Categoria Slide

porpjbarreto

Vereadores turistas de Santa Rita serão tema de reportagem no Fantástico deste domingo

O programa dominical trará reportagem detalhada sobre o caso dos vereadores suspeitos de criar seminário fictício para fazer turismo com dinheiro público.

O caso dos ‘vereadores turistas’ de Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa, foi para no Fantástico e será exibido para todo o Brasil em reportagem na edição do programa deste domingo (17).

Na madrugada do último dia 5, foram presos 11 dos 19 vereadores de Santa Rita, além do contador da Câmara Municipal, quando voltavam de um suposto seminário na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul.

De acordo com investigação do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) e as Delegacias de Repressão ao Crime Organizado e Combate a Corrupção, o evento não ocorreu de verdade e foi criado apenas para justificar a viagem com verba pública. O período coincidiu com a realização do Natal Luz, que atrai um grande numero de turistas para Gramado.

Após passar por audiência de custódia, os vereadores foram soltos e continuam respondendo ao processo em liberdade. Computadores e celulares dos envolvidos foram apreendidos para auxiliar na investigação.

Veja quem são os vereadores envolvidos.

1 – Anesio Alves de Miranda Filho  – Presidente da Câmara
2 – Brunno Inocencio da Nóbrega Silva
3 – Carlos Antônio da Silva
4 – Francisco de Medeiros Silva
5 – Diocélio Ribeiro de Sousa
6 – Francisco Morais de Queiroga
7 – João Evangelista da Silva
8 – Ivonete Virgínio de Barros
9 – Marcos Farias de França
10 – Sérgio Roberto do Nascimento
11 – Roseli Diniz da Silva

 

Com clickpb

porpjbarreto

Revoltante: Mulher grava vídeo maltratando a própria filha, mas ninguém encontra a suspeita em Macapá

Uma mulher ainda não identificada, fez um vídeo maltratando a própria filha no município de Macapá. 

 

Ainda não se sabe nada sobre a suspeita, e nem descobriram quem gravou o vídeo, mas essa polêmica tem gerado revolta nos moradores da cidade.

O vídeo está sendo divulgado em várias redes sociais e aplicativos de mensagem. E nele, a suposta agressora senta, pisa e machuca a filha ao som de uma música pop, enquanto a criança grita, chora e pede para ela parar.

Confira:

 

Por Amazônia Press

porpjbarreto

Celulares pré-pagos de 17 estados devem ser recadastrados até segunda

Titulares de linha telefônica pré-paga em 17 estados têm até a próxima segunda-feira (18) para recadastrar e atualizar seus dados, sob risco de ficarem com o serviço bloqueado. A medida faz parte do projeto da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para a criação do cadastro nacional de usuários dos serviços de telefonia celular pré-paga.

A exigência vale para os moradores dos estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Sergipe e São Paulo. Os demais estados e o Distrito Federal já concluíram essa etapa de recadastramento.

Esta é última fase da campanha de comunicação aos consumidores com cadastros desatualizados, realizada pelas prestadoras Algar, Claro, Oi, Sercomtel, Tim e Vivo, dentro do Projeto Cadastro Pré-Pago.

Segundo a agência reguladora, o objetivo da iniciativa é assegurar uma base cadastral correta e atualizada, para evitar a ocorrência de fraudes de subscrição (linhas associadas indevidamente a CPFs) e, dessa forma, ampliar a segurança dos consumidores.

Recadastramento

Os usuários de pacotes pré-pagos serão acionados pelas operadoras por canais como mensagem de texto, ligações ou pop ups em sites. O procedimento é aplicado apenas aos usuários com pendências cadastrais. As operadoras também disponibilizaram canais de atendimento para fornecer mais informações sobre o recadastramento, como páginas específicas nos sites e números.

Pessoas que tiverem a linha pré-paga bloqueada poderão atualizar os dados cadastrais junto à sua prestadora por meio dos canais de atendimento disponíveis, como call center e espaço reservado ao consumidor na internet. Nesse contato, devem ser informados o nome completo e o endereço com o número do CEP. No caso de pessoa física, é necessário informar o número do CPF e, para pessoa jurídica, o CNPJ. Também poderão ser solicitadas informações adicionais de validação do cadastro.

Para evitar fraudes, os usuários podem confirmar se o SMS de solicitação de recadastramento recebido foi, de fato, encaminhado pela prestadora contratada.

Confira os números utilizados pelas prestadoras para envio das mensagens:

Cadastro pré-pago
Cadastro pré-pago – Anatel

Em caso de dúvidas, os titulares de linhas pré-pagas podem entrar em contato com as operadoras pelos seguintes canais:

Operadora  Endereço eletrônico Central de atendimento
Claro https://www.claro.com.br/institucional/regulatorio/cadastro-pre  1052
Tim https://www.tim.com.br/sp/para-voce/projeto-cadastro-pre  1056
Vivo https://www.vivo.com.br/para-voce/ajuda/duvidas/celular/vivo-pre/recadastro-pre-pago   1058
Oi https://www.oi.com.br/celular/pre-pago/atualizar-cadastro  1057
Algar https://www.algartelecom.com.br/para-voce/atendimento/comunicados?comunicadosCelular-0  1055
Sercomtel https://www.sercomtel.com.br/cadastro-pre-pago/  1051

  Fonte: Anatel

porpjbarreto

Delzinho: da surpresa à realidade de um grande presidente

Houve quem duvidasse, houve quem não acreditasse, houve até os que pagaram para ver! Mas o fato é que o atual presidente da Câmara de Cajazeiras, “Deuzinho da Arara” (PTC), vem tendo um desempenho considerado de ótimo à excelente, à frente do Poder Legislativo Municipal.

São inúmeras as ações que fazem da sua gestão uma das mais produtivas daquela casa legislativa e que coloca “Deuzinho” no rol dos principais presidentes que já dirigiram aquele poder.

Dentre os muitos destaques está a implantação do painel eletrônico que permite a dinamização dos trabalhos, além do acompanhamento mais apurado e controle de presenças dos parlamentares, dando maior visibilidade do plenário que ganhou ares de grandes parlamentos.

A construção do arquivo no próprio prédio da Câmara é outra grande conquista do presidente, que realizou uma promessa antiga de outros administradores, preservando assim, a memória da Casa.

A aquisição de um novo elevador que vai resolver de vez o problema das pessoas que não conseguem se locomover pelas escadas será um marco da administração de “Deuzinho”, que a partir de 2020 não vai mais locar veículos, pois o presidente tem dito que está adquirindo um carro e uma motocicleta, para realização dos serviços necessários.

Por essas e outras ações tão importantes, “Deuzinho da Arara” deverá ter o seu nome marcado na história da Câmara Municipal – como um dos maiores benfeitores do Poder Legislativo cajazeirense.

 

Por Eutim Rodrigues

porpjbarreto

Cachê do cantor de ‘Caneta Azul’ mais que dobra e chega a 20 mil reais

Muita gente pode não saber quem é Manoel Gomes, mas os versos de ‘Caneta Azul’, música que transformou o lavrador maranhense em celebridade nacional, certamente não saem da cabeça. E, graças ao estrondoso sucesso de ‘Caneta Azul’, hit que já foi cantado por Wesley Safadão, Neymar e até Rodrigo Faro, hoje, o novo cantor e compositor faz shows por todo o país a um cachê de até 20 mil reais.

O valor mais que dobrou em menos de um mês. Assim que começou a ‘viralizar’ nas redes, Manoel cobrava 8 mil reais para se apresentar, mas toda a repercussão e a quantidade de pedidos de shows fez o cachê inflacionar. Hoje, os valores giram entre 15 e 20 mil, mas a previsão é de que eles subam ainda mais, simplesmente porque está prevista uma participação do ‘Caneta Azul’ em uma ação da Mega da Virada, em rede nacional, nas próximas semanas.

Agora, engana-se quem acha que a alta no cachê de Manoel Gomes afastou os contratantes. Pelo contrário! Segundo uma fonte próxima ao novo artista, a agenda de shows está fechada até o final do ano. Datas disponíveis, somente a partir de janeiro.

Universo Online

porpjbarreto

Presidente do TJPB e Prefeito de São Mamede assinam Protocolo de Intenções para cessão do uso do Fórum

O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos, e o prefeito de São Mamede, Umberto Jefferson de Morais Lima, assinaram o Protocolo de Intenções 004/2019, tendo por objeto a cessão do uso, ao Município, dos imóveis de propriedade do TJPB: a sede do Fórum da cidade, recentemente agregada à Comarca de Patos, e a residência oficial do juiz. O ato da assinatura aconteceu na tarde da última quinta-feira (14), no gabinete da Presidência do TJPB.

Estavam presentes os desembargadores João Benedito da Silva, presidente da  Comissão de Destinação de Imóveis, e Maria das Graças Morais Guedes, os juízes auxiliares da Presidência e da vice, Gustavo Procópio, Rodrigo Marques e Herbert Lisboa, a juíza diretora do Fórum de Patos, Joscileide Ferreira de Lira, e o diretor de Gestão de Pessoas e Administrativa, Einstein Roosevelt Leite.

O desembargador-presidente, Márcio Murilo disse estar satisfeito com a destinação da sede do Fórum de São Mamede que será utilizada, temporariamente, como anexo de uma Escola do Município, ampliando o número de vagas. “O prefeito informou que vai montar uma estrutura de colégio para mais de 100 crianças. Terá um auditório, inclusive, para as palestras municipais. A educação é fundamental”, ressaltou, destacando que a qualidade da prestação jurisdicional para o povo de São Mamede será mantida, por meio da Justiça de Patos.

Já o prefeito Umberto Jefferson explicou que, após a agregação da Comarca de São Mamede a Patos, procurou o Tribunal para saber da disponibilidade da cessão dos imóveis para a utilização em prol da população da cidade. Ele lembrou a participação da desembargadora Maria das Graças Moraes Guedes, que, com o presidente do TJPB, desembargador Márcio Murilo, foram sensíveis às solicitações da Prefeitura.

“Por meio desta assinatura, estamos concretizando um ato que beneficiará, e muito, a nossa cidade. A intenção é utilizar a estrutura física do Fórum para ampliar o número de vagas da Escola Francisco Pergentino, que hoje é a maior do Município e conta com mais de 500 alunos. Isto já para o ano letivo de 2020. Com a cessão do prédio, poderemos, inclusive, ampliar o número para mais 100 vagas, tendo em vista a estrutura do Fórum”, enfatizou.

Ele evidenciou, ainda, a preocupação social da Presidência do Tribunal de Justiça em disponibilizar o espaço para quem mais precisa. Segundo o prefeito, o Município vai custear a parte de manutenção do prédio, mas, em contrapartida, terá à disposição um local que vai beneficiar a coletividade. “Aqui, estamos unindo forças para fazer o bem à população”, finalizou.

A diretora do Fórum de Patos, juíza Joscileide Ferreira, destacou a preocupação que o Tribunal de Justiça teve quanto à finalidade do imóvel, que servirá para a extensão de uma escola, onde vários estudantes serão beneficiados, bem como, a sociedade.

Conforme explicou o juiz Gustavo Procópio, o Protocolo de Intenções irá para apreciação do Pleno do Tribunal de Justiça.

Por Lila Santos/Gecom-TJPB

porpjbarreto

Mãe mata filho enforcado porque ele não quis limpar a casa de madrugada, em Santa Helena/GO

O delegado Dannilo Proto contou que a mulher acordou o filho por volta das 4h30

Uma mulher foi presa suspeita de matar o próprio filho de 6 anos enforcado em Santa Helena de Goiás (GO). De acordo com informações da polícia, a mulher teria acordado o menino de madrugada para limpar a casa, mas ele não quis.

O delegado Dannilo Proto contou que a mulher acordou o filho por volta das 4h30, que se recusou a limpar a casa. “Ela então deu duas cintadas nele, que correu para o quintal. Em seguida, ela o executou”, completou.

A suspeita foi presa na última quinta-feira (14/11/2019) e contou à polícia que agiu em um “estado de fúria”. Segundo o delegado, ela confessou o crime sem demonstrar arrependimento. “Ela confessou a execução do próprio filho durante a madrugada e na parte da manhã ligou para nós avisando”.

A polícia informou ainda que a mulher está envolvida na morte de outro filho. Na ocasião, ela alegou que dormiu em cima da criança.

Metrópoles 

porpjbarreto

Sertão: divulgado edital de concurso da Câmara Municipal de Santa Luzia, PB

São apenas três vagas com salários de até R$ 1,2 mil

Foi divulgado o edital do concurso para a Câmara Municipal de Santa Luzia, no Sertão paraibano, que oferece três vagas em cargos de níveis fundamental e médio completo. Os salários variam de R$ 998 a R$ 1.222,76 e as inscrições são entre os dias 25 de novembro e 26 de dezembro.

Conforme o edital, o cargo com maior salário é o de motorista, que exige nível fundamental completo e CNH categoria B. Também há uma vaga para auxiliar de serviços gerais, de nível fundamental completo, e agente administrativo, para pessoas com nível médio completo.

As inscrições devem ser feitas no site da organizadora, entre as 10h do dia 25 de novembro até as 23h59 do dia 26 de dezembro de 2019. A taxa de inscrição custa R$ 65 para cargos de níveis fundamental e R$ 85 para o cargo de nível médio.

As provas objetivas estão previstas para acontecer no dia 16 de fevereiro de 2020.

Concurso da Câmara Municipal de Santa Luzia

G1

porpjbarreto

‘Nome mais forte para ganhar eleições de Campina é o de Veneziano’, diz Galdino

“O nome que tem mais apoio popular é o do senador Veneziano”. A afirmação foi feita, na última quinta-feira (14), pelo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado Adriano Galdino (PSB), ao ser questionado, durante o programa numa emissora de rádio da capital, quem poderia ser eleito prefeito de Campina Grande nas eleições de 2020.

“O nome mais forte em ganhar as eleições de Campina é o de Veneziano. Que me desculpe o deputado Inácio Falcão”, comentou Galdino ao apontar o senador Veneziano para disputar o cargo majoritário. O presidente da Assembleia Legislativa avaliou que Veneziano é eleito prefeito de Campina Grande se concorrer, sozinho, ao pleito, sem a presença do ex-senador Cássio Cunha Lima.

Escute a entrevista de Galdino:

 https://drive.google.com/open?id=1tYhNDvhmQbs8TcS6WLvb4jcsU8xZtr1f

Galdino admitiu, entretanto, que, caso Veneziano e Cássio concorram, não tem como prevê o resultados das eleições campinenses. Sobre o processo eleitoral de João Pessoa, o parlamentar ainda acha que o ex-governador Ricardo Coutinho é o que tem plenas condições de se eleger prefeito da Capital.

Redação com Assessoria

porpjbarreto

15 de novembro: Proclamação da República completa 130 anos

Entenda o nascimento da República no Brasil

Em 1888, a Lei Áurea aboliu oficialmente a escravidão, mas o Império estava em crise. Por um lado acreditava-se que os antigos escravizadores aderiram aos ideais republicanos para destituir a família real. Mas o cenário era bem mais amplo.

Dom Pedro II estava muito doente e a sucessora seria a princesa Isabel, que era casada com um francês, o conde D’Eu, considerado impopular, figura que também já havia criado conflitos com os militares na ocasião da Guerra do Paraguai.

“A participação do conde D’eu na Guerra do Paraguai é um dos fatores de impopularidade. Ele era arrogante. Dizem que ele promoveu massacres. Não tinha aptidão para administrar”, conta a historiadora Catia Faria.

Quem também tinha pouco prestígio entre os militares era o visconde de Ouro Preto, chefe do gabinete do Império e conhecido pela intransigência. Ele foi nomeado por Dom Pedro II para fazer as reformas que os republicanos buscavam.

Assista na TV Brasil:

Em 1870, o Brasil saiu vitorioso da Guerra do Paraguai e os militares não tinham recebido do imperador o reconhecimento que esperavam.

O Brasil estava em crise econômica por causa de dívidas motivadas, principalmente, pela guerra. O sistema de governo da Monarquia era considerado atrasado.

“Os ideais republicanos chegam ao Brasil a partir da França, da ideologia do positivismo. Basicamente é uma burocracia estatal calcada na competência”, explica a professora de História do Direito Brasileiro, Maria Cristina Vieira.

Para alguns historiadores, a primeira república brasileira não foi proclamada, mas sim aclamada pela pouca resistência que encontrou por parte da Monarquia. Uma das imagens que retrata a cena é a tela Proclamação da República, de Benedito Calixto. Quem morava nas intermediações do Campo de Santana e do Palácio Duque de Caxias era um dos comandantes da Guerra do Paraguai, o marechal Deodoro da Fonseca.

“Sem Deodoro, não teria república”, conclui o historiador do Centro de Estudos e Pesquisas do Exército, coronel Antônio Ferreira.

No dia 15 de novembro de 1889, o marechal Deodoro saiu de sua casa no centro do Rio, próximo à Central do Brasil, para proclamar a República acompanhado por uma tropa de cerca de mil militares.

A república brasileira deu prazo para que a família real deixasse o país. Depois da expulsão, Dom Pedro II escreveu “Resolvo, cedendo ao Império das circunstâncias, partir com toda a minha família amanhã, deixando esta pátria de nós estremecida. Conservarei do Brasil a mais saudosa lembrança, fazendo ardentes votos por sua grandeza e prosperidade.”

Assista na TV Brasil:

Acompanhe hoje(15), no jornal Repórter Brasil, da TV Brasil, a reportagem sobre os desafios dos primeiros anos da República no país.

 

EBC