Categoria Internacional

porpjbarreto

Celulares pré-pagos de 17 estados devem ser recadastrados até segunda

Titulares de linha telefônica pré-paga em 17 estados têm até a próxima segunda-feira (18) para recadastrar e atualizar seus dados, sob risco de ficarem com o serviço bloqueado. A medida faz parte do projeto da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para a criação do cadastro nacional de usuários dos serviços de telefonia celular pré-paga.

A exigência vale para os moradores dos estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Sergipe e São Paulo. Os demais estados e o Distrito Federal já concluíram essa etapa de recadastramento.

Esta é última fase da campanha de comunicação aos consumidores com cadastros desatualizados, realizada pelas prestadoras Algar, Claro, Oi, Sercomtel, Tim e Vivo, dentro do Projeto Cadastro Pré-Pago.

Segundo a agência reguladora, o objetivo da iniciativa é assegurar uma base cadastral correta e atualizada, para evitar a ocorrência de fraudes de subscrição (linhas associadas indevidamente a CPFs) e, dessa forma, ampliar a segurança dos consumidores.

Recadastramento

Os usuários de pacotes pré-pagos serão acionados pelas operadoras por canais como mensagem de texto, ligações ou pop ups em sites. O procedimento é aplicado apenas aos usuários com pendências cadastrais. As operadoras também disponibilizaram canais de atendimento para fornecer mais informações sobre o recadastramento, como páginas específicas nos sites e números.

Pessoas que tiverem a linha pré-paga bloqueada poderão atualizar os dados cadastrais junto à sua prestadora por meio dos canais de atendimento disponíveis, como call center e espaço reservado ao consumidor na internet. Nesse contato, devem ser informados o nome completo e o endereço com o número do CEP. No caso de pessoa física, é necessário informar o número do CPF e, para pessoa jurídica, o CNPJ. Também poderão ser solicitadas informações adicionais de validação do cadastro.

Para evitar fraudes, os usuários podem confirmar se o SMS de solicitação de recadastramento recebido foi, de fato, encaminhado pela prestadora contratada.

Confira os números utilizados pelas prestadoras para envio das mensagens:

Cadastro pré-pago
Cadastro pré-pago – Anatel

Em caso de dúvidas, os titulares de linhas pré-pagas podem entrar em contato com as operadoras pelos seguintes canais:

Operadora  Endereço eletrônico Central de atendimento
Claro https://www.claro.com.br/institucional/regulatorio/cadastro-pre  1052
Tim https://www.tim.com.br/sp/para-voce/projeto-cadastro-pre  1056
Vivo https://www.vivo.com.br/para-voce/ajuda/duvidas/celular/vivo-pre/recadastro-pre-pago   1058
Oi https://www.oi.com.br/celular/pre-pago/atualizar-cadastro  1057
Algar https://www.algartelecom.com.br/para-voce/atendimento/comunicados?comunicadosCelular-0  1055
Sercomtel https://www.sercomtel.com.br/cadastro-pre-pago/  1051

  Fonte: Anatel

porpjbarreto

15 de novembro: Proclamação da República completa 130 anos

Entenda o nascimento da República no Brasil

Em 1888, a Lei Áurea aboliu oficialmente a escravidão, mas o Império estava em crise. Por um lado acreditava-se que os antigos escravizadores aderiram aos ideais republicanos para destituir a família real. Mas o cenário era bem mais amplo.

Dom Pedro II estava muito doente e a sucessora seria a princesa Isabel, que era casada com um francês, o conde D’Eu, considerado impopular, figura que também já havia criado conflitos com os militares na ocasião da Guerra do Paraguai.

“A participação do conde D’eu na Guerra do Paraguai é um dos fatores de impopularidade. Ele era arrogante. Dizem que ele promoveu massacres. Não tinha aptidão para administrar”, conta a historiadora Catia Faria.

Quem também tinha pouco prestígio entre os militares era o visconde de Ouro Preto, chefe do gabinete do Império e conhecido pela intransigência. Ele foi nomeado por Dom Pedro II para fazer as reformas que os republicanos buscavam.

Assista na TV Brasil:

Em 1870, o Brasil saiu vitorioso da Guerra do Paraguai e os militares não tinham recebido do imperador o reconhecimento que esperavam.

O Brasil estava em crise econômica por causa de dívidas motivadas, principalmente, pela guerra. O sistema de governo da Monarquia era considerado atrasado.

“Os ideais republicanos chegam ao Brasil a partir da França, da ideologia do positivismo. Basicamente é uma burocracia estatal calcada na competência”, explica a professora de História do Direito Brasileiro, Maria Cristina Vieira.

Para alguns historiadores, a primeira república brasileira não foi proclamada, mas sim aclamada pela pouca resistência que encontrou por parte da Monarquia. Uma das imagens que retrata a cena é a tela Proclamação da República, de Benedito Calixto. Quem morava nas intermediações do Campo de Santana e do Palácio Duque de Caxias era um dos comandantes da Guerra do Paraguai, o marechal Deodoro da Fonseca.

“Sem Deodoro, não teria república”, conclui o historiador do Centro de Estudos e Pesquisas do Exército, coronel Antônio Ferreira.

No dia 15 de novembro de 1889, o marechal Deodoro saiu de sua casa no centro do Rio, próximo à Central do Brasil, para proclamar a República acompanhado por uma tropa de cerca de mil militares.

A república brasileira deu prazo para que a família real deixasse o país. Depois da expulsão, Dom Pedro II escreveu “Resolvo, cedendo ao Império das circunstâncias, partir com toda a minha família amanhã, deixando esta pátria de nós estremecida. Conservarei do Brasil a mais saudosa lembrança, fazendo ardentes votos por sua grandeza e prosperidade.”

Assista na TV Brasil:

Acompanhe hoje(15), no jornal Repórter Brasil, da TV Brasil, a reportagem sobre os desafios dos primeiros anos da República no país.

 

EBC

 

porpjbarreto

Equipe vencedora do primeiro Startup Weekend Heath da PB busca investidores

Grupo, formado por profissionais e estudantes, criou projeto de uma plataforma voltada à diminuição do tempo de espera no atendimento em unidades de saúde

Um site responsivo (muda a aparência e a disposição com base no tamanho da tela em que é exibido) voltado a diminuir o tempo de espera do pré-atendimento (triagem) em clínicas e hospitais. A ideia, vencedora do primeiro Startup Weekend Health da Paraíba, realizado no último fim semana, em João Pessoa, foi sugerida pela estudante de publicidade Elaine dos Santos Moreira, que controu com o apoio de outros participantes para estruturar o projeto. Agora, eles buscam investidores para lançar a plataforma no mercado.

“A ideia surgiu de uma experiência que vivi com minha família. Meu irmão precisou ir ao médico e teve que esperar várias horas para passar por uma simples triagem. Foi quando eu percebi que outras pessoas estavam enfrentando algo parecido e precisavam de ajuda para minimizar o prejuízo”, declarou a estudante, complementando que a equipe que criou a plataforma também foi composta pela fisioterapeuta Erika Galiza, o nutricionista Lucas Alves, os desenvolvedores web Danilo Leite e Nicolas Fernando, além da estudante de administração Aryana de Assunção Santiago.

Como funciona a ideia?

“Desenvolvemos uma plataforma digital onde o paciente pode, remotamente, preencher os seus dados cadastrais, informações do convênio e definir pontos importantes de doenças pré-existentes, além dos sintomas que ele sente no momento. Esses itens são enviados, automaticamente, à recepção e à enfermagem. Desse modo, o paciente terá a prioridade de acordo com a classificação de risco e, ao chegar ao hospital, os profissionais irão coletar menos informações, desse modo tornando o processo mais rápido e inteligente”, explicou Aryana.

“O evento foi muito positivo. Pudemos entender como é o processo de criação de uma startup e, principalmente, identificar um problema e oferecer uma solução rápida, viável e de baixo custo”, complementou, adiantando que o grupo vencedor já está com algumas reuniões previstas com hospitais que querem instalar a tecnologia.

De acordo com Daniel Pessoa, da comissão organizadora do Startup Weekend Health, o nível dos participantes superou as expectativas. “Observamos que todos tinham um conhecimento muito bom em relação à estruturação dos projetos. Muitos só precisavam de uma lapidação por parte dos mentores do evento, que prestaram a assistência necessária a cada equipe”, disse. “Ficamos muito felizes com o resultado e já pensamos nas próximas edições”, revelou Daniel, que é um dos proprietários do Clubjob Coworking, local que sediou parte do evento.

Por Richelle Bezerra
porpjbarreto

Reformas vão tornar Brasil mais atrativo a negócios, diz Bolsonaro

Chefes de Estado do Brics discursaram em fórum de empresários

As reformas em curso tornarão o ambiente de negócios no Brasil mais atrativo, disse nesta quarta-feira (13) o presidente Jair Bolsonaro. Ele discursou na cerimônia de encerramento do Fórum Empresarial do Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, acompanhado dos demais chefes de Estado e de Governo do grupo.

Segundo o presidente, o Brasil iniciou um processo de mudanças que destravou reformas estruturais paradas há décadas. “O Brasil ainda tem um caminho a percorrer. Novas reformas se apresentam para nós para que possamos ter a certeza de que ambiente de negócios no Brasil se torne cada vez mais atrativo. Brasil um dos poucos países com mercados das mais diversas oportunidades para oferecer a todos”, discursou Bolsonaro.

Veja a cerimônia de encerramento do Fórum Empresarial do Brics na TV Brasil:

O presidente também citou a isenção de vistos para turistas e homens de negócios chineses e indianos como fator que vai reforçar os negócios entre os países do Brics. “Nossas medidas de aproximação se mostram realidade a partir do momento que temos aberto isenções de visto para homens que venham fazer turismo e negócios no Brasil”, declarou.

Desde junho, o governo brasileiro deixou de exigir vistos para turistas dos Estados Unidos, do Canadá, da Austrália e do Japão que venham ao Brasil. No fim do mês passado, em viagem à Ásia, Bolsonaro anunciou que pretende estender a isenção para a Índia e a China, com os indianos sendo os primeiros beneficiados.

Bolsonaro citou o potencial econômico do Brasil em diversos setores. “É de conhecimento do mundo todo o nosso potencial que vem do campo, bem como nossas riquezas minerais, um grande potencial turístico e um povo que cada vez mais se demonstra interessado em contribuir e cooperar com Brasil”, declarou.

Ao encerrar o discurso, o presidente disse que caberá às empresas brasileiras aprofundar a integração entre os países do Brics. “Os empresários hoje presentes alimentam esperança grande no novo governo. Queremos sim, ampliar e facilitar cada vez mais o ambiente de negócios. As oportunidades são muitas. O Brasil nunca esteve num patamar como o nosso momento”, concluiu.

A 11ª Reunião de Cúpula do Brics ocorre hoje e amanhã (14) em Brasília. Além de reuniões entre os chefes de estado, o encontro tem eventos paralelos, como o Fórum Empresarial, organizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O encontro teve como objetivo consolidar as propostas do setor privado, que serão apresentadas amanhã aos chefes de Estado em reunião no Itamaraty.

 

EBC/Agência Brasil

porpjbarreto

João Azevêdo e Paraíba são destaques em TV chinesa

O governador João Azevêdo foi destaque na TV China Central Television (CCTV), oportunidade em que apresentou as potencialidades da Paraíba e as oportunidades de negócios geradas pelo Estado, a exemplo do projeto para a instalação do estaleiro para reparos navais no município de Lucena e para a ampliação do Porto de Cabedelo. Na entrevista à emissora chinesa, o gestor paraibano também ressaltou o potencial da Paraíba na geração de energias alternativas.

“As potencialidades do nosso Estado são muito grandes, principalmente, na geração de energias alternativas, como a eólica e solar. Nós temos a possibilidade muito grande de receber investimentos para a construção de um estaleiro para reparos de navios e para a ampliação do Porto de Cabedelo”, destacou João Azevêdo à CCTV, que possui uma rede de 50 canais e é assistida por mais de um bilhão de telespectadores.

Na última terça-feira (12), o chefe do Executivo estadual manteve reunião com representantes da Communications Construction Company Ltd. (CCCC), empresa multinacional de engenharia envolvida em projetos de construção e operação de ativos de infraestrutura, ocasião em que apresentou aos investidores chineses os projetos para implantação do estaleiro para reparos navais no município de Lucena e do Polo Turístico Cabo Branco e destacou as ações do Governo para manter a solidez fiscal e investimentos na Paraíba.

Confira a entrevista no link abaixo:

http://app.cctv.com/special/cbox/detail/index.html?guid=7f1b2681a1c24d68afb60bb6cd5cbfac&vsid=VSET100258670037&from=singlemessage&isappinstalled=0#0

 

Secom

porpjbarreto

Débito, crédito ou Facebook Pay? Agora dá para pagar usando até o WhatsApp

Facebook acaba de anunciar, nesta terça-feira (12), um novo sistema de pagamentos chamado Facebook Pay.

A plataforma estará disponível para usuários dos aplicativos Facebook, Messenger, Instagram e WhatsApp, permitindo transações dentro de suas próprias contas, como efetuar pagamentos de compras, doações para entidades, além de também enviar dinheiro para amigos.

A novidade será lançada, inicialmente, nos Estados Unidos ainda nesta semana, no Facebook e no Messenger. Os primeiros usuários a testarem o Facebook Pay poderão fazer pagamentos pessoais, compra de ingressos e compras de páginas existentes dentro do Marketplace da companhia.

O Facebook Pay terá suporte para a maioria dos cartões de débito e crédito, além do PayPal.

Deborah Liu, vice-presidente de e-commerce e marketplace do Facebook, conta que, em breve, mais pessoas poderão usar o serviço também no Instagram e no WhatsApp. No entanto, nenhuma data foi revelada para isso, muito menos sobre o lançamento em outros países.

A nova plataforma de pagamentos não tem nenhuma relação com a criptomoeda Libra e a carteira digital Calibra, ambas também em desenvolvimento pelo Facebook.

 

Fonte: The Verge via Facebook Newsroom

porpjbarreto

Bárbara Paz confirma participação no 14° Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro

Abertura do evento será com filme sobre Hector Babenco, premiado em Veneza

O documentário “Babenco – alguém tem que ouvir o coração e dizer: parou”, filme de estreia da atriz Bárbara Paz por trás das câmeras, será o abre-alas do 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro, que acontece entre os dias 28 deste mês e 4 de dezembro, no Cinépolis Manaíra Shopping, em João Pessoa. Recém-premiada no Festival Internacional de Cinema de Veneza por esse documentário, Bárbara estará na abertura do evento.

Com esse filme, Barbára Paz venceu o Bisato D’Oro, prêmio da crítica independente da 76ª edição do festival veneziano, e também o prêmio de melhor documentário sobre cinema na mostra Venice Classics. Ele narra os últimos dias de vida do cineasta Hector Babenco, de quem ela ficou viúva em 2016. É um documentário que traz cenas de hospitais, trechos de filmes, imagens caseiras, memórias, reflexões e depoimentos – tudo filmado e gravado com a anuência do cineasta, em épocas distintas dos seus últimos três anos de vida.

O documentário, segundo Bárbara, é uma ode a Babenco e a sua obra. Traça um paralelo entre a arte e o câncer que o vitimou (ou seja, é sobre a vida e a morte do cineasta), em preto e branco, com produção da própria Bárbara, de Myra Babenco e dos irmãos Caio e Fabiano Gullane. O diretor, que nasceu na Argentina e se naturalizou brasileiro, morreu aos 70 anos. Seus filmes mais famosos incluem “Lúcio Flávio, passageiro da agonia” (1977), “Pixote: A lei do mais fraco” (1982), “O beijo da Mulher Aranha” (1985) e “Carandiru” (2003).

Semana de cinema – A partir do dia 28 de novembro, a cidade de João Pessoa será sede da Sétima Arte. Durante uma semana, a capital paraibana vai ser invadida por atores, cineastas, críticos, jornalistas e diretores, todos em torno das mostras competitivas e dos lançamentos de novos trabalhos. A programação do evento, que acontece até o dia 4 de dezembro, se dividirá entre o Cinépolis Manaíra Shopping (exibição de filmes) e o Hotel Tambaú (debates e oficinas). O Fest Aruanda é patrocinado pela Energisa (Usina Cultural) e pelo Armazém Paraíba, via Lei Federal de Incentivos – Ministério da Cidadania, com chancela da UFPB.

Serviço

14° Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro

Data: 28/11 a 04/12/19

Local: Cinépolis Manaíra Shopping e Hotel Tambaú – João Pessoa-PB.

 

Assessoria de Imprensa 

porpjbarreto

Detran-PB reúne despachantes para discutir sobre implantação das placas Mercosul

Ficou acertado que a empresa estampadora ficará responsável pelo envio das placas para as concessionárias

O superintendente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB), Agamenon Vieira, reuniu os representantes da categoria de despachantes, nesta última quinta-feira (dia 7), para discutir e dirimir dúvidas sobre a implantação das placas do padrão Mercosul para o primeiro emplacamento, que terá início nesta segunda-feira (11). A reunião aconteceu na sede da Escola do Serviço Público do Estado da Paraíba (Espep) e contou com a participação do diretor de Operações, Orlando Soares.

Entre os principais pontos de discussão levantados pelos representantes do Sindicato dos Despachantes Documentalistas da Paraíba (Sinddesp) e do Conselho Regional de Despachantes Documentalistas da Paraíba (CRDD), ficou acertado que a empresa estampadora ficará responsável pelo envio das placas para as concessionárias, a fim de evitar que os despachantes precisem dar várias viagens para concluir o processo.

Agamenon Vieira pediu a compreensão dos despachantes, no sentido de fazer com que o processo de mudança para o modelo Mercosul seja o menos traumático possível. “Existem coisas que o Detran não tem a prerrogativa de resolver. Eles decidiram mudar e nós temos que tentar fazer da melhor maneira possível, dentro da legalidade e da segurança jurídica, tentando diminuir as dificuldades para o usuários e todos os demais envolvidos, a exemplo dos despachantes, que são os intermediários desse processo. Vamos trabalhar em conjunto nessa passagem”, enfatizou.

A intenção é evitar os problemas ocorridos em outros Estados, que até hoje enfrentam dificuldades. “O Serpro revelou que o Detran da Paraíba apresentou a melhor planilha desse processo de mudança”, disse o superintendente.

Ainda participaram da reunião vários assessores do órgão, ligados à Coordenação de Processamento de Dados, Corregedoria, Assessoria Jurídica, Divisão de Registro de Veículos, Chefia de Gabinete, além dos representantes da empresa estampadora.

Assessoria de Imprensa – Detran-PB

porpjbarreto

Wilson Filho articula audiência entre embaixador de Taiwan e João Azevêdo e vê com otimismo parceria entre país asiático e Paraíba

O deputado estadual Wilson Filho (PTB) participou de audiência entre o embaixador de Taiwan no Brasil, Her Jian-Gueng, o governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), e o deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB), nesta terça-feira (5).

O parlamentar disse que a ideia é de aproximar o país asiático da Paraíba e suas potencialidades e que ficou feliz com a apresentação feita por João do nosso Estado, ressaltando o interesse demonstrado pelo embaixador ao fim da reunião.

“Após mais uma competente apresentação daquilo que o nosso Estado oferece e das parcerias possíveis, fiquei feliz com o interesse demonstrado pelo embaixador e sua equipe. Tenho certeza que a Paraíba está preparada para receber ainda mais investimentos estrangeiros”, afirmou.

O encontro aconteceu na sala de reuniões da Granja Santana, residência oficial do governador da Paraíba. O embaixador está na Paraíba em virtude de ter sido convidado para participar da Semana Estadual de Empreendedorismo por Eduardo Carneiro, que preside a Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da ALPB.

Assessoria de Imprensa

porpjbarreto

Canal Aruanda no Ar conta com novos vídeos sobre o festival e a mostra “Sob o Céu Nordestino”

Vídeos sobre o 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro estão no Youtube

Dois novos vídeos do 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro estão à disposição do público no canal do festival no Youtube, o Aruanda no Ar: um deles traz o lançamento oficial do evento, com entrevistas dos convidados, e o outro é sobre os filmes que participarão da mostra “Sob o Céu do Nordeste”. O festival acontecerá entre os dias 28 de novembro e 4 de dezembro, no Cinépolis Manaíra Shopping, em João Pessoa, com o patrocínio da Energisa (Usina Cultural) e do Armazém Paraíba (via Lei Federal de Incentivos, do Ministério da Cidadania) e chancela da UFPB.

No vídeo sobre o lançamento, temos um VT que foi apresentado à imprensa no último dia 24, na Sala 6 do Cinépolis Manaíra, com a identidade visual desta edição do festival e entrevistas com os convidados que participaram da mesa: Lívia Karol Araújo, gerente de Marketing e Comunicação da Energisa-PB; Walber Alexandre Silva, auditor da CGU; Bertrand Lira, cineasta; e Paulo Roberto, chefe da Divisão de Audiovisual da Funjope – além do próprio Lúcio Vilar, coordenador e diretor executivo do Fest Aruanda.

Já o vídeo sobre a mostra “Sob o Céu do Nordeste” traz uma sinopse de todos os filmes que participarão do festival, que são “Currais”, de David Aguiar e Sabina Colares (CE); “Jackson – Na batida do pandeiro”, de Marcus Vilar/Cacá Teixeira (PB); “O que os olhos não veem”, de Vania Perazzo (PB); “Giocondo Dias, Ilustre Clandestino”, de Vladimir Carvalho (DF); “Frei Damião, o santo do Nordeste”, de Debby Brennand (PE); e “Soldados da borracha”, de Wolney Oliveira (CE).

“Este é um ano muito importante, tanto porque vivemos um momento fértil no cinema paraibano quanto pela celebração do centenário das atividades cinematográficas em nosso estado, que começaram em 1919, com os cinejornais e documentários produzidos por Walfredo Rodriguez”, diz Lúcio Vilar. Durante o lançamento oficial do Fest Aruanda, foi instituído o Troféu Walfredo Rodriguez, para personalidades que contribuíram para a história do cinema paraibano.

Os dois novos vídeos podem ser vistos nos links: https://www.youtube.com/watch?v=bESLdyCB7y8 (vídeo sobre o lançamento do festival) e https://www.youtube.com/watch?v=nQvG8D9AA8k (vídeo sobre a mostra “Sob o Céu Nordestino”). O canal no Youtube foi criado para divulgar a programação do Fest Aruanda e promover discussões sobre o fazer cinematográfico brasileiro. Por meio dele, o púbico terá acesso a todas as novidades do festival.

Assessoria de Imprensa