Arquivo de tag 2020

porpjbarreto

Inscrições para o Prouni começam dia 28 de janeiro

Calendário foi publicado nesta segunda-feira (23)

As inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni) no primeiro semestre de 2020 já têm data marcada. Estudantes de todo o país poderão começar a se inscrever no dia 28 de janeiro. O prazo vai até as 23h59 de 31 de janeiro.

As informações sobre o calendário do programa foram publicadas no Diário Oficial da União nesta segunda-feira (23), em edital do Mistério da Educação. Os interessados podem se inscrever no portal do Prouni.

O ProUni oferta bolsas de estudo integrais (100%) ou de 50% a estudantes de cursos de graduação e de cursos sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior. O programa tem dois critérios de avaliação: desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e renda.

Direcionado aos estudantes egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular na condição de bolsistas integrais, a iniciativa tem sistema informatizado e impessoal para garantir transparência e segurança no processo.

Confira o cronograma

– 28 de janeiro a 31 de janeiro – inscrições

– 4 de fevereiro – divulgação de resultados da primeira chamada

– 4 a 11 de fevereiro – comprovação das informações e eventual processo seletivo próprio das instituições (primeira chamada)

– 4 a 14 de fevereiro – registro no SISPROUNI e emissão dos termos pelas instituições (primeira chamada)

– 18 de fevereiro – divulgação dos resultados da segunda chamada

– 18 a 28 de fevereiro – comprovação das informações e eventual processo seletivo próprio das instituições (segunda chamada)

– 18 de fevereiro a 3 de março – registro no SISPROUNI e emissão dos termos pelas instituições (segunda chamada)

 

Com informações do Ministério da Educação

porpjbarreto

Prefeito Zé Aldemir assina termo de adesão ao Garantia Safra 2019/2020

O Prefeito José Aldemir assinou na última segunda-feira (09), na sede da Secretaria do Desenvolvimento do Semiárido e da Agricultura Familiar do Estado, o Termo de Adesão ao PROGRAMA GARANTIA SAFRA 2019-2020.

Cajazeiras é um dos municípios que têm seguido todos os trâmites para garantir esse direito dos agricultores inscritos, e que em caso de perda da safra por excesso ou por falta de chuva, poderão contar com o benefício.

A secretária de Desenvolvimento Rural de Cajazeiras, Branquinha Abreu, informou que foram realizadas 303 inscrições de agricultores incluídos no programa, que é desenvolvido em parceria com a EMPAER.

Na próxima segunda-feira (16), haverá reunião do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável para homologação dessas inscrições para consequente recebimento dos boletos a serem pagos pelos agricultores.

O município está com todos os seus aportes de pagamentos quitados e em dia, para garantia desse direito ao homem do campo.

Secom

porpjbarreto

‘Nome mais forte para ganhar eleições de Campina é o de Veneziano’, diz Galdino

“O nome que tem mais apoio popular é o do senador Veneziano”. A afirmação foi feita, na última quinta-feira (14), pelo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado Adriano Galdino (PSB), ao ser questionado, durante o programa numa emissora de rádio da capital, quem poderia ser eleito prefeito de Campina Grande nas eleições de 2020.

“O nome mais forte em ganhar as eleições de Campina é o de Veneziano. Que me desculpe o deputado Inácio Falcão”, comentou Galdino ao apontar o senador Veneziano para disputar o cargo majoritário. O presidente da Assembleia Legislativa avaliou que Veneziano é eleito prefeito de Campina Grande se concorrer, sozinho, ao pleito, sem a presença do ex-senador Cássio Cunha Lima.

Escute a entrevista de Galdino:

 https://drive.google.com/open?id=1tYhNDvhmQbs8TcS6WLvb4jcsU8xZtr1f

Galdino admitiu, entretanto, que, caso Veneziano e Cássio concorram, não tem como prevê o resultados das eleições campinenses. Sobre o processo eleitoral de João Pessoa, o parlamentar ainda acha que o ex-governador Ricardo Coutinho é o que tem plenas condições de se eleger prefeito da Capital.

Redação com Assessoria

porpjbarreto

Quem será o candidato de oposição à prefeitura de Cajazeiras, com maior densidade eleitoral para vencer Zé Aldemir?

Na Paraíba, como nos demais recantos desse estado, o assunto mais recorrente e atual é falar de política; quando estamos próximos de campanha estadual, a demanda é pelas conjunturas e apoios aos deputados estaduais, federais, senadores e ao governo.

Trazendo o olhar para as cidades – levando em conta a proximidade das eleições municipais, o assunto não poderia ser outro. E as perguntas que não querem calar a boca dos eleitores, apoiadores, cientistas e comentaristas políticos é justamente em quem votar.

Em Cajazeiras, não é diferente, pois, as especulações em torno de alguns nomes já deram início há meses.

Fala-se em Carlos Filho (DEM), filho dos ex-prefeitos Denise e Carlos Antônio Araújo de Oliveira.

Comenta-se o nome do deputado estadual Júnior Araújo (Podemos).

Especula-se também os nomes de Marquinhos Campos, irmão do deputado Jeová Campos, de Antônio Gobira (Rede), de Zé Maria do (PT), de Mariana Moreira do (PT), de Rivelino Martins (PSB) e do Vereador Alysson Lira (PSD), este último aguarda uma resposta da família para pôr o bloco na rua.

Até o momento, quem tem feito intervenções na mídia e redes sociais com maior frequência tem sido o médico Carlos Filho e o sapateiro Antônio Gobira. Porém, vale ressaltar que a pessoa, ou grupo político mais organizado é o do atual prefeito José Aldemir (PP), que tem realizado reuniões constantes e formado novos grupos com pré-candidatos. Além do (PP) seu partido, o prefeito já dialogou e deixou certa a formação do (PSDB) com (vinte e três) pré-candidatos a vereadores.

Ainda segundo soubemos, o (MDB) está sendo recomposto com lideranças comunitárias, para o embate das eleições de 2020. A novidade é que o prefeito quer a presença do atual vice, Marcos do Riacho do Meio junto e misturado, para concorrer uma vaga e retornar à Câmara Municipal como vereador – excluindo assim seu parceiro de chapa.

De maneira independente e sem demonstração que comporá a oposição, ou situação – está o grupo formado e liderado pelo ex-vereador Chico de Bianôr, que recentemente divulgou a composição de (vinte e três) pré-candidatos à vereança pelo (Partido Social Cristão).

E a oposição de Cajazeiras, tem feito o que?

Redação