Categoria BRASIL

Seis em cada dez crianças no Brasil vivem na pobreza, aponta Unicef

Pesquisa mostra que dos 61% de crianças e adolescentes brasileiros que vivem na pobreza, 49,7% têm um ou mais direitos negados

Um estudo inédito apresentado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância, o Unicef, mostra que seis em cada dez crianças no Brasil vivem na pobreza.

O levantamento mostra que entre as crianças brasileiras que vivem na pobreza, seja por privação de renda ou de direitos, 13,9 mil não têm acesso a nenhum dos seis direitos analisados pelo estudo e estão completamente à margem de políticas públicas.

Segundo o coordenador de Políticas de Qualidade para a Infância do Unicef no Brasil, Mário Volpi, essas crianças e adolescentes têm até 17 anos e são monetariamente pobres ou estão privadas de direitos, como educação, saneamento e moradia.

“A pobreza, na infância, é mais ampla do que simplesmente renda. O Unicef analisou a situação da educação, da informação, da moradia, do trabalho infantil, do saneamento e da água. E constatou que seis em cada dez crianças vivem no país algum tipo de privação.”

O estudo foi feito com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, a Pnad, e mostra que 18 milhões de meninas e meninos, ou seja, 34,3% do total vivem com menos de R$ 346 por mês na zona urbana e R$ 269 na zona rural.

Os dados do levantamento apontam que a acesso aos direitos varia, entre outros fatores, com o local onde moram e com a cor dessas crianças e adolescentes. As regiões Norte e Nordeste aparecem com os maiores índices de privação de direitos, com exceção de moradia, em que a região Sudeste lidera esse índice.

Por conta disso, o porta-voz do Unicef faz um pedido público para as autoridades.

“A partir deste estudo, o Unicef faz um apelo às autoridades para que invistam em políticas, programas, serviços e benefícios que vão além da transferência de renda para assegurar o desenvolvimento integral das crianças e dos adolescentes.”

Os resultados mostram que dos 61% de crianças e adolescentes brasileiros que vivem na pobreza, 49,7% têm um ou mais direitos negados. O saneamento é a privação que afeta o maior número de crianças e adolescentes, seja intermediária ou extrema, atingindo 13,3 milhões de pessoas, seguido por educação (8,8 milhões); água (7,6 milhões); informação (6,8 milhões); moradia (5,9 milhões) e proteção contra o trabalho infantil (2,5 milhões).

 

Reportagem: Cintia Moreira

 

NOTA: Pronatec oferece cursos de capacitação profissional de graça

Para se inscrever, acesse portal.mec.gov.br/pronatec

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, o Pronatec Oferta Voluntária, está com inscrições abertas para cursos gratuitos de capacitação profissional.

Só neste ano mais de 3 milhões de vagas foram disponibilizadas. Dentre as possibilidades, estão cursos de espanhol, inglês e Língua Brasileira de Sinais (Libras) básicos, formação para agente comunitário de saúde, promotor de vendas, desenhista de construção civil, representante comercial, assistente administrativo, recepcionista, vendedor, balconista de farmácia, entre outros.

Os cursos de formação inicial e continuada (FIC) são para aquelas pessoas que têm o ensino fundamental incompleto. Com o foco em áreas específicas, eles duram de três a cinco meses e podem ser feitos nas modalidades presencial ou Ensino a Distância (EaD), com certificado ao final.

Já os cursos técnicos são para quem concluiu o ensino médio. As aulas podem ter duração de um a dois anos e o aluno obtém habilitação técnica de nível médio, com certificado reconhecido em todo o território nacional.

Lembrando que todos os cidadãos brasileiros maiores de 15 anos podem participar gratuitamente dos cursos. Para se inscrever, acesse portal.mec.gov.br/pronatec.

Reportagem: Cintia Moreira

 

O tempo e a temperatura para esta terça (14) de agosto de 2018

O TEMPO E A TEMPERATURA: Temperatura da região Centro-Oeste varia de 10ºC a 41ºC nesta terça-feira

A umidade relativa do ar pode variar de 10% a 95%

Nesta terça-feira, o céu fica nublado a parcialmente nublado com chuva seca na região Centro-Oeste. A temperatura da região varia de 10ºC a 41ºC. A umidade relativa do ar pode variar de 10% a 95%. No Mato Grosso, mínima de 13ºC e máxima de 41ºC. No Distrito Federal, a temperatura varia entre 12ºC e 31ºC. No Mato Grosso do Sul, mínima de 12ºC e máxima de 31ºC. Já em Goiás, a temperatura pode variar entre 10ºC e 37ºC. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Umidade relativa do ar na região Nordeste varia de 20% a 95% nesta terça-feira

A região tem céu parcialmente nublado a nublado

Nesta terça-feira, a previsão para a região Nordeste é de céu parcialmente nublado a nublado com chuva isolada. A temperatura da região fica entre 12ºC e 39ºC. A umidade relativa do ar pode variar de 20% a 95%. Em Sergipe, em Pernambuco, na Bahia e em Alagoas os termômetros podem variar de 12ºC a 35ºC. No Rio Grande do Norte, na Paraíba, no Maranhão e no Ceará a temperatura vai variar de 17ºC a 37ºC. Já no Piauí mínima de 15ºC e máxima de 39ºC. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Céu na região Norte fica nublado a encoberto nesta terça-feira

A temperatura da região fica entre 17ºC e 39ºC

Nesta terça-feira, a previsão é de céu nublado a encoberto com pancadas de chuva isoladas na região Norte. A temperatura da região fica entre 17ºC e 39ºC. Já a umidade relativa pode variar de 20% a 95%. No Acre, em Roraima e no Amapá a temperatura varia de 22ºC a 34ºC. Em Rondônia, no Amazonas e em Tocantins os termômetros variam entre 17ºC e 38ºC. Já no Pará mínima de 22ºC e máxima de 39ºC. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Temperatura da região Sul varia entre 5ºC e 28ºC nesta terça-feira

A umidade relativa do ar pode variar de 35% a 95%

Nesta terça-feira, o céu fica parcialmente nublado a nublado com possibilidade de chuva na região Sul. A temperatura da região varia entre 5ºC e 28ºC. A umidade relativa do ar pode variar de 35% a 95%. Em Santa Catarina os termômetros vão variar de 5ºC a 26ºC. No Rio Grande do Sul a temperatura vai variar de 6°C a 26ºC. Já no Paraná, mínima de 6ºC e máxima de 28ºC. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

O TEMPO E A TEMPERATURA: Nesta terça-feira, o céu na região Sudeste fica parcialmente nublado

Nesta terça-feira, o céu na região Sudeste fica parcialmente nublado

Nesta terça-feira, a região Sudeste tem céu parcialmente nublado com névoa úmida isolada. A temperatura da região pode variar de 3ºC a 35ºC. A umidade relativa do ar fica entre 15% e 95%. No Rio de Janeiro, mínima de 8ºC e máxima de 28°C. No Espirito Santo, a temperatura varia de 11ºC a 28ºC. Em São Paulo, a temperatura pode variar de 6ºC a 32ºC. Já em Minas Gerais, os termômetros variam entre 3ºC e 35ºC. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

 

Reportagem – Larissa Lago

As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia

 

Exportação de animais vivos para abate pode ser proibida

Depois de votada na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária, a matéria segue para análise da Comissão de Meio Ambiente

Foto: EBCUm projeto de lei do Senado, que tramita na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária, pretende proibir a exportação de animais vivos destinados ao abate. A proposta foi apresentada pelo senador Rudson Leite, do PV de Roraima, no começo do mês.

Segundo o parlamentar, a atividade vem crescendo nos últimos anos e traz à tona a discussão sobre as condições de maus-tratos a que são submetidos os animais transportados.

Entre os problemas detectados, segundo o senador, está colocar os animais em locais muito pequenos para serem transportados em longas viagens marítimas, onde enfrentam tempestades e calor intenso.

Depois de votada na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária, a matéria segue para a análise da Comissão de Meio Ambiente, que decidirá sobre o tema.

Reportagem: Cintia Moreira

 

Polícia Federal e o Ministério Público estão à disposição para investigar caso Marielle, diz ministro

Sem dizer nomes, Jungmann confirmou que há envolvimento de políticos no caso

Foto: EBCA morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes completa cinco meses nesta terça-feira (14) sem solução do caso. Para acelerar a investigação e encontrar os culpados, o governo federal colocou a Polícia Federal e o Ministério Público Federal à disposição do Estado do Rio de Janeiro para colaborar nas investigações.

A informação foi confirmada nesta segunda-feira (13) pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, depois de participar de uma reunião no Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no Rio de Janeiro, para tratar de parcerias para a construção de presídios.

Jungmann afirmou que a solução do caso é uma questão de honra para o governo federal e, sem dizer nomes, confirmou que há envolvimento de políticos no caso.

Reportagem: Cintia Moreira

 

Preço de carro zero aumenta até 35,95%, aponta levantamento

Segmento de sedãs médios foi o que registrou a maior alta

Comprar um carro zero precisa ser uma decisão muito bem pensada pelo consumidor. Isso porque os preços dos automóveis novos subiram até 35,95% em três anos, de acordo com levantamento da consultoria especializada no setor automotivo, a Jato Dynamics.

A maior alta de preços foi verificada entre os sedãs médios, que inclui modelos como Toyota Corolla e Chevrolet Cruze. Neste segmento, os preços subiram de 65,2 mil reais para mais de 100 mil reais, em média, no período de 2015 a 2018.

Já na categoria de hatchs compactos, na qual se enquadram o Volkswagen Fox e Hyundai HB20, o preço médio subiu 19,15% e foi de 45,6 mil reais para 56,4 mil reais.

A alta de preços foi influenciada pela inflação do período. Segundo o IBGE, a inflação medida pelo IPCA acumulada nos três anos do estudo atingiu 21,10%.

Os sedãs compactos, como o Fiat Grand Siena e o Volkswagen Voyage, foram os únicos que mantiveram os preços praticamente estáveis no período. O preço médio nesse segmento passou de de 58,3 mil para 58,6 mil reais, o que significa uma alta de apenas 0,52%.

Reportagem: Juliana Gonçalves

 

São Paulo vence Sport fora de casa e permanece na liderança

Fla derrota Cruzeiro com gol de Dourado no Maraca e segue à caça do Tricolor

É emoção com luta pela ponta da tabela a cada rodada que vocês querem? Então, é só acompanhar o Brasileirão! Na 18ª rodada do campeonato mais disputado do país, dois times mostraram que a briga pela ponta da tabela será intensa.

Líder com L maiúsculo. Na Ilha do Retiro, o Sport recebeu o São Paulo e os objetivos eram bem distintos. Se os donos da casa queriam espantar a sequência de jogos sem vencer, os visitantes precisavam dos três pontos para se manter no primeiro lugar da classificação. Em boa parte do primeiro tempo a partida foi equilibrada, apesar da superioridade do Tricolor Paulista. As chances reais de gol eram poucas, e em um jogo com um time que briga lá em cima da tabela, não pode vacilar. Gabriel errou na saída de bola do Sport, Reinaldo tocou para Éverton, que serviu Diego Souza. O camisa nove não perdoou e abriu o placar para os visitantes. Um a zero São Paulo.O São Paulo bateu o Sport e se manteve na liderança do BrasileirãoAtrás no placar, o Sport foi para cima e tentou na base da pressão igualar o placar, mas deu ao tricolor a arma desejada, o contra-ataque. Logo aos seis da etapa final, Rojas encontrou Nenê, que com a categoria de um típico camisa 10, ajeitou a bola e mandou no canto. Dois a zero. O Leão da Ilha tentava reagir, mas era neutralizado pela zaga são-paulina. Aos 40, depois de muito insistir, saiu o gol de honra. Marlone cobrou falta, a bola desviou em Tréllez e entrou. Dois a um. Porém, quatro minutos depois, o próprio Tréllez se redimiu com a torcida tricolor e marcou o terceiro. Final, Sport um, São Paulo três. O placar manteve o time paulista na liderança. Já no Sport, o técnico Claudinei Oliveira pediu demissão do cargo após a partida.

Quem vem coladinho na traseira do tricolor é o Flamengo. O Mengão encarou o Cruzeiro, de novo no Maracanã, após a derrota na Libertadores. Dessa vez, a história foi diferente. Após passe cirúrgico de Éverton Ribeiro, Henrique Dourado marcou e garantiu a vitória. Flamengo um, Cruzeiro zero. O Rubro-Negro tem apenas um ponto a menos que o São Paulo.

Quem também vem forte na briga pelas primeiras posições é o Grêmio. O Tricolor Gaúcho não teve pena, e massacrou o Vitória em casa. Quatro a zero para o Imortal.

De bem com a torcida. Depois de dois jogos sem vencer, o Atlético Mineiro derrotou o Santos por três a um. Destaque para Ricardo Oliveira, que marcou duas vezes contra o ex-clube. O Galo está em quinto, enquanto o Santos voltou para a zona da degola e está em 17º na classificação.

Com gol de Deyverson, o Palmeiras venceu o Vasco por um a zero. De virada, a Chapecoense derrotou o Corinthians por dois a um na Arena Condá. Paraná e Botafogo empataram em um a um.

No sábado, na Arena Fonte Nova, o Bahia ganhou do América de Minas por um a zero. Ceará e Atlético Paranaense não saíram do zero a zero.

Uma partida fecha a rodada nesta segunda (13). No Maracanã, o Fluminense mede forças com o Internacional. A bola rola a partir das oito da noite, horário de Brasília.

 

Reportagem: Raphael Costa

 

Prazo para agendamento de perícia do INSS termina nesta segunda (13)

Segurados convocados que não realizarem procedimento terão benefício suspenso

Termina nessa segunda-feira (13) o prazo dado pelo INSS para agendamento de perícia para revisão de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez.

A convocação faz parte de uma operação do ógão denominada “pente-fino”.

Os segurados que não realizarem novo exame médico poderão ter o benefício suspenso a partir de setembro, e terão 60 dias para marcar uma nova perícia. Caso contrário, o benefício será cancelado.

Para agendar a pericia, é necessário que o beneficiado entre em contato com o INSS pelo telefone 135.

Para consultar se seu nome consta na lista de convocados clique AQUI.

 

Reportagem: Andressa Ribeiro

 

INDICADORES: Boi gordo registra aumento no preço nesta segunda-feira (13)

No mercado financeiro, o preço da carcaça suína especial se manteve e o produto é vendido a R$ 5,03

A cotação da arroba do boi gordo começou a segunda-feira (13) com aumento de 0,41% no preço e o produto é negociado a R$145,45 no estado de São Paulo. Em Goiânia, a arroba é vendida à vista a R$ 132. No norte do Mato Grosso, o valor é R$ 123,50. Já Barretos e Araçatuba, em São Paulo, comercializam a arroba a R$ 144,00 à vista.

O preço do quilo do frango congelado se manteve e é vendido a R$ 3,83 no estado de São Paulo. Já o preço do frango resfriado aumentou 2,08% e é comercializado a R$ 3,92.

No mercado financeiro, o preço da carcaça suína especial se manteve e o produto é vendido a R$5,03. Em Minas Gerais, o suíno vivo aumentou 0,31% e o produto é comercializado à vista a R$ 3,27. No Paraná, o produto é vendido à vista a R$ 3,08. Os valores são do Canal Rural e Cepea.

 

Reportagem: Juliana Gonçalves

 

INDICADORES: Café registra aumento no preço nesta segunda-feira (13)

No mercado financeiro, o preço da saca de 60 quilos do milho aumentou 0,12% e é negociada a R$ 41,93

A saca de 60 quilos do café arábica começou a segunda-feira (13) com aumento de 0,60% no preço e é vendida a R$ 426,36 na cidade de São Paulo. O café robusta apresentou aumento de 1,72% e a saca é comercializada a R$ 319,24 para retirada no Espírito Santo.

O açúcar cristal aumentou 0,04% no preço e o produto é vendido a R$ 50,79 em São Paulo. Em Santos, no litoral paulista, o valor da saca de 50 quilos, sem impostos, caiu 0,04% e a mercadoria é comercializada a R$ 52,78.

No mercado financeiro, o preço da saca de 60 quilos do milho aumentou 0,50% e é negociada a R$42,14. Em Campinas, em São Paulo, o produto registrou aumento de 1,12% no valor e a saca é comercializada a R$ 41,51. Em Cascavel, no Paraná, o preço é R$ 37,50. Já em Rondonópolis, no Mato Grosso, o produto é vendido a R$ 29,00. E em Barreiras, na Bahia, o preço a vista é R$ 31,50. Os valores são do Canal Rural e Cepea.

 

Reportagem: Juliana Gonçalves