Categoria Tempo

porpjbarreto

Projeto de Veneziano apresentado na Câmara aumenta as condições de preservação ambiental no Brasil

Em 2015, o Deputado Federal e Senador eleito e já diplomado Veneziano Vital do Rêgo (PSB) apresentou o Projeto de Lei PL 3587/2015, que trata das condições de preservação ambiental e de saúde e segurança dos trabalhadores, para a realização das atividades de lavra mineral no país.

Veneziano justificou o Projeto alegando que as riquezas minerais de nosso país, como parte integrante do patrimônio comum do povo brasileiro, devem ser correta e criteriosamente exploradas, para produzir progresso e prosperidade para todos.

Entretanto, segundo Veneziano, a tragédia ocorrida na região de Mariana, no Estado de Minas Gerais, como a atual, na cidade de Brumadinho, demonstram o que pode acontecer quando essa exploração se faz sem os devidos cuidados e, principalmente, com uma fiscalização leniente e pouco atenta às condições de segurança e preservação ambiental, o que “acaba por redundar em prejuízos materiais e, sobretudo, humanos, sendo esses últimos absolutamente impagáveis”.

A ideia de Veneziano foi a de tornar mais rígidas as condições de concessão de autorização  de funcionamento e de fiscalização das atividades de lavra mineral, para “garantir que, de fato, essas atividades se realizem em condições de segurança e de preservação ambiental, e não apenas de mera geração de valores econômicos.”

O Projeto de Veneziano foi incorporado ao PL 37/2011, do Deputado Welington Prado (PT – MG), que está aguardando relator em uma Comissão especial da Câmara. Veneziano lembra que o que aconteceu em Brumadinho é de responsabilidade e negligência especialmente da Vale. Mas destaca a importância do projeto, que se hoje já estivesse sido colocado em prática, aumentaria a segurança dos trabalhadores em lavras e da produção mineral no nosso país. Veja detalhes do projeto no link: http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=2054287

 

Assessoria de Comunicação

Deputado Federal e Senador eleito

Veneziano Vital do Rêgo

porpjbarreto

Sonda chinesa chega ao lado oculto da Lua pela primeira vez

REPRESENTAÇÃO ARTÍSTICA DE CHANG’E-4 NA LUA

(FOTO: CHINA NATIONAL SPACE ADMINISTRATION/HANDOUT/EPA).

A nave chinesa Chang’e 4 pousou na inexplorada Bacia Polo Sul-Aitken, a maior, mais antiga e profunda cratera da superfície lunar. É a primeira vez que uma sonda chega ao lado oculto da Lua, representando um avanço para a astronomia.

Segundo o jornal The Guardian, os primeiros relatos do pouso bem-sucedido provocaram confusão. Isso porque a mídia estatal China Daily e a CGTN apagaram tweets nos quais a missão era exaltada. “A Chang’e 4 pousou no lado oposto da lua, inaugurando um novo capítulo na história da exploração lunar da humanidade”, dizia a mensagem do China Daily.

A confirmação oficial aconteceu poucas horas depois, por meio da emissora estatal chinesa CCTV, que divulgou que o veículo pousou às 00h26 (horário de Brasília), desta quinta-feira (3).

A Chang’e 4 é controlada pela Administração Nacional do Espaço da China (CNSA, na sigla em inglês). A sua missão é fazer medições detalhadas do terreno e da composição mineral da Lua.

Acredita-se que a Bacia Polo Sul-Aitken tenha sido formada durante uma gigantesca colisão. É provável que essa colisão tenha impactado materiais lunares internos, o que significa que a sonda poder fornecer novas pistas sobre a formação do satélite natural.

Para Malcolm Davis, analista do Australian Strategic Policy Institute, entidade de defesa australiana, o pouso representa mais do que um avanço na astronomia. “Há muita geopolítica e astropolítica nisso. Não é apenas uma missão científica, mas também a ascensão da China como superpotência”, ele disse. “Há muito nacionalismo na China, e eles veem o papel do país no espaço como parte fundamental do desenvolvimento.”

 

GALILEU

porpjbarreto

A primeira foto da lua foi feita em 1839

O autor da façanha foi o francês Louis Daguerre

A Música do Dia é “Down to the Moon“, de Andreas Vollenweider.

No dia 2 de janeiro de 1839, o francês Louis Jacques Mandé Daguerre fez a primeira fotografia da Lua. Ele é apontado como autor da primeira patente para um equipamento fotográfico, em 1837.

A invenção que produziu uma imagem sem negativo foi chamada de daguerreótipo. Em 1839, a invenção foi apresentada à Academia de Ciências de Paris e foi declarada de domínio público. A descoberta é apontada como marco inicial da fotografia.

Produção e apresentação – Luiz Cláudio Canuto
Fonte: EBC e Agência Rádio Câmara
porpjbarreto

Saiba o volume dos principais açudes públicos do Estado segundo AESA

De acordo com a AESA e seu monitoramento diário dos principais açudes públicos do estado, o volume mostra em milhões de m³.

Abaixo, os nossos leitores podem observar o nome de cada açude para ver os gráficos da evolução e seu volume.

Clique no link a seguir, para ter acesso aos dados – VOLUME DIÁRIO DOS PRINCIPAIS AÇUDES

 

Com AESA-PB

porpjbarreto

Passa de 400 número de mortos em tsunami na Indonesia

A cada dia aumenta o número de vítimas em decorrência do tsunami desencadeado após erupção do vulcão Anak Krakatau, na região costeira da Indonésia. O balanço mais recente divulgado hoje (25) é de 429 mortos e 1.459 feridos, além dos desaparecidos.

tsunami, registrado há três dias, destruiu 882 casas, 73 hotéis, vilas e edifícios localizados no litoral. De acordo com o porta-voz da Agência Nacional de Gerenciamento de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho, 16.082 pessoas foram deslocadas.

O desastre também destruiu um porto marítimo e 434 navios e embarcações nos distritos de Pandeglang e Serang mais atingidos na província de Banten, e nos distritos de Lampung Selatan, Panawaran e Tenggamus na província de Lampung.

Buscas

As buscas se estendem por terra e mar entre as ilhas de Java e Sumatra, já que muitas vítimas teriam sido arrastadas pelas ondas. “Os navios que procuram as vítimas já recuperaram vários corpos no mar”, disse Sutopo.

Mais de 2 mil soldados e policiais, além de pessoal do escritório de busca e salvamento e do escritório da agência de gestão de desastres participaram de uma operação de socorro emergencial.

Falhas

O porta-voz admitiu que falhas no sistema de alerta contribuíram para o agravamento da situação. “A ausência e o fracasso dos primeiros sistemas de alerta de tsunamis contribuíram para as enormes baixas porque as pessoas não tiveram oportunidade de serem deslocadas.”

A agência de meteorologia e geofísica proibiu atividades nas áreas costeiras após o tsunami.

Em 26 de dezembro de 2004, um enorme tsunami desencadeado por um poderoso terremoto atingiu países ao longo do Oceano Índico, matando 226 mil pessoas, incluindo 170 mil na província de Aceh, na ponta norte da ilha de Sumatra, na Indonésia.

Vulcão

A área do vulcão Anak Krakatau está cercada de estâncias turísticas, uma zona industrial, uma movimentada faixa de navegação e algumas áreas residenciais. No sábado, ondas de 4 a 5 metros atingiram a costa.

Anak Krakatau é um dos 129 vulcões ativos na Indonésia, uma vasta nação de arquipélagos que abriga 17,5 mil ilhas, situada em uma zona propensa ao terremoto do chamado Anel de Fogo do Pacífico.

 

Fonte: Agência Brasil

*Com informações da Xinhua, agência pública de notícias da China.

 

porpjbarreto

Pâmela Bório se solidariza com filho de Bolsonaro nos ataques a Julian Lemos e revela bastidores surpreendentes da campanha

A jornalista Pâmela Bório, ex-candidata a deputada federal pelo PSL, partido do presidente eleito Jair Bolsonaro, usou suas redes sociais para se solidarizar aos comentários do filho do presidente o vereador Carlos Bolsonaro que desde ontem (05), vem promovendo um embate público contra o deputado federal eleito pela Paraíba, Julian Lemos (PSL), que comanda o partido no Estado e é o atual vice-presidente nacional da sigla.

No seu post, Pâmela revela que Julian Lemos responde a diversos crimes na justiça e se solidariza ao filho do presidente. Ela aproveitou e fez revelações surpreendentes, sobre os bastidores da campanha de Bolsonaro na Paraíba, comentando sobre a postura de Julian Lemos e levantando suspeitas sobre a conduta do então candidato a deputado federal.

Veja a postagem, na íntegra:

Pâmela Bório se solidariza com filho de Bolsonaro.

Pâmela Bório se solidariza com filho de Bolsonaro.

“Não vou aqui me ater à ação de estelionatos, nem aos processos trabalhistas, nem às três ações na Maria da Penha movida pela irmã e também pela ex-mulher do Julian, cujo nome verdadeiro é Gulliem Charles que eu só vim saber a poucos dias das eleições e tive acesso a detalhes posteriormente através de vítimas, testemunhas e pela imprensa que nesta semana trouxe detalhes dos esquemas com a manchete ‘Aliado de Bolsonaro usou parentes como laranjas’. Aqui, atenho-me aos fatos políticos que interessam a todos e sobre as circunstâncias em que estou envolvida.

Primeiramente venho defender a Palavra e a Verdade. Um filho deve proteger seu pai até dele mesmo se preciso for – isso sim é honrar pai e mãe. O resto é balela e blasfêmia ao usar o nome de Deus em vão. Os filhos sempre querem o melhor para seus pais – excessões nem devem ser nomeadas assim. Ora, um filho protetor só quer o bem do pai que tanto ama! Quem insinua que este filho teria “ciúmes e invejas absolutamente desnecessários, mas existentes” faz uso do recurso esquerdista proferido por Lenin: “Acuse os adversários do que você faz, chame-os do que você é!” Infelizmente a ligação com a esquerda mais danosa que a ideológica é a concreta, ao ponto de se fazer “acordo de cavalheiros” nos bastidores, mas publicamente manter ceninhas de acirramento menos intenso para que não percebamos os pactos escusos de não mais se degladiarem – em troca de favores, como por exemplo: “quero a cabeça de Pâmela e o fim da campanha pela prefeitura de Cabedelo para que haja abrandamento dos ataques e combinado de paz no momento”.

Quem não tem rabo preso faz oposição de verdade – essa historinha de que pelo bem do estado “não fará uma oposição radical ao governador eleito João Azevêdo (PSB)” é balela que não engana nem aos esquerdopatas. Como pode ludibriar os eleitores como defensor da direita e depois mudar o tom do discurso quando se consegue o foco da ambição? É fraude eleitoral que chama?

Quem diz que não será “agência de interesses pessoais” não faz “toma lá-dá cá” ao usar cargos do governo para colocar pretensos aliados de campanhas futuras, ainda pior quando tais aliados vieram de partidos e gestões de esquerda. De onde mesmo veio o Tarcio Handel Pessoa? Helton René também?

Quem “faz parte da cultura política provinciana” não boicota, descarta material de candidatos concorrentes acarretando danos ao próprio partido e ocasionando prejuízo ao dinheiro do povo no fundo partidário – sim, não bastou impelir as comuns “casadinhas” nesses materiais dos demais federais com os estaduais, não bastou proibir que postulantes tivessem acesso à carreatas, trios, veículos como eu mesma presenciei um dos nossos partidários sendo mandado embora de uma carreata em Campina. Eu mesma só não passei por isso, mas fui até proibida de falar no microfone a olhos vistos na cidade de Pombal. Quem pretende ser representante jamais age de forma desonesta, truculenta… Por isso defendo que políticos passem por avaliação do currículo, escolaridade, antecedentes e exames psicológicos antes de se candidatarem. E após devemos até checar compras… Já pensou em plena campanha um pretenso político aparecer com uma Amarok???

Quem se diz “totalmente único e envolvido exclusivamente em ajudar o presidente Jair Bolsonaro” não deixa o presidente sem comitê e sem o material tão procurado por seus eleitores (quem não se lembra de ter buscado material de campanha presidencial no 1º turno e só encontrava os feitos por movimentos apartidários e eleitores? Bolsonaro só veio ter campanha política de verdade no segundo turno pq teriam de justificar a destinação dos gastos na justiça eleitoral?

Que bom que estamos na era da democratização da informação e não há justificativa para que se aceite como verdade absoluta a refutação de alguém com uma ficha no passado tão extensa e com atos no presente tão reprováveis. Mais que palavras, os fatos falam por si. Eu poderia ter me protegido e acertado passos se tivesse ao menos apurado sobre pessoas à minha volta. Por isso pesquisem bem antes de emitirem julgamentos errados, superficiais. Ao Carlos Bolsonaro, o meu irrefutável apoio e solidariedade. Através de sua personalidade e comportamento vemos que você sim verdadeiramente soube o que é honrar pai, mãe, irmãos, família, pessoas… Quem por onde passou e deixou rastro de maldade, guerra, destruição e até divisões no movimento da direita definitivamente não tem moral para tentar atingir ninguém com tais artifícios. Brasil acima de tudo e ninguém acima da Lei. Querem apaziguar os ânimos de quem sempre lutou por justiça? É só agirem corretamente em consonância com o que povo brasileiro espera de nós: referenciais de honestidade e caráter. Afinal, o nosso partido é o Brasil e não temos bandidos de estimação”.

 

Pâmela Bório – PSL Paraíba

 

https://www.buzzfeed.com/severinomotta/julian-lemos-empresas-divida-trabalhista

 

https://www.google.com.br/amp/s/portalcorreio.com.br/julian-lemos-d

Redação com Jornalismo PBNews

porpjbarreto

Campanha de Natal da LBV vai beneficiar 50 mil famílias em todo o Brasil

Na Paraíba, a instituição atenderá os municípios de Alagoa Grande, Campina Grande, Dona Inês, João Pessoa e Sapé

Além de todo o trabalho socioeducacional realizado diariamente em favor de milhares de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos em situação de vulnerabilidade em todo o país, a Legião da Boa Vontade promove diversas campanhas de socorro às populações que enfrentam desafios sociais como a escassez de alimentos. Entre as iniciativas, a campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!, realizada tradicionalmente pela Instituição, neste ano tem como meta arrecadar mil toneladas de alimentos não perecíveis (um milhão de quilos) e beneficiar mais de 50 mil famílias atendidas nas cinco regiões brasileiras pelos programas socioassistenciais da Legião da Boa Vontade e também por organizações parceiras.

A campanha recebe o apoio de colaboradores, voluntários, artistas, esportistas, empresários e estudantes, que mobilizam a população numa grande ação solidária para arrecadar os alimentos e, assim, proporcionar um Natal digno e sem fome a milhares de famílias. Diversos veículos de comunicação e profissionais da mídia também estão engajados na divulgação da campanha, que reforça a importância de celebrar o Natal ajudando também aqueles que não tem o que comer.

Sua atitude vale muito

O objetivo é entregar a cada família uma cesta contendo itens de acordo com os costumes de cada região, tais como: arroz, feijão, óleo, açúcar, leite em pó, macarrão, farinha de mandioca e de trigo, fubá, extrato de tomate, massa para cuscuz, carne de charque, entre outros.

No Estado da Paraíba, a Instituição, precisa de seu apoio para que possa assistir centenas de famílias das cidades do Brejo Paraibano (Alagoa Grande, Dona Inês e Sapé), Campina Grande e João Pessoa.

As doações para a campanha podem ser feitas no site www.lbv.org, pelo telefone 0800 055 50 99 ou ainda em uma das unidades de atendimento da LBV localizada em Campina Grande e em João Pessoa.

Natal Permanente da LBV

Vale ressaltar que as ações da Legião da Boa Vontade são movidas pelo ideal de Fraternidade Ecumênica e tem como inspiração os ensinamentos e exemplos de Jesus, o Cristo Ecumênico. Desde 1940, a LBV instituiu o seu Natal Permanente numa campanha contra a fome e a pobreza e ao longo de quase 70 anos tem trabalhado para melhorar a qualidade de vida das populações menos favorecidas. Além do amparo imediato e da constante atuação nos campos da assistência social e da educação, que vêm mudando o destino de milhares de pessoas, a LBV tem tradicionalmente mobilizado a sociedade brasileira a fim de proporcionar um Natal melhor a famílias em todo o Brasil.

 

Assessoria de Imprensa

porpjbarreto

Paraíba: Saiba quanto choveu no seu município no último dia (27)

Saiba a precipitação máxima de chuvas caídas nos municípios paraibanos no último dia (27/11/2018) em cada região do estado clicando no link abaixo.

METEOROLOGIA – CHUVAS

 

Com AESA-PB

porpjbarreto

O TEMPO E A TEMPERATURA: Máxima pode chegar a 38 graus no Norte do país nesta terça-feira (20)

O TEMPO E A TEMPERATURA: Máxima pode chegar a 38 graus no Norte do país nesta terça-feira (20)

Parte do Pará e Tocantins tem possível possível chuva

Terça-feira (20) de céu encoberto a nublado com pancadas de chuva nos pontos norte, sudoeste e sul do Amazonas, junto aos estados de Rondônia e do Acre. Mas pela região metropolitana e sudeste do Pará, junto ao sul e norte do Tocantins, o clima permanece parcialmente nublado a nublado com possíveis chuvas isoladas. A temperatura por toda a região aumenta e a máxima chega em 38 graus, com a mínima em 22 graus.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Céu deve ficar encoberto no Centro-Oeste nesta terça-feira (20)

Região tem mínima em 16 graus

Nesta terça-feira (20), o céu fica encoberto a nublado pelos pontos norte e nordeste de Mato Grosso do Sul, juntos aos estados de Goiás, Mato Grosso e o Distrito Federal. Essa mesma região recebe um clima com pancadas de chuva e trovoadas. Pelo sul e sudoeste de Mato Grosso do Sul, o clima fica parcialmente nublado com névoa úmida e possível nevoeiro. Nas demais áreas da região Centro-Oeste, há possibilidade de chuvas isoladas. A temperatura máxima da região é de 34 graus e a mínima está em 16 graus.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Termômetros podem chegar a 30 graus na Região Sul nesta terça-feira (20)

Umidade relativa do ar varia entre 30% e 95%

Nesta terça-feira (20), o céu de toda a região Sul fica parcialmente nublado. Santa Catarina e Paraná, além desse clima, ficam com uma névoa úmida ou seca durante o dia. Entre os estados a máxima com maior alteração é no Rio Grande do Sul, que tem 30 graus. Para os demais pontos da região, a temperatura é de sete graus de mínima e 30 graus de máxima.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Região Sudeste tem mínima de 10 graus nesta terça-feira (20)

Intensidade do vento por toda a região varia de fraco a moderado com rajadas

Nesta terça-feira (20), a visita fica por conta da chuva forte e trovoadas isoladas nos pontos oeste, leste, Zona da Mata e centro de Minas Gerais, norte, nordeste e litoral norte de São Paulo, sul, região serrana e metropolitana do Espírito Santo. Fora essa chuva, a região fica encoberta a nublada. Outro ponto a ficar encoberto é o Rio de Janeiro, mas recebe uma chuva isolada durante o dia. Nas demais áreas da região, o céu fica nublado com chuvas. A temperatura tem baixa mas a máxima pode descer ainda mais, por enquanto varia entre 10 graus de mínima e a máxima em 35.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Nordeste deve ter dia chuvoso nesta terça-feira (20)

Umidade relativa do ar permanece em 25% e 95%

Terça-feira (20) com céu nublado a parcialmente nublado nos pontos oeste e sul da Bahia. A chuva pode passar por essa região também, mas os pontos sudoeste baiano, leste de Sergipe e Alagoas, região metropolitana do Recife e zona da mata de Pernambuco são os com maior possibilidade. Além desses, o litoral e zona da mata da Paraíba e no sudoeste do Piauí também recebem possibilidade de chuva. Os termômetros por todo o Nordeste variam entre 17 e 41 graus.

 

As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Igor Brandão – o tempo e a temperatura.

Fonte: Agência do Rádio

 

porpjbarreto

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sexta-feira (16) com chuva isolada no Nordeste do país

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sudeste tem céu nublado e chuva isolada nesta sexta-feira (16)

Umidade relativa do ar varia entre 45% e 100%

O céu fica nublado nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e em São Paulo, mas podem receber pancadas de chuva e trovoadas isoladas nesta sexta (16). A chuva pode ser carregada para o estado de Espírito Santo também. Os termômetros por toda a Região sofrem alteração e variam entre 13 graus de mínima e 37 graus de máxima.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Região Sul tem céu nublado nesta sexta-feira (16)

Umidade relativa do ar varia entre 25% e 100%

O céu nesta sexta-feira (16) fica nublado, mas recebe pancadas de chuva junto a trovoadas por todo o estado de Paraná e o ponto oeste de Santa Catarina. O Rio Grande do Sul recebe clima claro a parcialmente nublado. Para os demais pontos da Região Sul o céu fica parcialmente nublado a nublado. Os termômetros para todos os estados variam entre 12 graus de mínima e 35 graus de máxima.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Centro-Oeste tem céu encoberto nesta sexta (16)

Umidade relativa do ar varia entre 35% e 100%

O céu nesta sexta-feira (16) varia entre nublado e encoberto com pancadas de chuva e trovoadas isoladas por todos os estados da Região Centro Oeste. Além do clima assim, o Mato Grosso do Sul recebe chuva forte no centro-sul e oeste. Com todo esse clima, os termômetros da Região variam entre 18 graus de mínima e 36 graus de máxima.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sexta-feira (16) com chuva isolada no Nordeste do país

Intensidade do vento por toda a região varia de fraco a moderado

O clima na região sudoeste do Maranhão e o estado da Bahia fica nublado a parcialmente nublado, mas pode receber pancada de chuva isolada. A previsão é que também tenha chuva ao sudoeste e centro-norte do Piauí e pelo leste dos estados de Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas. Para as demais áreas da Região, o céu fica nublado a parcialmente nublado. Os termômetros ficam estáveis e variam entre 17 e 41 graus.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Região Norte tem tempo parcialmente nublado a nublado, nesta sexta-feira (16)

Umidade relativa do ar varia entre 30 e 100% em toda a Região

Os estados de Rondônia, Acre e Tocantins ficam com céu nublado e podem receber uma pancada de chuva isolada com trovoadas nesta sexta-feira (16). Os pontos sudoeste do Amazonas, sudoeste e Região Metropolitana do Pará também recebem esse mesmo clima. Para as demais áreas o que prevalece é o tempo nublado a parcialmente nublado. Os termômetros variam entre 18 graus de mínima e 36 graus de máxima em toda a região.

 

As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Igor Brandão, o tempo e a temperatura

Fonte: Agência do Rádio