Categoria Cultura

porpjbarreto

Projeto LevePalavras lança livro da escritora Maria Valéria Rezende

Lançamento acontece neste sábado, 18, às 17h, em Tambaú

Uma das mais importantes escritoras brasileiras, ganhadora do maior prêmio da literatura nacional, em várias categorias, faz em João Pessoa, neste sábado, 18, o lançamento do livro “Haicais – Maria Valéria Rezende”. O evento também marca a apresentação do Projeto LevePalavras para o público literário da Capital paraibana, uma promoção da Moenda Arte e Cultura e Imagística – Editora e Encadernação Artesanal, e acontecerá Bricktop’s Café, localizado na Av. Nego, 657, em Tambaú, às 17h.

A obra reúne haicais, que são poemas de origem japonesa que possuem uma estrutura específica (três versos formados por 17 sílabas poéticas), inéditos e algumas reedições, porém, apresentados através da encadernação manual. “Me encantei com o projeto das meninas, e não tinha como recusar a participação em algo pensado com tanto carinho e cuidado. A costura, a ilustração da capa, o tipo de papel, os haicais…tudo se encontrou harmonicamente resultando em algo tão especial para todas nós”, disse Maria Valéria Rezende.

A obra literária será a primeira de uma série que Valeska Asfora e Dani Rabelo pretendem lançar a partir desta parceria. “A ideia surgiu em conversas informais entre amigas, uma já realizando um trabalho de papelaria artesanal cuidadoso, de muita beleza e qualidade, e a outra trabalhando com produção cultural e com um olhar atento a área dos livros, leitura, literatura”, explicou Valeska Asfora, produtora cultural.

“A proposta é apresentar as diversas vertentes da literatura de uma forma única e ainda mais singular. A encadernação manual é uma arte milenar, tornando cada livro uma peça única, enaltecendo ainda mais aquilo que nele foi impresso”, destacou Dani Rabelo, a mulher por trás da Imagística, um ateliê que tem como proposta unir a arte da encadernação com capas repletas de significados.

Para o livro “Haicais – Maria Valéria Rezende”, foi escolhida uma ilustração da artista  paraibana Ana Elizabeth, mais conhecida pela assinatura @illustraninha. O desenho monocromático traz, através de traços delicados, uma mulher com pensamentos livres, assim como são os haicais de Maria Valéria. “Até agora não consigo expressar a minha alegria em fazer parte da primeira obra do Projeto LevePalavras, e ainda mais por poder ter a minha ilustração na capa de um livro de uma mulher que admiro tanto. Maria Valéria Rezende possui uma história que muito nos ensina, e suas obras refletem isso”, disse Ana Elizabeth.

Valeska Asfora acrescentou ainda que a parceria com Dani Rabelo trará outras edições: “Nossa proposta é trazer, através de cada publicação, uma mensagem de leveza, mas que provoque reflexões. Este é um encontro do papel com a literatura, nada de novo, portanto, feito com muita dedicação e amor pelo que realizamos, e resultando em um produto único, e sem intenções de concorrer no mercado literário”.

“Podemos adiantar que em breve teremos mais livros, com novas autoras e autores, assim como ilustrações de outras e outros artistas. Estamos dedicando nossa energia para a realização de algo que entendermos ser muito, muito exclusivo”, concluiu Dani Rabelo.

Toda a curadoria do projeto, e lançamento dos livros, ficará por conta da Moenda Arte e Cultura, e a diagramação e encadernação sob a responsabilidade da Imagística – Encadernação Artesanal.

Mais informações sobre o lançamento do Livro “Haicais – Maria Valéria Rezende”, ou sobre o Projeto LevePalavras, podem ser obtidas através das páginas no Instagram da Moenda (@moenda_arte_cultura) ou da Imagística (@imagisticaencadernacao), assim como pelos e-mails moendartecultura@gmail.com e imagisticaencadernacao@gmail.com.

 

Assessoria 

porpjbarreto

Secult anuncia abertura de inscrições para Festival de Marchinhas Carnavalescas

A Prefeitura Municipal de Cajazeiras, através da Secretaria de Cultura e Turismo, abre no próximo dia (20) as inscrições para o II Festival de Marchinhas Carnavalescas.

Realizado no ano passado pela primeira vez, o evento retorna em 2020 com o objetivo de revelar novos talentos e valorizar a música feita pelos artistas da terra, além de resgatar a tradição dos carnavais de antigamente.

O Festival será realizada no dia 14 de fevereiro de 2020, na Quadra do Leblon, em Cajazeiras, às 19h30. Cada participante poderá inscrever até duas músicas. Não existe taxa de inscrição. As inscrições serão feitas na sede da Secretaria de Cultura e Turismo de Cajazeiras, localizada na rua Epifânio Sobreira 268, centro.

A vencedora do I Festival de Marchinhas Carnavalescas realizado no ano passado foi a música “Carnaval em Cajazeiras”, de Marcos Rodrigues, interpretada por Biguinho Show. “O pobretão no Carnaval” ficou em segundo lugar e “Cadê você”, de Naldinho Braga, em terceiro.

Confira o Regulamento do evento:

DATAS E ORGANIZAÇÃO

O Festival será realizada no dia 14 de fevereiro de 2020, na Quadra do Leblon, em Cajazeiras, às 19h30.
O festival é organizado pela Secretaria de Cultura e Turismo da Prefeitura Municipal de Cajazeiras, com apoio de parceiros.

INSCRIÇÕES

As inscrições começam dia 20 de janeiro e terminam no dia 11 de fevereiro de 2020.
Cada participante poderá inscrever até duas músicas.
Não existe taxa de inscrição. As inscrições serão feitas na sede da Secretaria de Cultura e Turismo de Cajazeiras, localizada na rua Epifânio Sobreira 268, centro.
As composições deverão ser inéditas e originais, tanto na parte musical como nos versos. Entende-se por inédita a música não lançada por gravadora ou distribuída comercialmente em larga escala e nem veiculada na mídia de um modo geral. Como original, a que não contiver plágio, adaptação ou citação poética e musical de outro autor ou compositor.
Somente serão consideradas inscrições cujas letras estejam em português.
O gênero musical é a marchinha carnavalesca.
No material de inscrição deverá constar:
A ficha da inscrição deve conter o nome, endereço, e-mail e telefone do(s) compositor(s) e indicação do(s) intérprete(s)
Arquivo em MP3 ou, áudio via Whatsapp (83-99309.9441)
Cópia da letra em anexo
Cópia do RG e CPF comprovante de residência – documento obrigatório para receber o prêmio de classificação
Além de letra e da melodia a interpretação será considerada na seleção das músicas.
Só poderão inscrever músicas de autores nascidos em Cajazeiras ou radicados na região de Cajazeiras.
O material da inscrição não será devolvido

SELEÇÃO E APRESENTAÇÃO

Das músicas inscritas a comissão de seleção escolherá 15 para o festival.
A comissão de seleção será formada por profissionais capacitados, convidados pela comissão organizadora.
Cada intérprete poderá apresentar, no máximo, duas músicas por etapa.
As músicas serão apresentadas a partir 19h30, no local reservados pela organização.
A ordem da apresentação das músicas não poderá ser alterada.
Os intérpretes terão tempo limite de 5 minutos para iniciar a apresentação, com perda de pontuação se o tempo for excedido.
As interpretações deverão ser executadas da forma como as músicas foram inscritas, ou seja, com o(s) mesmo(s) cantor (es) e instrumental. Os compositores que consideram impraticável o translado com seus grupos não devem se inscrever com eles.
Não serão permitidos efeitos sonoros que modifiquem a voz ou criem vocais
Se o intérprete não comparecer no dia da apresentação estará automaticamente desclassificado
A ordem de apresentação das musicas será conhecida por sorteio

JÚRI

A comissão julgadora será formada, na sua maioria, por músicos, compositores, críticos musicais, escritores, artistas plásticos e jornalistas, escolhidos pela comissão organizadora.
Das decisões do júri não cabem recurso

PRÊMIOS

Serão distribuídos R$ 2.100,00 em prêmios, da seguinte forma:
1º classificado: R$ 1.000,00
2º classificado: R$ 500,00
3º classificado: R$ 300,00
Melhor letra :R$ 150,00
Melhor interpretação:R$ 150,00

OBS:
Além da premiação em dinheiro os três primeiros colocados receberão troféus.
Premiação será paga em cheques ( ou dinheiro ) após cada apresentação.
Nenhuma premiação será paga se a música não for apresentada na data prevista.

OS CASOS OMISSOS NO PRESENTE REGULAMENTO SERÃO RESOLVIDOS SOBERANAMENTE PELA COMISSÃO ORGANIZADORA

CONTATOS:
E-MAIL: secultcajazeiras1@gmail.com
whatsapp:83-99309.9441 (Cristina Lima).

 

Secom

porpjbarreto

Assisão e Fabiana Souto se apresentarão em João Pessoa com o autêntico forró nordestino

O cantor Assisão estará em João Pessoa/PB no próximo dia 17, para realizar um show especialmente dedicado aos amantes do autêntico forró no Sindicato dos Bancários. Será uma noite inesquecível e as vendas já estão a todo vapor!

Neste show, o cantor irá apresentar no melhor formato do nosso forró, o pé de serra, sucessos que durante estes 57 anos de sua gloriosa carreira, marcaram seu nome no Brasil inteiro como um dos maiores talentos e grande defensor da nossa música e nossa cultura nordestina. Sucessos como “Eu quero meu amor”, “Pau nas coisas”, “Amor numa fogueirinha”, “No balcão da pulandeira”, “Forró pesado”, “Esquenta moreninha”, “A fogueirinha”, “Vamos farrear”, e músicas que marcaram época na sua voz e na de nomes como Elba Ramalho, Fagner, Trio Nordestino, Santana O cantador, Jorge de Altinho e muitos outros. O repertório será bem animado na sexta feira (17) no Sindicato dos Bancários.

A noite também contará com a abertura de Fabiana Souto, ex Banda Magníficos, que agora empreende seu voo solo como cantora e tem se destacado com muito brilhantismo nesta nova fase de sua carreira.

As  mesas para Assisão e Fabiana Souto já se encontram à venda na Herrero no Tambiá Shopping, Sonho Mais Colchões na Av. Edson Ramalho em Manaíra, na Loja de conveniências Leve Mais na Av. Gov. Antônio Mariz – Portal do Sol e também no site www.ontickets.com.br/evento/262/Assiso

Os valores dos ingressos estão em primeiro lote e promocional! Ingresso individual por R$40 e a mesa para 4 pessoas por apenas R$160,00. Lembrando que os sócios do Sindicato dos Bancários tem um desconto e a mesa custará R$140,00.

Realização Sindicato dos Bancários e Interação Cultural.
porpjbarreto

Radialista Eutim Rodrigues conclui gravação do CD de marchinhas carnavalescas e lançamento será no final de janeiro

O radialista Eutim Rodrigues estará lançando no final do mês de janeiro um CD de marchas carnavalescas; todas composições inéditas e de sua autoria. O CD foi patrocinado pelo FUMINC (Fundo de Incentivo à Cultura) através da secretaria de cultura do município.

São oito faixas produzidas por músicos e artistas Cajazeirenses, como Neném Amaro, Eduardo Jorge e Everton Pereira (Biguinho) que retratam os velhos e saudosos carnavais através das marchinhas que dão um charme especial a festa momesca.

O trabalho é o primeiro volume e, segundo o radialista e compositor o segundo volume já está sendo preparado, inclusive, algumas faixas do segundo CD estarão sendo apresentadas no II Festival de Marchinhas que será realizado pela secretaria de Cultura no mês de fevereiro.

Ouça todas as faixas:

1 – Na Cuíca da Tereza

 

2 – Casca da Banana

 

3 – O Mala da Mala

 

4 – Amigo 171

 

5 – Mágoas de Carnaval

 

6 – Tatico e Amaury

 

7 – Dindin de Cajá

 

8 – O Anel Que Ela Me Deu

 

Com informações de Blog do Furão

porpjbarreto

Jampa Rock Festival transformará abril no mês mais roqueiro da capital paraibana

Evento fará encontro memorável entre monstros do rock nacional

Rockabilly, hard rock, punk, rock progressivo, heavy metal, blues rock, surf music, psicodelic, glam rock, pop, folk rock, new wave… O roquenrol tem vertentes que vão do mais “fofo” ao mais pesado. OK, estamos no período pré-carnavalesco, mas não custa lembrar que nem só frevo, marchinha e axé vive o festivo povo brasileiro. É por isso que, no dia 4 de abril deste ano, no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, a Colônia Produções vai dar à galera a chance de curtir vários estilos desse gênero musical num evento único: o Jampa Rock Festival, mega show que contará com apresentações de Val Donato, Biquíni Cavadão, Os Paralamas do Sucesso, Vitor Kley e Capital Inicial. A capital paraibana vai ser sacudida com muitos riffs de guitarra e solos de bateria.

O Jampa Rock terá dois palcos montados na Praça do Povo do Espaço Cultural, o que dará mais dinamismo às apresentações. Nesta primeira edição, acontecerá em apenas um dia. Mas a pretensão dos seus idealizadores é ambiciosa: o objetivo é realizar o Jampa Rock a cada ano e torná-lo um evento fixo no calendário cultural da Paraíba. Num futuro próximo, o festival poderá acontecer em um final de semana, por exemplo.  “Queremos ter mais bandas e artistas paraibanos, além de montar outras ilhas de rock. Essa é a ideia. Mas, por enquanto, nosso objetivo é fazer acontecer”, diz Fábio Henrique, um dos produtores da Colônia Produções.

O primeiro lote de ingressos para o Jampa Rock Festival está sendo vendido online, no site www.ingressonacional.com.br, com 20% de desconto. Esses ingressos serão limitados. “O festival é a demonstração de que acreditamos no cenário roqueiro da Paraíba. Queremos dar espaço a essa expressão. O nosso papel será enaltecer o rock, tanto o que já tem reconhecimento nacilnal quanto o que produzimos aqui”, diz. Segundo ele, o grande homenageado do primeiro festival pessoense dedicada ao som mais rebelde produzido no século XX será o cantor, músico e compositor Herbert Viana, líder do Paralamas.

 

Serviço

Jampa Rock Festival

@jamparockfestival

Data: 4 de abril de 2020

Hora: a partir das 17h30

Bandas: Os Paralamas do Sucesso, Biquíni Cavadão, Capital Inicial, Vitor Kley e Val Donato

Vendas: ingressonacional.com.br (1º lote com 20% de desconto e sem taxas)

Informações e realização: Colônia Produções @coloniaproducoes

 

Assessoria de Imprensa

porpjbarreto

Filme VEREDAS D’UM SERTANEJO será gravado na cidade de Monteiro/PB e conta com a participação especial de Amazan e Eduarda Brasil

A atriz cajazeirense Raquel Rolim juntamente com o ator Márcio Tadeu e o diretor Silvio Toledo, estão em mais um grande projeto para produzir um longa-metragem, que será rodado neste ano de 2020 na cidade de Monteiro/PB. De acordo com a produção do projeto e por questões técnicas não será viável a gravação em Jardim do Seridó/RN – como estava anteriormente acordada.

Com roteiro de Márcio Tadeu e Vaniele Oliveira, o filme VEREDAS D’UM SERTANEJO conta a história de um Zé qualquer do interior do Brasil, que nasceu em meio a seca, mas que nunca deixou de sonhar em ser alguém como todo bom e persistente nordestino, que aprendeu a driblar as dificuldades e as mazelas da vida.

O filme conta com um grande elenco:  Renato Rabelo, Claudia Lira, Sôia Lira, Zezita Matos, Raquel Rolim, Fernando Teixeira, Fábio Campos, Gabriel Rolim, Daniel Toledo, Magna Fontes e dentre outros.

O projeto traz a participação especial de dois grandes nomes da música brasileira; Eduarda Brasil e o forrozeiro Amazan.

A direção de produção é de Raquel Rolim, direção de arte de Magna Fontes e direção geral de Silvio Toledo. Assistentes de direção: Márcio Tadeu e Raquel Rolim.

O diretor Silvio Toledo, a prefeita de Monteiro – Anna Lorena, a Secretária de Cultura e Turismo – Christianne Leal e a atriz cajazeirense Raquel Rolim.

Em reunião realizada nesta quinta-feira (09), com a prefeita de Monteiro – Anna Lorena, com a Secretária de Cultura e Turismo – Christianne Leal e o diretor Silvio Toledo, a direção do filme fechou os últimos detalhes das gravações – (atualizada).

Assessoria

porpjbarreto

Prefeitura de Santa Rita promove pré-réveillon com Mano Walter e Sâmya Maia

Prefeitura de Santa Rita promove pré-réveillon com Mano Walter e Sâmya Maia

A Prefeitura de Santa Rita vai promover na cidade uma grande festa de pré-réveillon neste dia 30 de dezembro, com shows de Mano Walter e de Sâmya Maia.

A festa acontece na Praça do Povo, com a proposta de oferecer diversão tanto para a população santa-ritense como para visitantes.

O início do evento está marcado para as 20h. A programação começa com o show de Sâmya Maia e, em seguida, Mano Walter encerrando a noite.

PRÉ-RÉVEILLON DE SANTA RITA

DATA: 30 DE DEZEMBRO

LOCAL: PRAÇA DO POVO

HORÁRIO: A PARTIR DAS 20hs00

 

Secretaria de Comunicação Institucional
porpjbarreto

Morre o artista plástico pernambucano Francisco Brennand

O escultor estava internado há 10 dias por conta de um grave quadro de pneumonia

Aos 92 anos, morreu nesta quinta-feira (19) o artista plástico pernambucano Francisco Brennand em decorrência de complicações de uma infecção respiratória. O escultor estava internado há 10 dias no Real Hospital Português, em Recife, de acordo com nota emitida pela unidade.

O velório de Brennand será aberto ao público e acontece ainda hoje, às 16h, na Oficina de Cerâmica Francisco Brennand.

01
Esculturas parte da estrutura da Oficina Cerâmica Francisco Brennand Divulgação

Com obras reconhecidas, o artista aplicava em seus quadros elementos naturais, como flores e frutos, além de linhas simples, bem como  produzia autorretratos.

As cerâmicas são a grande referência do trabalho de Brennand, com influências de Pablo Picasso e Paul Gauguin.

Em 2018, Fortaleza recebeu a exposição ‘Francisco Brennand – Mestre dos Sonhos, que prestou uma homenagem a carreira do artista.

 

Diário do Nordeste

porpjbarreto

João Azevêdo prestigia solenidade de premiação e reforça compromisso com atletas paraibanos

O governador João Azevêdo participou, nesta segunda-feira (16), no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, da solenidade do ‘Prêmio Melhores do Esporte Paraibano 2019’. O evento homenageou atletas e paratletas, além de técnicos e dirigentes que se destacaram ao longo do ano em diversas modalidades, além de personalidades do estado que fizeram história e ganharam projeção nacional e internacional. Petrúcio Ferreira, recordista mundial no atletismo paralímpico, foi escolhido como o melhor atleta do ano.

Na solenidade, o governador foi homenageado pelo atleta Duduzinho, vice-campeão mundial de karatê, e recebeu o troféu ‘Confraternização’, conquistado pela delegação paraibana nas paralímpiadas escolares de 2019, realizadas em São Paulo.

Durante pronunciamento, João Azevêdo destacou a relevância da premiação para incentivar o esporte paraibano. “É importante esse reconhecimento para que o povo da Paraíba conheça o esforço de cada atleta e essa é uma noite de festa para celebrar as conquistas deste ano. Nós estamos dando um exemplo claro de que o Estado respeita o comprometimento de cada atleta para levar o nome da Paraíba nas conquistas de 2019, como ocorreu com o vôlei de praia estudantil; isso é extremamente gratificante para o governo porque sabemos o que isso representa para outros jovens”, frisou.

Ele também afirmou que a gestão estadual desenvolve novas concepções de projetos para ampliar o apoio para diversas modalidades do esporte. “Nós estamos trabalhando numa reforma da legislação para que a gente possa incentivar outros esportes, nós tivemos uma grande vitória do futebol americano, com o João Pessoa Espectros, e isso representa o esforço dos que se dedicam ao esporte e, por isso, vamos ampliar esse apoio para várias modalidades esportivas”, acrescentou.

O secretário de Estado da Juventude, Esporte e Lazer, Hervázio Bezerra, afirmou que o apoio do governador João Azevêdo ao esporte foi fundamental para motivar o segmento. “Nós conseguimos cumprir todo o calendário planejado pela Sejel, foram muitos eventos, conseguimos ajudar muitos atletas, o que resultou no sucesso de vários paraibanos, tanto nos Jogos Escolares, quanto nas Paralimpíadas. Nós tivemos a melhor colocação da história da Paraíba nas Paralimpíadas, conquistamos 66 medalhas, sendo 35 de ouro e esse é o resultado do esforço pessoal de cada atleta e do apoio do Governo. A tendência é de a Paraíba evoluir mais para a alegria de todos os cidadãos e amantes do esporte”, opinou.

A vice-campeã no Pan-Americano de judô no México e campeã sul-americana no Paraguai, Maria Eduarda Oliveira, disse que o apoio do Governo foi essencial para os resultados positivos deste ano. “Eu agradeço muito ao Governo do Estado pela ajuda e estou muito feliz pelo meu resultado e de todos os atletas que se destacaram ao longo do ano. Terminei o ano bem e espero ter um 2020 muito exitoso. Foi muito bom receber esses títulos porque eu sabia do meu potencial e com esse apoio ficou bem mais fácil chegar lá”, falou.

Igor Nery, integrante do João Pessoa Espectros, enalteceu a iniciativa da premiação. “Ela representa a materialidade do reconhecimento do nosso estado por carregar a bandeira no nosso peito. Nós temos uma rotina dura de ser um atleta amador, iniciamos nas areias do Cabo Branco, sem muita perspectiva, mas, após 12 anos de trabalho, conseguimos chegar ao ápice da carreira e já estamos avaliando as propostas para o próximo ano e a questão da logística para que a gente possa alcançar o tricampeonato”, disse.

O presidente da Associação Atlética das Pessoas com Deficiência da Paraíba, Will Oliveira, enalteceu o estímulo da gestão estadual a diversas modalidades do esporte. “Esse apoio foi muito importante para o desenvolvimento do nosso trabalho, nós buscamos desenvolver o paradesporto, já temos resultados significativos, tanto nacional, quanto internacionalmente, e esperamos ter cada vez mais chances de mostrar que a Paraíba é um polo de atletas do paradesporto”, comentou.

“A gente fica muito feliz pela valorização do Governo do Estado e por ter sido lembrado entre os melhores do esporte em 2019. A gestão é uma parceira da Unifacisa e agradecemos muito esse reconhecimento de um projeto sério e que vem crescendo a cada ano. Hoje, nós representamos a Paraíba na elite do basquete brasileiro e estamos muito felizes por isso”, comentou o coordenador técnico do time de basquetebol da Unifacisa, Eduardo Shafer.

Primeiro técnico de handebol da Paraíba, José Ribamar, agradeceu a homenagem. “Eu me sinto muito feliz e agradeço à Paraíba por ter me acolhido muito bem, desde 1962, quando fui professor do Pio X. Eu sempre trabalhei com a classe estudantil, fomos aos jogos escolares brasileiros em São Paulo e em Brasília e sempre fui muito prestigiado aqui”, relatou.

O deputado estadual Wilson Filho enalteceu a política do governo estadual de incentivo ao esporte. “Este evento premiou mais de 180 atletas que sonharam, acreditaram e venceram desafios a partir de dedicações que duram semanas, meses e anos e espero que mais atletas alcancem essa conquista, não só no Estado, mas em todo o Brasil”, declarou.

Os vereadores de João Pessoa, Léo Bezerra e Tibério Limeira, e auxiliares do Governo da Paraíba prestigiaram a solenidade.

Confira a relação dos premiados na solenidade:

 Atletismo e Bocha Paralímpica – Escolar e Paraescolar

Alice Mirelly, Fabíola de Oliveira, Matheus Melo, Iago Edson, Lucas Chaves, Bárbara

Beatriz, Deives Rufino, Laíssa Poliana.

Badminton e Ginástica Rítmica – Escolar e Paraescolar

Raica Isis, Pablo Rafael, Kathlen Kelly, Rian Catandubas, Saimon Max, Vitória Régia,

Maria Clara e Maíra Calado

Judô e Ciclismo – Escolar e Paraescolar

Maria de Fátima Rocha, Maria Eduarda Moisés, Fábio Bezerra, Dayanne Héllen,

Cláudio Galdino, Kaywã Lino, Monique Vitória, Tales Rafael

Tênis de mesa e Xadrez – Escolar e Paraescolar

Maria Clara Costa, Arthur Rodrigues, Nina Leite, Matheus Santos, Gustavo Luís,

Jamily Ferreira, Yasmin Soares, Sara Soares, Pedro Henrique e João Felipe

Natação – Escolar e Paraescolar

Maria Eduarda César, Daniel Azevedo, Juliana Dantas, Vítor Henrique, Marcone de

Souza, Bianca Vieira

Wresling (Luta Olímpica) e Vôlei de Praia – Escolar

Maria Vitória, Wildson Monteiro, Rúbia Ferreira, Gemerson dos Santos, Maria Eduarda

Dias, Pablo Henrique

Basquetebol – Escolar e Paraescolar

Maria Lavínia, Guilherme de Carvalho, Maria Gracineide, Luís Pereira, Leandro

Rodrigues

Futsal e Futebol de Cinco para deficientes visuais – Escolar e Paraescolar

Anna Cordeiro, Joélison Guilherme, Letícia Gabriela, Luan Gabriel e Lucas Pereira

Handebol e Voleibol – Escolar

Beatriz Oliveira, Daví Evangelista, Marcelle Pereira, Lucas Antônio, Bianca do

Nascimento, João Victor Soares, Yasmin Tenório, Rian Mateus.

Técnicos do Paraescolar

Ana Maria Meireles (bocha), Franciana Silva (tênis de mesa), Ednaldo Rosendo

(Futebol de 5), Hélio Pereira (Judô), Jéssica Maria (Para-badminton), Manoel Ubiramar

(natação), Romero Ramos (basquete em cadeira de rodas), Ivan Marcos Lisboa

(Atletismo).

Técnicos das modalidades individuais – Escolares

Ednete Luciana (atletismo), Priscila Soares (badminton), Lenise Rejane (ginástica

rítimica), Walter Júnior (lutas), Raniery Lopes (tênis de mesa), Stéphano de

Vasconcelos (natação), Isaac Soares (xadrez), João Pereira (vôlei de praia), Carlos

Alberto (ciclismo), João Jacinto (judô).

Técnicos das modalidades coletivas – Escolares

Basquete: Edson Gonçalves e José Ângelo; futsal: Lêucio Laerte e Guilherme Paiva;

handebol: Audivan Rodrigues e Isaías Gomes; voleibol: Idebaldo Grisi e Jorge Carvalho

Gerentes das Regionais:

João Pessoa: Wleika Honorato

Guarabira: Carlos Paiva

Campina Grande: Érica Santana

Cuité: José Gomes

Monteiro: Aristótenes da Silva

Patos: Gení Lúcia

Itaporanga: Maris do Carmo

Catolé do Rocha: Maria do Socorro Muniz

Cajazeiras: Valério Damásio

Princesa Isabel: Francisca de Lucena

Itabaiana: Fabiana de Figueiredo

Mamanguape: Gerlane Pereira

Coordenadores das Regionais:

João Pessoa: Teodan Stepherson

Guarabira: Soraia Barbosa

Campina Grande: Ricardo Silveira

Cuité: José Gilvandro

Monteiro: José Edilson

Patos: Kilden Tadeu

Itaporanga: Manoel de Araujo

Catolé do Rocha: Dênis da Silva

Cajazeiras: Márcio Raniery

Sousa: Rafael Abrantes

Princesa Isabel: Ricardo Quintino

Itabaiana: Luciano Ferreira

Pombal: Brendo Pereira

Mamanguape: Emerson Felipe

Homenageados

José Ribamar, primeiro técnico de handebol da Paraíba

Ivan Fernandes, 50 anos como árbitro dos Jogos da Paraíba

João Bosco Crispim – Presidente da Associação das Federações Esportivas Amadoras

Fábio Espinar – Presidente da Federação Paraibana de Vela

Dênis Machado – Representando um dos patrocinadores dos eventos

Ricardo Souza – Representando a modalidade de BMX, que colaborou com a reforma

da Pista de Bicicross do Ronaldão

Eduardo Araújo – Realizador do Paraíba Fight de MMA

Key Pessoa – Presidente da Federação Paraibana de Jiu Jitsu

Mais homenageados

Tenente Coronel Ânderson – Coordenador Corrida Pela Paz

Dalton Gadelha – Representando o grupo Unifacisa, que representa a Paraíba no NBB

(Novo Basquete Brasil)

Eduardo Shafer – Coordenador técnico do time de basquetebol da Unifacisa

Jailson Santos – Coordenador da Corrida da Serra

Eventos realizados pela Sejel

Jogos dos Ciganos

Jogos dos Índios – Cacique Sandro Gomes – Cacique Geral das Aldeias Potiguaras

Jogos Socieducativos Recomeçar – José Nilton Santos – Coordenador da Fundac

Jogos das Reeducandas – Cintia Almeida – Gerente do Presídio Feminino Julia

Maranhão

Jogos dos Servidores Públicos Estaduais – Melhor Equipe: Polícia Militar,

representada pelo Major Juceildo – Melhort atleta: Irenildo do Patrocínio

Copa Paraíba Sub 15 Raimundo Braga de Futebol: Clube Campeão de 2019- CRA de

Sousa representado por Josenildo Pereira. Melhor Atleta: Estevão Costa (C|RA)

Programa Paraíba Paralímpica

Melhor Pólo: Município de Picuí – coordenador: José Mário da Silva.

Associação Atlética da Pessoa com Deficiência – AAPD – Presidente Will Oliveira

Grêmio Vila Olímpica Parahyba – representante: Antônio Meira Leal

João Pessoa Espectros

Presidente: Diego Martins – Atleta destaque: Igor Nery

Maria Eduarda Oliveira – Vice-campeã Pan Americano de Judô em Guadalajara

Eduardo dos Santos – Vice-campeão Mundial de Karatê em Fortaleza

Professora Ana Maria Brito técnica de Nado Sincronizado e Ana Raquel atleta de

Nado Sincronizado

José Arthur e Virgínia Mélis atletas de saltos ornamentais e Eduardo Vergara técnico

Hérberth Pereira – responsável pelo Master de Atletismo da Paraíba

Campeões Sul Americanos de Luta Olímpica:

Kaliane Cristiani, Adriani Santos,

Gemerson Santos, Michael Silva, Fábio Conceição, Gabriel Vinícius

Campeões mundiais escolar de vôlei de praia:

Tiego Bernola, Pablo Barbosa e Luís Felipe.

Vice campeã mundiais escolar de vôlei de praia:

Lara Correia, Raissa Barbosa e

Gabriela Nóbrega e Pâmela Torres.

Principais Homenageados

Edival Marques Neto – campeão Pan Americano em Lima de Taekwondo – representado pelo técnico: Mestre Tomaz

Álvaro Filho – atleta de vôlei de praia paraibano garantido nas Olimpíadas de Tóqui

2020

Cícero Valdiran – Campeão mundial de atletismo para-desportivo

Joéferson Marinho – Medalha de Prata no Campeonato Mundial de Para-Atletismo

Silvana – campeã para- pan americana de taekwondo

campeã para-pan americana de halterofilismo

 

Damião Robson – campeão para-pan americano de Futebol de 5

José Roberto – campeão para pane americano de goalball

Dailton Freitas – técnico campeão para pan americano feminino

Jogos Mirins

Mária Julia Gondim – basquete

João Carlos Honorato – voleibol

José Marco – medalhista olímpico em Sidnei na Austrália e que entrou oficialmente

para o hall da fama do voleibol mundial nos Estados Unidos

Governador João Azevêdo

Os melhores do ano do Desporto e Para-Desporto Escolar

Feminino: Escolar: Rúbia Ferreira – Luta Olímpica

Feminino Paraescolar: Barbara Beatriz – Atletismo

Masculino: Escolar: Daniel Azevedo – Natação

Masculino: Paraescolar: Lucas Caetano – Futebol de 5

Melhor Atleta do ano da Paraíba:

Petrúcio Ferreira

 

Secom

porpjbarreto

Kabuuum: Atriz cajazeirense atua em mais um curta-metragem paraibano

A atriz cajazeirense Raquel Rolim, que faz a personagem “Esclerosilda” participa de mais um trabalho cinematográfico e desta vez, a comédia Kabuuum. Um curta-metragem para todos os públicos.

O filme tem classificação livre e narra a história de dois vigaristas atrapalhados, que tentando fugir da polícia, a Cabo Esclerosilda, seguindo o roteiro, vai em busca de todos – que acabam chegando a uma vila surreal e cheia de vampiros.

O filma Kabuuum é dirigido pelo competente Silvio Toledo, cineasta campinense, conhecido por trabalhos, como: Incursão e, A princesa Emylia.

O elenco conta com grandes nomes do cinema nordestino: Fábio Campos, Raquel Rolim, Magna Fontes e outros. O filme foi rodado em Campina Grande, no último final de semana – na Vila Sítio São João, com previsão de estreia para o primeiro semestre do 2020.

 

Redação