Categoria Entretenimento

porpjbarreto

IFPB: Campus Cajazeiras inaugura novo bloco de salas de aulas

Solenidade aconteceu na última quarta-feira (04), como parte das comemorações dos 25 anos do campus

“Uma instituição não é feita apenas de pedra e cal, mas de todas as perspectivas humanas de quem faz parte desse processo”. Foi com essas palavras que o reitor Nicácio Lopes abriu a solenidade de inauguração do novo bloco de salas de aula do Campus Cajazeiras, nesta quarta-feira (04).

A solenidade, que faz parte das comemorações dos 25 anos do campus, contou com a participação de representantes de todos os campi do IFPB, diretores, servidores, alunos e parceiros da instituição.

Ao lado da diretora-geral Lucrécia Petrucci; do ex-diretor de Ensino do campus, Gastão Coelho; e do aluno Felipe Costa, o reitor procedeu o hasteamento da bandeira nacional. Após apresentações culturais, as autoridades que compuseram a mesa de honra realizaram seus pronunciamentos.

André Sousa, que representou os alunos do campus, destacou a participação discente na gestão do IFPB. “Aqui os alunos são mais que a razão de ser da instituição. Eles decidem e fazem parte das políticas implementadas, opinando e tendo sua opinião respeitada”. André ainda ressaltou a importância da presença do Instituto no Sertão paraibano. “Aqui o trabalho é realizado com o pensamento guerreiro do sertanejo, plantando a semente da educação. Hoje nos 25 anos do campus, a inauguração do bloco de salas de aulas vem, mais uma vez, assegurar a qualidade do Ensino, Pesquisa e Extensão que desenvolvemos no nosso campus.”

Emocionada, Lucrécia Petrucci, externou a alegria em inaugurar o bloco. “Finalmente chegou o dia de entregar a obra que simboliza a realização de um sonho. Em tempos envoltos em dificuldades, só temos que agradecer podermos chegar até aqui. Desejo que o sentimento de pertencimento que existe em cada um de nós seja ampliado. Nós somos partícipes dessa história de vida na educação profissional do nosso país!”

Para o reitor Nicácio Lopes, a inauguração não é importante apenas para a região de Cajazeiras, mas para todo o Brasil. “Não é por acaso que esta é a cidade que ensinou a Paraíba a ler, sob a figura emblemática do padre Rolim. Deixo aqui um apelo aos estudantes, principalmente aos da região: amem e valorizem esta instituição. Infelizmente não são todos os que participam desse processo social. Vocês serão os agentes transformadores desse país ainda desigual. Tenho certeza de que Cajazeiras já é um grande exemplo de inclusão para todos”.

O bloco de salas de aulas inaugurado possui mais de 1.400 m² de área, sendo composto por ambientes mobiliados, num investimento total de R$ 1.959.284,00. Esta semana, o reitor também realiza inaugurações nos campi de Soledade e Guarabira.

Verônica Rufino – Assessoria de Imprensa/IFPB

porpjbarreto

Auto de Natal: tudo pronto para a abertura do mês natalino em Cajazeiras

A cidade de Cajazeiras vive a expectativa da realização, nesta sexta-feira (06), do espetáculo do Auto de Natal, dramatizando a história do nascimento de Jesus, com exposição também do “Presépio Vivo”, na Praça Cardeal Arcoverde, em frente à Catedral Nossa Senhora da Piedade.

Toda a estrutura de som, palco, iluminação e decoração, está sendo montada para o evento, que deverá reunir um grande público, nesta noite de sexta-feira, a partir das 19 horas.

O prefeito Zé Aldemir vai, na ocasião, abrir oficialmente o mês natalino, que será marcado com a decoração de alguns pontos da cidade, visando estimular cada vez mais as famílias cajazeirenses a celebrar a tradicional festa de Natal.

Secom

porpjbarreto

Jeová Campos fala da experiência de ter participado do Fest Aruanda e elogia iniciativa de reconhecer talentos paraibanos

 O deputado estadual Jeová Campos elogiou a realização da 14ª edição do Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro. O evento que, nesta edição, faz uma celebração especial ao centenário do cinema paraibano, prestando homenagens a alguns dos pioneiros da área no estado, acontece até essa quinta-feira (05). “O apoio a nossa produção cinematográfica precisa ser exaltado com a realização do Aruanda. E é preciso ressaltar a importância desta iniciativa que enaltece a sétima arte e, sobretudo, valoriza a produção cinematográfica paraibana que tem muita qualidade e talento”, disse o parlamentar, lamentando o fato do Festival ter notoriedade nacional, mas, não receber o devido reconhecimento local.

Em nome do coordenador e diretor executivo do Fest Aruanda, o professor Lúcio Vilar, Jeová parabenizou todos os profissionais envolvidos na realização do festival e disse ter ficado encantado com tudo o que viu na noite desta terça-feira. “Eu fiquei encantado com a experiência que vivi ontem à noite, ao ver o filme ‘A costureira’ que é muito bonito e conta a história de Giocondo Dias, um histórico militante dos direitos humanos e vítima da ditadura. Esse é um filme que dará bilheteria e que cabe muito bem na atual conjuntura nacional, onde mata-se muita gente nas periferias das cidades”, disse Jeová, lembrando que as produções cinematográficas da Paraíba estão de parabéns pela qualidade e conteúdo e que o Fest Aruanda ajuda a divulgar esses talentos.

Assessoria de Imprensa 

porpjbarreto

Vila Sítio São João sedia lançamento do Quadrilhando 2020 e autoridades destacam importância de parceria com a CEF

A Vila Sitio São João sediou na manhã desta quinta-feira (5) o lançamento do Quadrilhando 2020, numa iniciativa da Associação das Quadrilhas Juninas, com o apoio da Prefeitura Municipal de Campina Grande. Autoridades municipais, representantes de quadrilhas juninas e de vários segmentos empresariais da cidade – especialmente do setor turístico – estiveram presentes ao evento, marcado por um café da manhã, além da exposição das metas para o próximo ano.

Representando o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, falou a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Rosália Lucas, que prestigiou a solenidade na companhia do secretário de Ciência e Tecnologia, Lucas Ribeiro.

Em seu pronunciamento, Rosália (foto) destacou a importância das quadrilhas juninas para a economia local. Segundo ela, a atual gestão do município, desde 2013, vem dando apoio a esses grupos, mas agora o aporte de recursos vai aumentar para o setor por conta da parceria conquistada junto à Caixa Econômica Federal.
“As quadrilhas têm um custo alto, necessitando de sustentabilidade para a manutenção das suas atividades. Por isso, aqui estamos comemorando o fato do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, aprovar um projeto de patrocínio e incentivo às belas quadrihas campinenses, tendo, para tal, atendido a um pleito da senadora Daniela Ribeiro”, afirmou.

Segundo Rosália, graças à aprovação de projeto encaminhado à Caixa Cultural, estas tradicionais atrações da cultura campinense vão receber o apoio do governo federal. Também elogiou o desprendimento da Vila Sítio São João que também abraçou este projeto e vai garantir um espaço para as apresentações permanentes de quadrilhas, trios de forró, emboladores de coco, poetas populares e outros representantes da nossa cultura.

Para Rosália, instituições como a Vila Sítio São João e as quadrilhas juninas são fundamentais para o desenvolvimento turístico local, possibilitando a geração de emprego e renda em Campina Grande. “Estas iniciativas merecem o apoio das instituições governamentais, afinal, conforme os últimos levantamentos, o turismo impulsiona a área de serviços e responde por 10% do PIB mundial”, garantiu.
Depois dela, fez pronunciamento o produtor cultural do Quadrilhando, Lima Filho. Ele agradeceu, em nome dos quadrilheiros, as parcerias estabelecidas com a Caixa Econômica Federal, Prefeitura Municipal de Campina Grande e Vila São João. Conforme relatou, este apoio é fundamental, levando-se em conta que a cidade já conta com 3.600 quadrilheiros.

Lima Filho fez uma completa exposição do trabalho realizado pelo projeto Quadrilhando desde 2015, ressaltando o incentivo à cultura, a valorização da culinária e das expressões artísticas do povo, além das ações na área de desenvolvimento econômico e de estimulo ao empreendedorismo.

Por fim, em nome da Vila Sítio São João, se pronunciou o diretor Tupac Dantas, registrando, especialmente, a importância da estrutura para a valorização e divulgação da cultura regional. Em sua visão, toda a sociedade campinense deve estar sempre irmanada na preservação e no apoio a esta iniciativa, que tem gerado importantes dividendos para todos os setores econômicos e culturais da cidade.

Assessoria 

porpjbarreto

Abrajet PB entrega Troféu Waldemar Duarte e Comenda Willis Leal 2019

Evento será Fundação Casa de José Américo no dia 12 de dezembro 

A Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo da Paraíba – Abrajet PB realizará a entrega do Troféu Waldemar Duarte, que elegeu onze contemplados, entre personalidades, locais, eventos e veículos de comunicação que foram importantes para o turismo no último ano. Na mesma oportunidade, será entregue também a Comenda Wills Leal, que prestará homenagem a três personalidades importantes para a cultura e a economia local. O evento acontecerá no próximo dia 12 de dezembro, na Fundação Casa de José Américo.

Vão receber o Troféu Waldemar Duarte, Abrasel PB – Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, na figura do presidente Arthur Lira, José Vieira, do site Vida Arretada, Clóvis Júnior, artista plástico, Multifeira Brasil Mostra Brasil, que a 25 anos realiza a feira que movimenta a economia e o turismo do estado, Regina Amorim, gestora de turismo e responsável pela Santura – Associação de Turismo e Cultura de Santa Luzia, Bodódromo, restaurante típico de Campina Grande, Fernanda Melo, consultora de Turismo do Sebrae,  Dona Nevinha Siva, idealizadora do Shopping Rural no sítio Tambaba, no Conde, Revista Tribuna, sob editoria de Manuel Raposo, Vila Junina, em Campina Grande, Encontro da Consciência Cristã, um grande evento que movimenta Campina Grande.

Já a Comenda Wills Leal, nome dado em homenagem ao primeiro presidente da Abrajet PB, será entregue ao estudioso e autor do livro Jackson do Pandeiro: o rei do ritmo, Fernando Moura, ao jogador Hulk, que tem investido muito na Paraíba e auxiliado a economia local. Outro homenageado é o Mestre Fúba, figura importantíssima na prévia carnavalesca da capital, e criador do Bloco Muriçocas do Miramar que todos os anos leva milhares de pessoas para as ruas.

A presidente da Abrajet PB, Messina Palmeira, destacou a importância de valorizar a cultura e turismo local por meio destas homenagens. “É extremamente importante que nós, paraibanos, que busquemos valorizar as riquezas naturais e culturais de nosso estado. Todos os homenageados foram escolhidos por votos dos membros da Abrajet e contribuem substancialmente para desenvolver o nosso turismo e a nossa Paraíba”, disse Messina.

Serviço:

Troféu Waldemar Duarte e Comenda Willis Leal 2019
Data: 12 de dezembro de 2019
Local: Fundação Casa de José Américo
Horário: 18h30
Traje: Esporte Fino
Confirmar presença: (83) 99332-1580

 

Assessoria 

porpjbarreto

Irmão de Pablo Escobar lança smartphones baratinho e desafia Apple

Um dos irmãos do traficante colombiano Pablo Escobar lançou sua própria marca de smartphones e prometeu desafiar a Apple no mercado. Roberto de Jesús Escobar Gaviria apresentou na última (3) seu aparelho de celular, fabricado em tom de ouro e batizado de “Escobar Fold 1”. O aparelho custa US$ 350 (versão de 128 GB de armazenamento) e usa o sistema operacional Android 9.0.

Alimentado por um chipset Qualcomm Snapdragon 8 Series, o celular tem duas câmeras fotográficas de 16 e 20 megapixels, duas telas AMOLED de 7,8 polegadas, sensor de biometria e é dobrável.

A campanha publicitária para o lançamento do produto conta com fotos e vídeos de mulheres de lingerie.

“Eu disse a muitas pessoas que venceria a Apple, e vencerei”, afirmou Roberto, que é irmão de Pablo Escobar, ex-líder do cartel de Medellín, morto em 1993.

Conhecido também pelo apelido de “El Osito”, Roberto, de 72 anos, foi contador do cartel. Devido à sua associação ao narcotráfico, chegou a ser preso. Na cadeia, recebeu uma carta-bomba que o deixou cego. Em 2014, fundou a Escobar Inc.

(ANSA)

porpjbarreto

Atleta paraibano Daniel Azevedo é campeão Sul Americano nos 200 Medley

O nadador paraibano Daniel Azevedo conquistou, no começo da noite da última terça-feira (03), em Assunção, no Paraguai, o título de campeão Sul Americano ao ganhar a prova dos 200 Medley. Daniel conquistou o primeiro lugar na competição nesta modalidade e subiu no ponto mais alto do pódio para receber sua medalha ao som do Hino Nacional segurando a bandeira brasileira. Ele conquistou o Ouro com um tempo de 2.13.51. O segundo colocado na prova, outro brasileiro, Artur de Souza, conquistou a medalha de Prata, com um tempo de 2.15.83. O terceiro colocado foi o nadador chileno, Ardiles Quiroz, com o tempo de 2.18.02. Nesta quarta-feira (04), Daniel volta a nadar, desta vez, na modalidade Costas, uma de suas especialidades.

Daniel, que vinha de uma rotina pesada de treinos e emendou três eventos seguidos, disse que está muito feliz com o resultado e com a superação de sua marca. “Esse é meu primeiro título Sul Americano e essa foi uma conquista gigante para mim, principalmente, porque eu estava voltando de outros dois campeonatos consecutivos e mesmo com o desgaste das provas, consegui melhorar meu tempo e pretendo me superar cada vez mais”, disse o atleta.

Daniel é uma revelação e se destaca em todas a competições que participa. Nas duas últimas, ele subiu ao pódio várias vezes. No Campeonato Brasileiro Interclubes Infantil de Natação, disputado entre os dias 19 e 23 de novembro, em Porto Alegre, ele sagrou-se campeão nos 200 Costas e 200 Medley e ainda vice-campeão nos 100 Costas. De Porto Alegre ele foi para Blumenau, onde disputou os Jogos Escolares da Juventude, entre os dias 27 e 29, quando representou a Paraíba e o colégio GEO, onde é aluno do 9º ano. Daniel quebrou recordes nesta última competição e foi campeão nas provas de 100 Costas, 200 Medley e nos 50 Costas. Foram três ouros no mesmo campeonato e em todas as provas que disputou.

Daniel, que está em Assunção, no Paraguai, com a mãe Daniele, que sempre que pode o acompanha nas provas, é o único atleta paraibano a integrar o time das estrelas da Seleção Brasileira Escolar, de 12 a 14 anos que disputa os Jogos Escolares Sul Americano. A competição começou ontem (02) e termina na próxima sexta-feira (06). Daniel é atleta do clube Acqua R1 e, por enquanto, não tem patrocinadores, o que exige da família um esforço muito grande para bancar a participação dele e de um acompanhante em todas as competições, já que ele é menor de idade. “Não é fácil arcar com tantas despesas. Nossa família tem recursos limitados, mas, até agora fizemos um esforço para proporcionar que ele participe de todas as provas, porém confesso que se tivéssemos uma ajuda isso nos ajudaria muito”, disse a maior torcedora e fá de Daniel, Daniele Azevedo.

Assessoria 

porpjbarreto

Filmes vitoriosos do 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro serão conhecidos nesta quarta-feira (4)

Solenidade de encerramento será à noite, no Cinépolis Manaíra Shopping

Esta quarta-feira (4) será o tão esperado dia dos cineastas e produtores dos curtas e longas-metragens que concorreram no 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro: o dia da divulgação e premiação dos grandes vencedores desta edição. Antes desse momento culminante, porém, a quarta será de debates, sessões especiais, oficina, lançamentos e homenagens. O festival é chancelado pela UFPB e tem o patrocínio do Grupo Energisa, Cagepa e Armazém Paraíba, via Lei Federal de Incentivos do Ministério da Cidadania.

O último dia de atividades diversas do Fest Aruanda começa logo pela manhã, tanto no Hotel Aram Beach & Convention, onde estão acontecendo os debates sobre os curtas e longas de cada dia, e no Cinépolis Manaíra Shopping, onde ocorrem as exibições de filmes e lançamentos de publicações. No hotel, os Diálogos Audiovisuais Aruanda começam às 9h, com interações entre público e cineastas, debate entre o ator Flávio Bauraqui e o cineasta João Batista de Andrade, painel com Luísa Lusvarghi, Ana Bárbara Ramos, Patrícia de Aquino, Vânia Perazzo, Ana Isaura, Cristiane Fragoso e Virgínia de Oliveira Silva.

No Cinépolis, a programação tem início às 10h, com a segunda sessão do Aruanda Especial Acessibilidade, também às 10h. Desta vez, o filme será “Clara estrela” (2018), de Susanna Lira e Rodrigo Alzuguir, documentário que narra, por meio de entrevistas em diversos programas de TV e rádio, a trajetória da cantora Clara Nunes. A partir das 14h, na Sessão Vespertina, teremos a Mostra Paraíba Feminina! Mulheres com câmera na mão!, com os curtas “Rasga-Mortalha” (2011), de Patrícia Aquino; “Adiós, Jampa vieja!” (2013), de Virgínia de Oliveira Silva; “Oferenda” (2011), de Ana Bárbara Ramos; “O Reino de Deus” (1994), de Vânia Perazzo; “O Caçador de Miragens: Flávio Tavares” (2002), de Elisa Cabral; e “Odò Pupa, lugar de resistência” (2018), de Carine Fiúza.

Ainda neste dia, haverá o lançamento da plaquete “Linduarte Noronha, ícone da radiofonia paraibana”, pela Editora União, com organização de Naná Garcez, a partir de uma entrevista com o professor Lúcio Vilar, diretor executivo e coordenador do Fest Aruanda. Depois, em uma solenidade de homenagens, o Troféu Aruanda será entregue a duas personalidades: a primeira, Mônica Botelho, pela Contribuição à Produção Cultural na Paraíba (ela será representada pela filha, Clara Botelho); e a segunda, o mestre Sivuca (in memoriam), pela Criação de Trilhas Sonoras para Filmes Brasileiros (Glorinha Gadelha, sua viúva, receberá o troféu). Também será lançado um compacto do documentário “Linduarte Noronha: havia um microfone antes das câmeras”.

Por fim, antes da solenidade de premiação, será exibido o filme de encerramento do festival: “O Barato de Iacanga” (2019), um documentário de Thiago Mattar (SP) sobre o mais lendário festival ao ar livre da música brasileira: o Festival de Águas Claras, conhecido como o “Woodstock brasileiro”. Depois dessa exibição, público e participantes conhecerão os vitoriosos do festival.

Último encontro – O 14º Fest Aruanda terá ainda uma manhã de debates, no Hotel Aram, a partir das 10h. Haverá uma mesa sobre o filme de encerramento, com a participação de Glorinha Gadelha (compositora), Thiago Mattar (cineasta e realizador desse filme), Jotabê Medeiros (crítico musical/Carta Capital) e Silvio Osias (jornalista/CBN/Jornal da Paraíba/João Pessoa/PB), com a moderação de Maria do Rosário Caetano. Nesta edição, o Fest Aruanda festejou o centenário do cinema paraibano, cujo marco são as primeiras atividades cinematográficas realizadas na Paraíba, em 1919, pelo cineasta Walfredo Rodriguez.

Serviço

14° Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro

Encerramento e premiações

Cinépolis Manaíra Shopping (Sala 9), dia 4, a partir das 10h

Debates

Hotel Aram Beach & Convention, dia 5, a partir das 9h.

 

Assessoria

porpjbarreto

Mantida decisão que condenou banda de Forró a pagar indenização por danos morais

Em decisão monocrática, a desembargadora Maria das Graças Morais Guedes não conheceu da Apelação Cível nº 0008873-84.2015.815.2001 interposta pelas empresas Aviões do Forró Gravações e A3 Entretenimentos Gravações e Edições Musicais, que foram condenadas, solidariamente com o cantor Xandi, a pagar uma indenização por danos morais no valor de R$ 15 mil em favor de Emmanoel Leonardo dos Santos. A magistrada entendeu que não deve ser conhecido o recurso, tendo em vista que a parte apelante não apontou, de forma específica, quais os fundamentos da sentença que pretendia reformar.

“A dialeticidade traduz a necessidade de que o ente processual descontente com o provimento judicial interponha a sua sedição de maneira crítica, ou seja, discursiva, sempre construindo um raciocínio lógico e conexo aos motivos elencados no decisório combatido, possibilitando à instância recursal o conhecimento pleno das razões que justifiquem a necessidade de modificação da decisão combatida”, explicou a desembargadora.

Na 4ª Vara Cível da Comarca da Capital, Emmanoel Leonardo dos Santos ingressou com Ação de Obrigação de Fazer, com pedido de Indenização por Danos Morais, afirmando, que durante os shows da Banda Aviões do Forró, em território paraibano, o vocalista José Alexandre Filho (Xandi), de forma reiterada, proferia palavras desabonadoras à sua honra, tais como corno, chifrudo e gaiudo, divulgadas, inclusive, pelas redes sociais.

Na sentença, a juíza Silvana Carvalho Soares destacou que as ofensas verbais, sem sombra de dúvidas, acarretam lesões íntimas e psíquicas que vão além de meros aborrecimentos. “A prova produzida neste feito indica que o réu ofendeu o autor moralmente, pois, ao utilizar-se de xingamentos e insultos, causou-lhes humilhação e gerou situação vexatória publicamente”, ressaltou a magistrada.

A desembargadora Marias das Graças Morais Guedes também destacou que os fatos apresentados pelo autor se encontram devidamente demonstrados nos autos através de vídeos, áudios e imagens veiculadas nas redes sociais, em que é possível aferir, de forma inquestionável, a repercussão na esfera moral do demandante. Segundo ela, cabe ao relator não conhecer de recurso inadmissível, prejudicado ou que não tenha impugnado especificamente os fundamentos da decisão recorrida. Cabe recurso da decisão.

Assessoria – TJPB

porpjbarreto

Equipe de motocross de São João do Rio do Peixe vence na categoria MXF/Feminino em Apodi/RN

Em evento de motocross realizado no último domingo (1º de dezembro), na cidade de Apodi/RN, a Equipe São João Cross, venceu na categoria MXF/Feminino.

Na oportunidade foram idealizados no mesmo dia, o Final do Campeonato Estadual, Final da Copa União e Semifinal da Copa Altoestana de Motocross.

Ambas as competições foram realizadas em Apodi, no Alto Oeste Potiguar.

Abaixo, as categorias e colocações:

Categoria Mirim

1-João Eduardo

2-Feli Cruz

3-Samuel

4-Décio Filho

5-João Antônio

 

MX Intermediária

1-Athalo Brito

2-

3-Vitor

4-Yuri

5-Abraão

 

Categoria Iniciante

1-David Esdras

2-Boy Gás

3-Angry

4-Luan

5-

 

MXF

1-Simony (Equipe São João Cross)

2-Clica

3-Rayonara

4-Wanessa

5-Donatela

 

MX4

1-Bruno Alencar

2-Pedro Bala

3-Gil

4-Nego

5-Genildo

 

MX3

1-Bruno Alencar

2-Pedro Bala

3-Gaúcho

4-Urubu

5-Isaías

 

MX2

1-Gustavo Amaral

2-Athalo Brito

3-Janiedson

4-Emerson Lira

5-Wendel

 

Nacional Pró

1-Pinto

2-Mácio Jr.

3-Janiedson

4-Fabio Raniere

5-Emerson Lira

 

CG Pró

1-Ozanildo

2-Netinho

3-Felipe Motor

4-Edigley

5-Yuri

 

MX5

1-Hipólito

2-Violante

3-Jaci

4-Genildo

5-Nelson

 

200

1-Novinho

2-Fabio Raniere

3-Bagaceira

4-Atila Jr.

5-Dayvid

 

Categoria Júnior

1-Vitinho

2-João Filho

3-

4-Neguinho

5-Caique

 

Nacional Open

1-Márcio Jr.

2-Isaías

3-Bruno Alencar

4-Gaúcho

5-Atila Jr.

 

MX1

1-Pinto

2-Tallys Nathan

3-Mácio Jr

4-Fristo

5-Gustavo Amaral

 

Por Barão Sports