Arquivo de tag Internacional

porpjbarreto

De Campina Grande para o mundo: entrevista com Jullie Marie

Jullie Marie Fonseca é uma modelo internacional, nascida em Campina Grande, Paraíba, com 27 anos, a maior parte desses emprestando sua beleza a lentes de renomados fotógrafos pelo mundo e que agora responde umas perguntas que fazem você conhecer um pouco mais da personalidade e objetivos da beldade. Siga lendo:

De onde começou sua vontade de modelar, fale um pouco de você?

Desde criança, eu sempre tive admiração por modelos, eu tinha uma certa afinidade por câmeras, mas na adolescência, eu já não sentia tanta vontade, nessa fase estamos no processo de mudanças.

Em 2008, eu e minha família fomos ao casamento no Rio, na mesma época estava havendo concurso da ‘Menina Fantástica’ na rede Globo, eu já achava que eu estava velha para participar na época com 16 anos, minha mãe me incentivou a participar desse concurso; concorria com 5 mil meninas de vários lugares do Brasil, eu fiquei entre as 6 semifinalistas representando o Rio de Janeiro.

Voltei pra Campina Grande em 2010, fiz um curso da agência TEAM, fui orientada e lapidada ao longo dos nove meses de curso de modelo.

Em 2011, MING MANAGEMENT veio à Campina para fazer a seletiva: casting internacional, meu primeiro “sim” depois de vários outros “não” de outras agências internacionais.

Quais os lugares que você já trabalhou?

China, Tailândia, Coreia do Sul, Malásia, Índia, Turquia, Alemanha, Suécia, Itália, Dubai e África do Sul.

A sua percepção sobre a indústria da moda mudou ao longo do tempo?

Sim, ao longo de sete anos que eu modelei e parei duas vezes de modelar, me recordo que há sete anos existiam um certo padrão a ser seguido, no qual eu achava bastante rígido, ser muito magra e está dentro das medidas do padrão internacional como quadril até 90 CM.

Em 2018, eu voltei a modelar depois de quatro anos parada no Brasil com o outro objetivo, eu percebi que o mercado da moda vem aceitando a diversidade de perfil desde que seja um rosto e corpo bem cuidado e o mais importante ter personalidade.

Quais as supermodelos que te inspiraram quando você começou a sua carreira de modelo?

A princípio, a Gisele Bundchen, mas há tantas modelos que me inspiram como a Brenda Costa por ser tão determinada e forte, apesar da surdez que é algo que eu e a Brenda temos em comum, mas nada se compara ao que ela passou no mercado da moda na época em que ela começava e pra quem começou como eu em 2012. Cada um tem a sua história, mas a Brenda em especial, ela me inspira muito!

Como você tem uma deficiência auditiva, quais foram às dificuldades que foram enfrentadas por você, no inicio para começar a ser modelo?

Eu não tenho vergonha de assumir aquilo que não me afeta, eu cresci a vida toda assim, desde os cinco anos uso aparelhos auditivos, tenho perda bilateral severa moderada e severa profunda.

O meu medo maior são as reações das pessoas em ver que a surdez é uma grande dificuldade, sim claro que há dificuldades em que o momento não escutamos a uma longa distância, poluição sonora que não compreendemos algumas palavras, não conseguir ver um filme sem legenda, enfim e não tratar a surdez como um grande problema. Como Paula Pfeifer disse: “A surdez é invisível. Nós, não.”

A surdez sempre será um obstáculo constante que eu terei, mas basta as pessoas serem compreensão diante dessa dificuldade que também temos, mas como eu sou uma pessoa que presta muito atenção na leitura labial que foi uma habilidade que desde criança tenho desenvolvido.

Entre as adaptações que você teve que enfrentar para essa profissão, qual foi a mais difícil de superar e a mais fácil?

Com certeza foi o inglês, eu praticamente só sabia escrever algumas palavras, falar era um grande desafio, principalmente quando você está na China que quase ninguém fala. E a cultura, você no princípio você tem um choque muito grande de cultura local, você meio que entra no outro mundo, e o seu ponto de vista sobre pessoas e lugares evolui muito, mas confesso que não foi nada fácil estar lá nos primeiros meses, meu irmão tinha falecido no mesmo ano e lidar com a perda dele foi à parte mais difícil e dolorosa que tive que passar.

Descreva o seu dia perfeito quando você não está modelando, quais paixões te motivam?

Eu sou muito curiosa com a cidade, eu ando pelos pontos turísticos, mas adoro me perder pela cidade e encontrar suas peculiaridades como comida local, eu aproveito sempre experimentar algo que nunca comi, mas como sou vegetariana, nos cardápios hoje em dia é sempre possível encontrar as opções vegetarianas.

Eu também adoro escrever sobre fatos da minha vida, mas como é algo muito pessoal, alguém muito próximo entenderia a profundidade daquilo que escrevo; sempre transformar o negativo em positivo e reler no futuro mais próximo para saber quem me tornei naquele tempo e quem eu me tornarei no futuro, mas sempre vivendo o presente.

Sou protetora de animais independente, fiz muitos resgates algum tempo atrás e encaminhei todos os animais para adoção responsável!

Você tem algum animal de estimação? Se sim qual? E como é sua relação com os direitos dos animais?

Sim, tenho 25 felinos e um cachorro! Todos são de resgates de rua e castrados.

Eu acredito que todos os animais independentes da raça têm direito a uma vida digna livre do abandono e da maldade humana. A sociedade brasileira é bem dividida quanto se discute em questão de animais de ruas; os que colocam as responsabilidades nas ONGs sem pesar na conta financeira e tempo que os voluntários tem e muito menos pensar que muitas vezes são tirado do próprio bolso quando as doações não são suficientes. Infelizmente o sistema do governo não tem sido eficiente nas causas fazendo campanhas e conscientizar a sociedade, e a outra parte que graças aos protetores, ativistas e ONGs tem trabalhado bastante para controlar a superpopulação de animais e encaminhar para adoção responsável que tutores são avaliados antes de adotar o animal.

Como é a sua rotina de beleza?

Tenho uma rotina de “skincare homemade”, uso alguns ingredientes de casa como óleo de coco, pó de café e mel.

Procuro sempre hidratar a pele duas vezes por dia no inverno e usar protetor solar durante o verão.

O que você faz para ficar em forma?

Eu tenho uma alimentação super regrada, desde os 13 anos que mudei a minha filosofia e o hábito sobre a alimentação, eu me cuido e priorizo comer sempre comida de verdade. Claro que às vezes fujo para comer um fast food, mas nada se compara a uma boa comida de verdade.

Eu gosto de correr pelas ruas, fazer alongamento em casa, não sou muito fã de academia, até porque eu gosto de ter o meu próprio ritmo daquilo que eu faço.

Qual o seu look básico para o dia? E para a noite?

Casual e vintage com cores neutras, tanto para o dia quanto para a noite! Eu gosto de estar confortável.

Cite três coisas que estão na sua lista de desejos?

Estudar gastronomia.

Viajar pela América do Norte, central e sul com a minha mãe.

Escrever um livro

Você cresceu em Campina Grande, qual é o seu lugar favorito na cidade?

O açude velho, o único lugar onde todos estão somente para apreciar a vista da cidade.

Um livro para ler antes de dormir?

Estou para ler “still me” ainda sou eu de Jojo Moyes.

Quais as suas redes três que devemos seguir?

Meu Instagram profissional: @julliemarief

Meu Instagram sobre animais: @felinosdamarie

O que a arte significa para você?

A arte significa leveza e revelar todos sentimentos de dentro de você em uma imagem.

A arte significa liberdade!

Um prazer?

Trabalhar como aquilo que amo e cuido.

Se você pudesse voltar ao passado, há alguma coisa que você mudaria?

Se eu voltasse ao passado, eu só gostaria de dizer ao meu irmão que eu estou muito grata de quantas vezes ele acreditou em mim, se eu voltasse, eu o traria de volta.

 

Assessoria

porpjbarreto

João Azevêdo apresenta resultados da missão na Europa e destaca agenda de investidores internacionais no Nordeste

O governador João Azevêdo fez, nesta segunda-feira (25), um balanço da missão realizada pelos governadores do Nordeste na França, Itália e Alemanha, na última semana, oportunidade que os gestores apresentaram os potenciais econômicos da região e viabilizaram novas agendas de trabalho com investidores europeus. Em seu programa semanal ‘Fala, governador’, transmitido em cadeia estadual pela rádio Tabajara, o chefe do Executivo estadual afirmou que no dia 9 de dezembro, representantes da empresa Golar Power estarão no Nordeste para apresentar seu plano de investimento na área de gás natural para os estados da região. Além disso, empresários dos três países virão ao Brasil em fevereiro e março do próximo ano para discutir parcerias nas áreas de saneamento e energias renováveis. Já a direção da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) deverá visitar a Paraíba para estudar eixos de investimentos e parcerias com o Estado.

“Essa missão teve, na sua essência, a oportunidade para que todos os Estados pudessem apresentar as suas potencialidades a empresários e a organismos internacionais públicos e privados. Tivemos uma semana extremamente positiva, com uma agenda muito intensa que norteou, a partir de agora, os Estados do Nordeste na busca por novos investimentos”, ressaltou o governador.

João Azevêdo também destacou que a missão na Europa ofereceu as condições para os governos estaduais desenvolverem projetos em diversos segmentos da economia e buscar investimentos que resultarão na geração de emprego e renda. “Alguns Estados, como o nosso, tiveram a confirmação da liberação de recursos colocados à disposição, como ocorreu na reunião com o Fida, e outros Estados apresentaram as suas potencialidades, e eu tenho certeza de que os frutos dessa missão na Europa, que alcançou os objetivos desejados, irão acontecer nos próximos meses porque tivemos condições de apresentar o Nordeste e a Paraíba e de entender a lógica dos investimentos com sustentabilidade, crescimento e inclusão social”, comentou.

Agenda – Na França, os governadores tiveram reuniões com um grupo de empresários, representantes da Golar Power, Unesco, Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) e dirigentes de Ministérios da Transição Ecológica e Solidária e das Relações Exteriores em busca de investimentos voltados para as energias alternativas, rota de transporte de gás natural e turismo, com foco no desenvolvimento sustentável. Na reunião com a secretária de Estado do Ministério de Transição Ecológica e Solidária, o Consórcio Nordeste assinou uma carta de intenção de cooperação nas áreas de meio ambiente e cidade sustentável, que prevê a cooperação bilateral nas áreas de proteção da biodiversidade e ecoturismo; agrosilvicultura; gestão do lixo; água e saneamento; cidade sustentável e mobilidade sustentável.

Na Itália, os gestores mantiveram encontros com integrantes dos Ministérios da Economia e Finanças e Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional, com empresários e industriais na Confederação Geral da Indústria Italiana (Confindustria) e com a direção geral do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (Fida), ocasião em que o governador João Azevêdo foi informado sobre a disponibilidade de até US$ 118 milhões da instituição e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para investimentos na agricultura familiar, segurança hídrica e arranjos produtivos locais da Paraíba.

Em Roma, ele também teve a oportunidade de apresentar os projetos para ampliação das operações no Porto de Cabedelo, implantação do Polo Turístico Cabo e do estaleiro de reparos navais, em Lucena, além do potencial do Estado na geração de energias eólica e solar.

Já na Alemanha, os governadores do Nordeste se reuniram com investidores na sede da Associação das Câmaras Alemãs de Comércio e Indústria (DIHK) e com representantes dos Ministérios da Economia, Educação e Cooperação e Desenvolvimento da Alemanha. Nas agendas, o gestor paraibano evidenciou o potencial tecnológico de Campina Grande e a fase de implantação do primeiro laboratório em tecnologia 5G no Nordeste e da parceria já existente com o instituto alemão Fraunhofer em um projeto de pesquisa para criação de plástico biodegradável.

A missão na Europa foi a primeira articulação internacional do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste) com o objetivo de ampliar o fluxo de negócios com investidores europeus e fortalecer as relações de cooperação, visando o desenvolvimento da região nordestina, que reúne 57,1 milhões de habitantes e tem um Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 898,1 bilhões, equivalente a 14% do PIB brasileiro. Na França, Itália e Alemanha, os governadores buscaram atrair recursos para áreas integradoras, como sustentabilidade, infraestrutura, turismo, saúde, segurança pública, saneamento e energias limpas, inclusive com a perspectiva de abertura de parcerias público-privadas (PPPs).

Além do governador João Azevêdo, participaram da missão os governadores Rui Costa (Bahia), Renan Filho (Alagoas), Camilo Santana (Ceará), Paulo Câmara (Pernambuco), Wellington Dias (Piauí), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), assim como o vice-governador Carlos Brandão (Maranhão). O governador de Sergipe foi representado pelo superintendente de PPPs, Oliveira Junior.

Secom

porpjbarreto

Bolsonaro inicia hoje viagem por Oriente Médio e Leste da Ásia

Presidente visitará cinco países, com foco em pauta comercial

O presidente Jair Bolsonaro iniciou neste sábado (19) uma viagem de dez dias na busca de reforçar laços comerciais com parceiros do Leste da Ásia e do Oriente Médio. Ele terá compromissos no Japão, na China, nos Emirados Árabes Unidos, no Catar e na Arábia Saudita. Segundo integrantes do governo, o presidente quer sinalizar para o mundo que o Brasil está comprometido com a abertura econômica, com o ambiente de negócios e com o programa de reformas.

Bolsonaro sai da Base Aérea de Brasília às 22h de hoje. Depois de escalas em Lisboa (Portugal) e Nursultan (Cazaquistão), ele chega a Tóquio, às 13h de domingo (20), horário local. A programação do presidente brasileiro inclui o evento de entronização do imperador Naruhito, na terça-feira (22).

Na quarta-feira (23), Bolsonaro participará de um banquete oferecido a todos os presidentes pelo primeiro-ministro japonês Shinzo Abe. No mesmo dia, haverá uma reunião de Bolsonaro com os membros do grupo de notáveis, formado pelos dirigentes das principais empresas do Japão (Mitsui, Toyota, Honda, Mitsubishi, dentre outras).

Na quinta-feira (24), a delegação brasileira segue para Pequim. Na China, Bolsonaro cumprirá programa de encontro com autoridades do país asiático, em 24 e 25 de outubro. Na visita à China, o presidente dará prosseguimento a uma extensa agenda de visitas mútuas de autoridades dos dois países.

Juntos, Japão e China têm um estoque de US$ 100 bilhões em investimentos no Brasil. A Ásia lidera as exportações e importações brasileiras. Só nos primeiros nove meses de 2019, 40% das exportações brasileiras foram destinadas à região, ao mesmo tempo em que 33% das importações brasileiras vieram da Ásia.

Em seguida, no sábado (26), Bolsonaro segue para Abu Dhabi, dando início à metade árabe da viagem. Depois da visita aos Emirados Árabes Unidos, o presidente segue para Doha. Ele passa a manhã e a tarde do dia 28 na capital do Catar e, em seguida, embarca para Riad, na Arábia Saudita, onde fica até o dia 30.

Na passagem pelo mundo árabe, a pauta brasileira também tem um viés comercial, de acordo com o Itamaraty. Nesse sentido, o destaque fica para o aumento das exportações da agropecuária brasileira, a atração de investimentos para os projetos de concessão e privatização de ativos do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), além do interesse árabe na indústria de defesa do Brasil.

Agência Brasil