) sobre os elementos do Mandado de Segurança.

Na análise jurídica o Mandado de Segurança elaborado pelo Advogado Alexandre Melo versa sobre a falta de transparência e debate público sobre assunto de relevante interesse público, o Transporte Público como direito constitucional, o aumento de tarifas acima dos índices legais, as precárias condições do Transporte Público e, entre outros aspectos, o impacto das tarifas em outros direitos da população da capital.

Estamos atentos e com outros estudos e análises em elaboração, seguimos na luta, nas ruas e no judiciário.

Despacho – Juíza da 2ª Vara da Fazenda Pública – Reajuste Tarifas

MS – Diretório Municipal do PSOL – Reajuste Tarifa ônibus 2020

 

João Pessoa, 04 de fevereiro de 2020.

Áurea Augusta – Presidente do PSOL/João Pessoa

Tárcio Teixeira – Presidente do PSOL/PB

porpjbarreto

Shopping de JP é condenado e terá que indenizar pais e namorada de vítima fatal em assalto no estacionamento

O Manaíra Shopping, localizado na cidade de João Pessoa, foi condenado a pagar, a título de danos morais, um valor de R$ 260 mil (R$ 130 mil para cada um), aos pais de Suênio Rocha de Melo – Solon Sales de Melo e Maria Anunciada Rocha Melo – morto no dia 9 de outubro de 2010, vítima de um tiro, na saída do estacionamento do estabelecimento. A sentença (0003822-87.2011.815.0011) foi proferida pela juíza Andréa Dantas Ximenes, titular da 9ª Vara Cível de Campina Grande. Em outro processo (0024625.57.2012.815.0011), a magistrada também condenou o Shopping ao pagamento de R$ 25 mil, também por danos morais, a Patrícia Silveira Amorim, então namorada da vítima, que estava presente no momento do fato.

Conforme os autos, a vítima se encontrava em João Pessoa e, na noite em questão, foi à Casa de Shows Domus Hall, instalada dentro do Manaíra Shopping. Na saída, na hora de apresentar o ticket de pagamento para liberação do veículo, teve o carro cercado por bandidos armados, havendo, então um tiroteio entre estes e os seguranças do shopping, que se encontravam suspensos no edifício da garagem. Ele foi atingido de forma fatal por um projétil que, segundo o laudo cadavérico, teria sido disparado à longa distância.

A magistrada afirmou que não resta dúvida de que o evento ocorreu dentro do estacionamento, antes da vítima conseguir sair com o veículo, e que a responsabilidade pela segurança interna era do estabelecimento, tendo havido, portanto, falha grave na prestação do serviço. A juíza também expôs que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu sobre o dever de shopping reparar cliente por danos morais decorrentes de tentativa de roubo ocorrida nas proximidades da cancela de saída de estacionamento, mas ainda em seu interior.

“O nexo de causalidade está evidenciado, justamente, pela falta de segurança necessária a garantir a incolumidade do filho dos autores, enquanto consumidor direto do serviço de estacionamento do estabelecimento; enquanto que os danos são evidentes e decorrem da morte daquele”, enfatizou a juíza.

No caso da namorada, a magistrada também afirmou que os danos decorrem dos traumas deixados pelo assalto, assim como da morte de seu namorado. “Relatório psicológico revela que a autora demonstrou ansiedade generalizada, excessiva tensão, agitação e autoestima negativa, segundo a psicóloga, por ter sido vítima e vivenciado um evento violento traumático, que lhe causou, ainda, desordem comportamental e uma intensa reação de estresse”.

Andréa Ximenes julgou, ainda, improcedente o pedido formulado pelo Shopping Manaíra contra a Seguradora Swiss Re Corporate Solutions Brasil Seguros S/A, por falta de prova de que houve efetiva comunicação do sinistro, conforme obrigação do segurado prevista no Código Civil, sob pena de perda do direito à indenização. Da decisão cabe recurso.

 

Por Gabriela Parente / Assessoria de Imprensa – TJPB

porpjbarreto

Deputado Jeová Campos é transferido para João Pessoa após sofrer hemorragia

O deputado estava na casa da mãe, em Cajazeiras, se preparando para retornar a João Pessoa, quando passou mal e começou a vomitar

O deputado estadual Jeová Campos foi transferido de Sousa, no Sertão da Paraíba, para João Pessoa, na tarde desta segunda-feira (27), após ter sido internado com hemorragia digestiva, no último domingo (26). Ele chegou à Capital de avião às 16h11, segundo informou a assessoria de imprensa do parlamentar.

“Ele saiu de Sousa e veio de avião às 16 horas e 11 minutos. Está indo para o Nossa Senhora das Neves. Ele está bem. O quadro é estável. A endoscopia que foi feita ontem a noite já estancou a hemorragia via cauterização. Hoje de manhã ele fez nova endoscopia para verificar como estava a contenção da hemorragia, e não tinha mais sinal de hemorragia. Ele permaneceu na UTI apenas por conta da medicação que tomou para fazer o exame e porque precisava ficar em observação”, explicou a assessora do deputado.

Sobre a internação de Jeová Campos em João Pessoa, a assessora afirmou que acredita que o deputado não precisará ficar na UTI. “Ele está bem, consciente, orientado, tranquilo, não está sentindo nenhuma dor. Então acredito que, pelo estado de saúde dele, ele ficará em apartamento.”

Jeová foi levado inicialmente, ontem, ao Hospital Regional de Cajazeiras, depois foi transferido ao Hospital Santa Terezinha, em Sousa, e chegou ao HNSN, na Capital, nesta segunda-feira.

O deputado estava na casa da mãe, em Cajazeiras, se preparando para retornar a João Pessoa, quando passou mal e começou a vomitar. Familiares o levaram para o Hospital Regional da cidade, onde ele passou pelos primeiros atendimentos. A transferência para Sousa se deu em função da necessidade da realização da endoscopia, exame que não é realizado no Hospital Regional de Cajazeiras. A volta para João Pessoa foi um pedido do parlamentar.

 

 

Foto: Diário do Sertão

Com informações da Assessoria e ClickPB

porpjbarreto

Jampa Rock, maior festival de rock de João Pessoa, terá virada de lote no próximo dia 3

Até lá, ingressos estão sendo vendidos com 20% de desconto

Os ingressos para o Jampa Rock Festival, evento que promete sacudir a cena roqueira paraibana, mudam de preço na próxima segunda-feira (3), no site Ingresso Nacional. Também é nessa data que se encerra o desconto de 20% na compra das entradas. O festival acontece no dia 4 de abril deste ano, no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, num megashow que contará com apresentações de Val Donato, Biquíni Cavadão, Os Paralamas do Sucesso, Vitor Kley e Capital Inicial.

Esse primeiro lote de ingressos para o Jampa Rock Festival, com 20% de desconto, está sendo vendido apenas online e para a pista. Em breve, a Colônia Produções, promotora do festival, anunciará os preços para camarote e front stage, como também os pontos físicos de venda. Quem ainda não garantiu a participação com desconto nesse encontro histórico, basta acessar o site do Ingresso Nacional, comprar as entradas e começar a contagem regressiva.

O Jampa Rock acontecerá em apenas um dia, em dois palcos montados na Praça do Povo do Espaço Cultural. A pretensão dos seus idealizadores é realizar o festival a cada ano e torná-lo um evento fixo no calendário cultural da Paraíba. Num futuro próximo, ele poderá acontecer em um final de semana, por exemplo. O grande homenageado dessa primeira edição do evento será o cantor, músico e compositor Herbert Viana, líder do Paralamas.

Serviço

Jampa Rock Festival

@jamparockfestival

Data: 4 de abril de 2020

Hora: a partir das 17h30

Bandas: Os Paralamas do Sucesso, Biquíni Cavadão, Capital Inicial, Vitor Kley e Val Donato

Valores:

• Pista meia: R$ 90,00

• Pista Social: R$ 110,00 (+ 2 kg de alimento)

• Pista Inteira: R$ 180,00

Vendas: ingressonacional.com.br (1º lote com 20% de desconto e sem taxas)

Informações e realização: Colônia Produções @coloniaproducoes e @jamparockfestival

 

Assessoria de Imprensa: Vivass Comunicação @vivasscomunicacao

porpjbarreto

Paraíba: Bloco Vumbora 2020 terá virada de lote no próximo dia 27

Esta é a oportunidade para quem ainda não garantiu o seu lugar nessa folia 

O bloco Vumbora, sucesso absoluto na edição 2019 do Folia de Rua, terá virada de lote no próximo dia 27. Até lá, o folião que ainda não garantiu a sua participação no bloco comandado por Bell Marques poderá comprar o seu abadá pelo preço ainda em vigor. O Vumbora descerá a avenida no dia 14 de fevereiro, num percurso que sairá do Posto 99, em Miramar, e chegará ao Busto de Tamandaré, na praia de Tambaú. Os abadás estão sendo vendidos online e em lojas físicas (ver serviço, abaixo).

Estão à venda quatro mil abadás, sendo 1,6 mil destinados à meia-entrada (estudantes, idosos e deficientes e seus acompanhantes). A partir do dia 1º de fevereiro, a produção informará, por meio das redes sociais, o local e as instruções para a retirada dos abadás. O Vumbora é uma realização conjunta da Colônia Produções, Mult Promoções, Rede Nord Hotéis e Luan Promoções & Eventos.

Serviço

Bloco Vumbora, com Bell Marques

Data: 14/02/2020

Local: Posto 99 (concentração)

Hora: 18h

Vendas online no site Ingresso Nacional: https://www.ingressonacional.com.br

Vendas físicas nas lojas: AppShop dos shoppings Mangabeira, Manaíra e Mag

Valores do 2º lote

  • Meia: R$ 202,00
  • Amigo Vumbora: R$ 212,00 (+ 2kg de alimento não perecível + seguir o perfil @blocovumborajp)
  • Inteira: R$ 400,00

Instagram: @blocovumboraJP, @coloniaproducoes e @ganhamaisquemdoa (projeto social).

 

Assessoria

porpjbarreto

PSOL-PB realiza seminário programático eleitoral em João Pessoa

O Partido Socialismo e Liberdade na Paraíba (PSOL-PB) realiza neste final de semana o 1º Seminário Programático Eleitoral do partido no estado, o evento dá o ponta pé inicial para as eleições de 2020, fortalecendo os conhecimentos sobre o processo eleitoral e criando um Programa Eleitoral para os municípios. Com mais de 70 inscrições, o seminário tem como uma de suas metas fomentar as candidaturas para vereadoras e vereadores como também à vaga de Prefeito ou prefeita.

O evento trará palestras importantes como economia e perfil populacional da Paraíba com Renato Silva (Supervisor Técnico do DIEESE-PB); contabilidade e processos jurídicos nas eleições com Áurea Augusta (Presidente do Diretório Municipal do PSOL) e Alexandre Melo (Advogado e membro do Diretório Municipal do PSOL de João Pessoa); dicas de redes sociais e utilização da comunicação nas eleições com Willamys Guthyers (Jornalista e Social Media); e terá a elaboração do Programa Eleitoral para as cidades com mediação de Mônica Vilaça (Setorial de Mulheres Rosa Vital).

O seminário acontece dia 18 e 19 (sábado e domingo) na FETAG – Federação dos Trabalhadores na Agricultura da Paraíba. As inscrições para o evento aconteceram até o dia 10 de janeiro, ao todo serão 21 cidades com representantes, boa parte destas representações vem do interior do estado; uma das lutas do PSOL-PB é a interiorização da política, trazendo os representantes para os diálogos e levando as informações sobre os processos eleitorais.

Com o Programa Eleitoral para os municípios o PSOL-PB pretende debater sobre os posicionamentos do partido no processo eleitoral, o afastamento de políticos e partidos da base aliada do atual Presidente é um destes; outro importante, é como o PSOL-PB tem feito parcerias evitando as coligações com partidos que não tem interesse pelas pautas importantes para o PSOL, coligações estas feitas por outros partidos que acabaram trazendo um retorno negativo, principalmente aos da esquerda que trilharam este caminho.

 

Abaixo confira a programação do Seminário:

 

Programação

Dia 18

8h – Credenciamento.

9h – Acolhimento.

9h15 – Economia e perfil populacional da Paraíba – Renato Silva (Supervisor Técnico do DIEESE-PB)

12h- Almoço.

13h – Elaboração do Programa Eleitoral para as cidades – Mônica Vilaça (Setorial de Mulheres Rosa Vital)

18 – Encerramento.

Dia 19

8h – Redes Sociais e Comunicação – Willamys Guthyers (Jornalista e Social Media)

10h – Contabilidade e Jurídico nas eleições – Áurea Augusta (Presidente do Diretório Municipal do PSOL) e Alexandre Melo (Advogado e membro do Diretório Municipal do PSOL de João Pessoa)

12h – Encerramento.

 

Assessoria