Categoria Brasil

porpjbarreto

Gratificação de produtividade para servidores de saúde afastados é bem merecida afirma deputado Jeová Campos

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou, por unanimidade, na sessão remota da última quarta-feira (27), o Projeto de Lei (PL) 1.746/2020, de autoria do deputado Nabor Wanderley, que garante aos profissionais de saúde da rede pública estadual e que atuam no enfrentamento direto ao coronavírus (Covid-19) o repasse da gratificação de produtividade quando afastados de suas atividades em decorrência da contaminação pela doença. O deputado Jeová Campos disse, na ocasião, que essa iniciativa era um excelente reconhecimento aos profissionais que estão na linha de frente de combate nesta pandemia.

“Nesse momento tão delicado, esses profissionais que são as principais forças de trabalho no combate a essa pandemia, provocada pelo coronavírus, se arriscam pelo bem estar de toda a população e é muito oportuna essa gratificação, afinal, eles estão lidando diretamente com os pacientes com suspeitas e confirmados colocando em risco de contaminação a própria vida e de suas famílias”, afirmou o parlamentar.

Para o parlamentar, esses servidores são as pessoas que mais precisam nesse momento, pois eles adoeceram justamente enquanto tentam salvar vidas. “Foi uma merecida conquista de todos os profissionais de Saúde, verdadeiros heróis que lidam diretamente com pessoas que estão com suspeitas da doença e com pacientes já confirmados com a Covid-19. Nada mais justo que sejam beneficiados, destacadamente, inclusive porque muitos que já foram contaminados pela covid-19 por causa justamente do exercício profissional”, ressaltou Jeová.

 

Assessoria de Imprensa

porpjbarreto

Em edição digital, a 16ª Ruraltur busca alcançar público internacional e capacitar empreendedores

Promovida pelo Sebrae Paraíba, a Feira de Turismo Rural acontecerá de 1 a 4 de setembro de 2020

Voltada para empresas, produtores rurais e artesãos que atuam em atividades econômicas vinculadas ao turismo rural, trade turístico, gestores públicos, imprensa, pesquisadores, professores e universitários, a 16ª edição da Feira de Turismo Rural (Ruraltur), acontecerá entre os dias 1 e 4 de setembro, de forma gratuita e totalmente online.

Com o tema “A Inteligência do Turismo Rural” o evento busca conversar sobre o turismo rural, por meio da economia criativa e de experiência e da produção associada ao turismo, bem como, auxiliar no desenvolvimento e visibilidade dele, em todo país.

Para os organizadores, a diferença de um evento online, para um físico é grande. “Os resultados são bem maiores, por ter maior abrangência, visibilidade, segurança para todos em tempos de pandemia, prospecção de negócios, otimiza tempo, minimiza investimentos, e o número de visitantes é incomparável”, disse Regina Amorim, gestora de Turismo do Sebrae Paraíba.

O evento, organizado pelo Sebrae Paraíba, acontecerá junto a OMT – Organização Mundial do Turismo, e será sede da Conferência Intercontinental de Turismo Rural (II CINTURR), em parceira com o IDESTUR – Instituto do Turismo Rural do Brasil.

Com palestras nacionais e internacionais, a Ruraltur tem o suporte e organização promovidos pela mesma equipe que foi responsável pela realização e sucesso, da FINCC Digital.  “Acredito que, todo evento digital passa a ser internacional, porque o mercado digital não tem fronteiras”, disse Regina. O evento tem capacidade para 150 expositores e funciona como incentivo para empreendedores, por possibilitar a experiência de vendas online, o que muda muitas vezes a visão dos empresários e oferece novas oportunidades. “Temos como base a FINCC Digital que teve resultados incríveis. Ela serviu como incentivo para não interromper o calendário de eventos, do Sebrae Paraíba e realiza-los de forma adequada ao cenário econômico atual ”, completou.

Expositores – Para os empreendedores interessados em participar do evento, o investimento de inscrição é de:

R$ 100 de 01 a 10 de junho.

R$ 120 de 11 a 20 de junho

R$ 150 de 21 a 30 de junho.

O valor inclui exposição em loja virtual, capacitação voltada para o mundo digital, oficina para aprender a fazer pitch e colocar fotos e pequenos vídeos inteligentes na loja virtual.

II CINTURR – Paralelamente à RuralTur, será realizada a II Conferência Intercontinental de Turismo Rural (CINTURR), considerado um dos maiores eventos do setor. Com o tema “Turismo e Desenvolvimento Rural”, a Conferência acontecerá nos dias 1 e 4 de setembro com o objetivo de promover uma reflexão sobre o turismo, tendo a ruralidade como elemento de inovação por meio da exposição de cenários, desafios e soluções. Na programação, os participantes poderão conferir reuniões institucionais com Associações Internacionais, debates, minicursos, oficinas e visitas técnicas digitais.

Serviço:

16ª Ruraltur e II CINTURR (Conferência Intercontinental de Turismo Rural)

Data: 1 a 4 de setembro de 2020

Local: 100% digital

Público-alvo: Empresas formalizadas – MEI, ME e EPP, produtores rurais com DAP, artesãos com SICAB, que atuam em atividades econômicas, vinculadas ao turismo rural, profissionais do trade turístico, gestores públicos, profissionais da imprensa, pesquisadores, professores e alunos dos cursos de turismo e visitantes em geral.

Inscrições: de 01 a 30 de junho.

 

Assessoria de Imprensa

porpjbarreto

Romance que retrata processo da época da escravidão na PB é sugerido pela Academia no Facebook

Está na página do Facebook da Academia de Letras, Ciências e Artes do Vale do Mamanguape (ALCA-VM), na seção Dica de Leitura, a indicação do romance histórico-jurídico “A Preta Gertrudes” do escritor e desembargador do Tribunal de Justiça da Paraíba, Marcos Cavalcanti de Albuquerque. A 25ª obra do magistrado foi lançada em 2018 com 386 páginas e tem o selo da Editora A União.

O livro relata o caso emblemático da ‘Preta Gertrudes’, escrava paraibana que recorreu à Justiça para não ser vendida em praça pública, como pagamento de uma dívida. O autor esmiuçou a história do personagem em 28 capítulos: da infância feliz de Gertrudes a orfandade, passando pela menina escrava, seu romance com o índio Kauê, entre outros tópicos marcantes.

Segundo Cássio Marques, secretário da ALCA-VM, a seção Dica de Leitura é um espaço de divulgação de livros publicados pelos membros da Academia do Vale do Mamanguape. “A ação visa fortalecer e divulgar o acervo literário dos 25 acadêmicos que compõem a Academia de Letras, Ciências e Artes do Vale do Mamanguape nas mídias digitais”, ressaltou, acrescentando que estreando essa iniciativa foi apresentado como dica de leitura o romance histórico: A Preta Gertrudes.

No ano passado, a obra ganhou adaptação para o teatro, com o título ‘O Julgamento da Preta Gertrudes’. De acordo com o desembargador Marcos Cavalcanti, diretor da Escola Superior da Magistratura (Esma) e, também, da academia, a peça, em um único ato, é desenvolvida em três partes e cada parte com duas cenas. Além da própria Gertrudes e do Índio Kauê, com quem teve um relacionamento amoroso, a apresentação teatral traz, ainda, as personagens do Frade (Frei João da Encarnação), do Velhaco (Carlos José da Costa), do Juiz de Fora, de fiéis depositários, desembargadores, entre outros. O prefeito, o escrivão, o carcereiro, grupo de Índio, e o primeiro fiel depositário participam como figurantes.

“É um trabalho difícil, em que precisei fazer uma releitura da obra. Saímos da ficção do romance para o teatro, terminando com o julgamento de Gertrudes no Tribunal, assim como foi no livro”, disse o autor.

A Preta Gertrudes – A ‘Negra do Tabuleiro’, como era chamada, vendia frutas, verduras e o que mais lhe permitiam. Com cerca de 30 anos, Gertrudes Maria não quis ser vendida em praça pública e, para que isso não acontecesse, travou uma guerra judicial pela própria liberdade.

Ela teve que se opor a um embargo de penhora contra seu senhor, iniciado em 1828, que colocou em risco a sua liberdade parcial. Seu grande feito foi o de não ter se posicionado de forma passiva e de ter procurado, de imediato, o auxílio de advogados em sua defesa. Naquela época, não era comum às mulheres ou aos homens escravizados contratarem advogados ou serem representados por eles.

Gertrudes chegou a ser presa. Para conseguir a liberdade de volta, solicitou um novo responsável, o tenente Modesto Honorato Victor. Quatro meses depois, em abril de 1841, o mesmo credor entrou com uma ‘Ação em Juízo’ na tentativa de vender Gertrudes e os filhos dela em praça pública para receber a dívida, sendo estas as últimas informações registradas sobre o caso.

 

Assessoria de Imprensa – TJPB

porpjbarreto

Covid-19: Brasil passa dos 400 mil casos confirmados e 25 mil mortes

País teve 166 mil pessoas recuperadas do novo coronavírus

O Brasil passou dos 400 mil casos confirmados de covid-19, de acordo com o balanço diário divulgado pelo Ministério da Saúde. Foram incluídas nas estatísticas 20.559 novas pessoas infectadas com o novo coronavírus, totalizando 411.821. O resultado marcou um acréscimo de 5,1% em relação a ontem (26), quando o número de pessoas nesta condição estava em 391.222.

A atualização do ministério registrou 1.086 novas mortes, chegando a 25.598. O resultado representou um aumento de 4,4% em relação a ontem, quando foram contabilizados 24.512 óbitos por covid-19.

Do total de casos confirmados, 219.576 estão em acompanhamento e 166.647 foram recuperados. Há ainda 4.108 óbitos sendo analisados.

A letalidade (número de mortes pelo total de casos) ficou em 6,2%. Já a mortalidade (a quantidade de óbitos pelo total da população) foi de 12,2.

Situação epidemiológica da covid-19 - 27-05-2020

Situação epidemiológica da covid-19 – 27-05-2020 – Ministério da Saúde

São Paulo se mantém como epicentro da pandemia no país, concentrando o maior número de mortes (6.712). O estado é seguido pelo Rio de Janeiro (4.605), Ceará (2.671), Pará (2.545) e Pernambuco (2.468).

Também foram registradas mortes no Amazonas (1.891), Maranhão (853), Bahia (531), Espírito Santo (511), Alagoas (368), Paraíba (298), Rio Grande do Norte (242), Minas Gerais (240), Rio Grande do Sul (209), Amapá (183), Paraná (162), Rondônia (137), Piauí (134), Distrito Federal (133), Santa Catarina (126), Sergipe (127), Acre (113), Goiás (108), Roraima (102), Tocantins (65), Mato Grosso (46) e Mato Grosso do Sul (18).

Já em número de casos confirmados, o ranking tem São Paulo (89.483), Rio de Janeiro (42.398), Ceará (37.275), Amazonas (33.508) e Pará (31.033). Entre as unidades da federação com mais pessoas infectadas estão ainda Pernambuco (29.919), Maranhão (26.145), Bahia (15.070), Espírito Santo (11.484) e Paraíba (10.2095).

De acordo com o mapa global da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, o Brasil é o 2º colocado em número de casos, atrás apenas dos Estados Unidos (1,69 milhão). O país é o 6º no ranking de mortes em decorrência da covid-19, atrás de Espanha (27.117), França (28.599), Itália (33.072), Reino Unido (37.542) e Estados Unidos (100.047).

De acordo com o Ministério da Saúde, em dados de ontem o Brasil era o 51º em incidência, indicador que mede a quantidade de pessoas infectadas proporcionalmente à população. O país também era o 14º em mortalidade, quando os óbitos são comparados com o total da população.

Hoje não foi realizada a entrevista coletiva com representantes do Ministério da Saúde, onde mais dados e análises são apresentados sobre o balanço diário. O evento era uma prática diária, mas a nova gestão mudou o hábito, ainda sem a definição de uma periodicidade definida.

Agência Brasil

porpjbarreto

Deputado Anísio Maia repudia atos antidemocráticos e desinformação promovidas por Bolsonaro

Uma Moção de Repúdio ao presidente Jair Bolsonaro entrará em votação na Sessão Ordinária desta quarta-feira na Assembleia Legislativa da Paraíba. A justificativa do Requerimento nº 9.242/2020, de autoria do deputado Anísio Maia, são as falas antidemocráticas e desrespeitosas aos princípios da civilidade e do decoro presidencial de Bolsonaro.

No último 22 de abril, o presidente reuniu toda sua equipe ministerial – em meio à maior crise sanitária da história do país – para semear intrigas e crises com o objetivo de impor sua política autoritária. Na ocasião, foi defendida a prisão de ministros do STF, de prefeitos e governadores que adotaram a prática do isolamento social e foram proferidos inúmeros ataques à imprensa.

O Brasil já conta com mais de 23 mil mortes, mas nem isso é capaz de conter as insanidades deste Governo. “Bolsonaro comete atos criminosos ao participar de manifestações e aglomerações. Sua intenção é estimular as pessoas a fazerem o mesmo. Se fosse um líder sensato, não mediria esforços para ajudar os estados e municípios no combate a esta pandemia”, concluiu Anísio Maia.

 

Assessoria

porpjbarreto

O Boticário une amor e arte para celebrar o Dia dos Namorados

A convite da marca, o ilustrador Felipe Guga assina as embalagens dos kits exclusivos para a data com ilustrações vibrantes

Para traduzir o amor e suas diversas formas em presentes que tornam momentos a dois inesquecíveis, O Boticário, a marca de beleza mais amada pelos brasileiros*, convidou o designer e ilustrador Felipe Guga para celebrar o Dia dos Namorados. Autor do livro “Sorria, você está sendo iluminado”, publicado em 2015 pela Editora Record, e dono de um estilo singular, Guga assina as ilustrações que compõem os 14 kits exclusivos elaborados especialmente para a data. As mensagens de amor e positividade em cores vibrantes trazem a leveza que o momento sugere, e tornam o presente Boticário ainda mais marcante.

As ilustrações provocam reflexões sobre amizade e companheirismo, e embalam kits compostos com itens das marcas mais desejadas em perfumaria, cuidados e maquiagem. Não faltam opções para comemorar o Dia dos Namorados, celebrando o amor em um momento em que a convivência imposta pela quarentena – ou o distanciamento provocado por ela – reforça laços afetivos entre os apaixonados.

Com valores entre R$ 29,90 e R$ 249,90, os kits podem ser adquiridos sem sair de casa em quatro diferentes canais: no site www.boticario.com.br, no app disponível para versões Android e iOs, por meio de um revendedor ou ainda pelo WhatsApp, no número (41) 8771-4909 – número real e seguro – ou na plataforma do dispositivo. Confira as regras de atendimento e consulte a disponibilidade na sua cidade ou região no site da marca. As compras acima de R$ 100 realizadas pelo site ou app podem ser parceladas em até 10 vezes e, acima de R$129,90, o frete é grátis.

 

Compre e Doe – Em mais uma ação especial, a cada kit de Namorados vendido, O Boticário vai doar um valor para as famílias das cooperativas do programa de reciclagem do Boti Recicla. O maior programa de logística reversa do país, com recolhimento de embalagens vazias de cosméticos em 4 mil pontos de venda, foi paralisado com o fechamento de grande parte das lojas em todo o país. O impacto na renda das famílias que vivem da coleta de recicláveis foi imediato. Ajudá-las faz parte da essência do Boticário, que preza pelo bem-estar e cultiva suas relações e, com a doação, faz sua parte para contribuir para que todos fiquem bem, na medida do possível.Com o resultado da ação de “Compre e Doe” de Dia das Mães, a marca vai apoiar 756 famílias do Boti Recicla com a doação de vale-alimentação, nesse momento em que estão sendo muito impactadas pelo isolamento.

Serviço: 

Kit Lily 

Preço: R$ 249,90 

Preço NE: R$ 229,90  

01 Lily Eau de Parfum Válvula, 75ml

01 Creme Esfoliante Corporal, 200ml

01 Creme Acetinado Desodorante Hidratante Corporal, 200ml

 

Kit Malbec 

Preço: R$ 209,90 

01 Malbec Desodorante Colônia, 100ml

01 Malbec Black Desodorante Colônia, 75ml

01 Malbec Antitranspirante Desodorante Aerosol, 75g

 

Kit Coffee Woman Seduction 

Preço: R$ 199,90

01 Coffee Woman Seduction Desodorante Colônia, 100ml

01 Creme Desodorante Hidratante Corporal, 200ml

01 Intense Batom Cremoso 22 sensações, 3,6g

01 nécessaire 22x14cm

 

Kit Egeo Dolce 

Preço: R$ 169,90 

Preço NE R$ 164,90 

01 Egeo Dolce Desodorante Colônia, 90ml

01 Marshmellow Desodorante Hidratante Corporal, 250g

01 Creme Esfoliante Corporal, 200ml

 

Kit Floratta Flores Secretas 

Preço: R$ 149,90 

Preço NE R$ 144,90  

01 Floratta Flores Secretas Desodorante Colônia, 75ml

01 Loção Desodorante Hidratante Corporal, 250g

01 Sabonete líquido, 200ml

 

Kit Cecita Blossom 

Preço: R$ 109,90 

Preço Ne: R$ 99,90  

01 Cecita Blossom Desodorante Colônia, 100ml

01 Creme Desodorante Hidratante para Mãos, 50g

01 Saquinho flores Cecita Blossom

 

Kit Nativa SPA Flor de Ameixa 

Preço: R$ 99,90 

Preço NE: R$ 94,90  

01 Nativa SPA body splash Desodorante Colônia Flor de Ameixa, 200ml

01 Loção Desodorante Hidratante Corporal, 400ml

 

Kit Men Galbe 

Preço: R$ 99,90 

Preço NE: R$ 94,90  

01 Men Galbe Desodorante Colônia, 100ml

01 Men Antitranspirante Desodorante Aerossol 6 em 1, 31g

01 Men Shower gel 3 em 1 – Cabelo, Corpo e Barba, 75g

 

Kit Intense 

Preço: R$ 54,90 

01 Batom Mate 170 Segredos

01 Batom Cremoso 380 risos

01 Batom Mate 330 Loucuras

 

Kit Sabonetes Glamour 

Preço: R$34,90

02 Glamour sabonetes perfumados em barra, 90g

01 Glamour Secrets Black sabonete perfumado em barra, 90g

 

Kit Cuide-se Bem Nuvem Miniatura 

Preço: R$29,90

01 Creme desodorante hidratante para mãos, 30g

01 Sabonete perfumado em barra, 25g

01 Saquinho Cuide-se Bem

Kit Men Miniatura 

Preço: R$49,90  

01 Antitraspirante desodorante aerosol 6 em 1, 31g

01 Shower gel 3 em 1 cabelo, corpo e barba, 75g

01 Sabonete perfumado em barra, 90g

Sobre O Boticário

O Boticário é uma empresa brasileira de cosméticos, unidade de negócios do Grupo Boticário. Inaugurada em 1977, em Curitiba (Paraná), a marca tem a maior rede franqueada de cosméticos do país com mais de 3.700 pontos de venda, em 1.750 cidades brasileiras, e mais de 900 franqueados. Presente em 15 países, há mais de 40 anos desenvolve produtos com tecnologia, qualidade e sofisticação – seu portfólio tem mais de 850 itens de perfumaria, maquiagem e cuidados pessoais. Comprometido com a beleza das pessoas e do planeta, O Boticário não realiza testes em animais e investe na melhoria contínua de produtos e processos para torná-los cada vez mais sustentáveis.

 

Assessoria

porpjbarreto

Justiça Federal da 5ª Região alcança o primeiro lugar na Meta 6 do CNJ

A Justiça Federal da 5ª Região cumpriu 109,86% da Meta 6, estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), por ter julgado, em 2019, 2.073 processos de ações coletivas nos Primeiro e Segundo Graus, distribuídas até dezembro de 2015, alcançando o primeiro lugar na Justiça Federal. O resultado foi divulgado pelo próprio CNJ, nesta segunda-feira (25), durante a 1ª Reunião Preparatória para o XIV Encontro Nacional do Poder Judiciário, realizada por videoconferência, com a participação de representantes de todos os Tribunais. O evento foi aberto pelo corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, representando o presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

A Meta 6 determina que os Tribunais devem julgar 85% do estoque de ações coletivas distribuídas até o final do ano de 2015, nos 1º e 2º Graus. De um total de 2.227 ações coletivas pendentes de julgamento em dezembro de 2015, a Justiça Federal da 5ª Região (1ª e 2ª Instâncias) conseguiu julgar 2.073 ações até o final do exercício de 2019, correspondendo a um percentual de julgamento de 93,38% do estoque de ações coletivas ingressadas no período de referência, superando os 85% definidos pela meta.

No cumprimento da Meta 6, o Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 obteve o índice de 116,22%. Já nas Seções Judiciárias vinculadas, o índice foi de 107,17%, com os seguintes percentuais: 110,73%, em Pernambuco (JFPE); 110,51%, no Ceará (JFCE); 107,40%, no Rio Grande do Norte (JFRN); 103,56%, em Alagoas (JFAL); 102,60%, em Sergipe (JFSE); e 102,47%, na Paraíba (JFPB).

No âmbito da Justiça Federal, a 4ª Região ficou em segundo lugar no cumprimento da Meta 6, com índice de 107,15%, e a 3ª Região ocupou o terceiro lugar, com 103,31%.

 

Divisão de Comunicação Social

porpjbarreto

Academia Cajazeirense de Artes e Letras registra primeiro ano realizando conferência virtual com “imortais”

Um encontro histórico. Assim pode ser definida a Conferência Virtual da Academia Cajazeirense de Artes e Letras (Acal), realizada no último domingo, 24 de maio, como forma de marcar o primeiro ano de instalação da entidade. Em virtude do isolamento social recomendado pela Organização Mundial de Saúde, em função do coronavírus, toda a programação agendada para a data foi cancelada. A Conferência Virtual aconteceu através do aplicativo Zoom e reuniu 19 membros da Acal.

A Conferência foi comandada pelo presidente Francisco Sales Cartaxo (Frassales), tendo a acadêmica Nadja Claudino como mediadora e os acadêmicos Christiano Moura e Linaldo Guedes no apoio técnico à mediação do evento.

O primeiro ano de criação da entidade seria comemorado com festa, lançamentos de livros e revistas da instituição e de seus acadêmicos. Em virtude da pandemia, o evento foi adiado e transformado em Conferência Virtual.

A conferência foi aberta pelo presidente Frassales, que deu informes sobre o adiamento da festa e dos eventos programados para o aniversário de primeiro ano da Acal. Falaram, ainda, na parte inicial da conferência, o vice-presidente Ubiratan di Assis, que explicou o andamento das articulações para a aquisição de uma sede própria para a entidade, que atualmente funciona provisoriamente no Casarão da Epifânio Sobreira. Também falou o acadêmico Linaldo Guedes, contando detalhes da revista da ACAL, que seria lançada nesta data.

Em seguida, a mediadora abriu inscrições para todos os acadêmicos. Os membros da ACAL falaram de diversas partes do país, como Cajazeiras (PB), João Pessoa (PB), Fortaleza (CE), Rio de Janeiro RJ), Recife (PE), Guarulhos (SP) e Lucena (PB). Entre os temas abordados pelos acadêmicos, estão o de abertura de inscrições para novos membros, a inclusão em ata do registro das participações dos acadêmicos Mariana Moreira e Rui Leitão como colunistas de A União, além de matéria do jornal sobre aniversário da Acal, realização dos eventos com lançamentos de livros e da revista da entidade no mês de agosto e a explicação de como foi organizada a conferência virtual.

Participaram da conferência os seguintes acadêmicos: Frassales Cartaxo, Ubiratan di Assis, Nadja Claudino, Linaldo Guedes, Christiano Moura, Lenilson Oliveira, Constantino Cartaxo, Helder Moura, José Antônio de Albuquerque, Guilherme Sargentelli, Bosco Maciel, Irismar Gomes, Mariana Moreira, Gildemar Pontes, José Caitano, Naldinho Braga, Alexandre Costa, Francelino Soares e Rui Leitão. A Acal foi instalada, oficialmente, em 24 de maio de 2019, em solenidade realizada no Cajazeiras Tênis Clube.

 

Assessoria

porpjbarreto

Especialista alerta manifestações oculares como possíveis sintomas da covid-19

Luiza Toscano, médica oftalmologista da Unimed João Pessoa, conta que olhos podem ser sintomas menos comuns da doença

Tosse, dor de cabeça, falta de ar. Esses são alguns sintomas da covid-19 conhecidos por todos. O vírus foi descoberto recentemente e, de acordo com estudos, também há outras formas de manifestação – uma delas é por meio dos olhos. Segundo a oftalmologista Luiza Toscano, médica cooperada da Unimed João Pessoa, os olhos podem desempenhar uma função importante na disseminação e prevenção da covid-19. Ela contou que já há relatos de conjuntivite causada pela doença. “Por meio de secreções oculares coletadas em pacientes foi possível comprovar que os olhos são sim canais de manifestação, apesar de pouco comum, do novo coronavírus. Além disso, já foram encontradas alterações na retina de alguns doentes”, explica a especialista.

De acordo com a médica, a primeira pessoa que alertou o público sobre a epidemia da covid-19 foi um oftalmologista, Dr. Li Wenliang, que, após sofrer represálias das autoridades chinesas, faleceu porque foi infectado pelo novo coronavírus. “Com o avanço da pandemia, haverá ainda mais pesquisas sobre a correlação entre os coronavírus humanos e os olhos. Com esse entendimento, vai ser possível orientar melhor sobre medidas de controle de infecção e também sobre a possibilidade do uso de tecidos oculares, e até mesmo lágrimas, como ferramenta diagnóstica”, explica Luiza.

Por isso, de acordo com ela, toda e qualquer alteração nos olhos pode indicar a presença do novo coronavírus. “Um dos sinais de alerta é a vermelhidão. Para reduzir o risco de contrair o vírus, além dos cuidados de higiene e limpeza amplamente divulgados nos meios de comunicação, evite tocar nos olhos, nariz ou boca com as mãos não lavadas”, orientou a profissional.

Central Coronavírus – Neste período de pandemia, a Unimed João Pessoa oferece aos clientes um serviço exclusivo, a Central Coronavírus, direcionada aos clientes que apresentem algum sintoma da covid-19 ou que precisem esclarecer qualquer dúvida sobre o assunto. O telefone para contato é o (83) 2106-0630. Além disso, a central também oferece apoio emocional aos beneficiários, basta escolher a opção 2. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Aos sábados, das 7h às 13h.

 

Assessoria

porpjbarreto

EUA proíbem entrada de viajantes que passaram pelo Brasil

Medida entra em vigor no dia 29 de maio

(Photo by Agustin PAULLIER / AFP)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou no último domingo (24) um decreto que proíbe a entrada de viajantes que passaram pelo Brasil nos últimos 14 dias. A medida foi tomada devido aos casos registrados do novo coronavírus e deve entrar em vigor em 29 de maio.

De acordo com o comunicado divulgado pela Casa Branca, a restrição é necessária para “proteger o país” da contaminação pelo novo coronavírus. A medida não será aplicada aos cidadãos norte-americanos, residentes e filhos de residentes menores de 21 anos.

Mais cedo,  o consultor de segurança nacional da Casa Branca, Robert O’Brien, informou que a medida seria tomada ainda neste domingo. O’Brien disse que os Estados Unidos também analisarão as restrições para outros países do Hemisfério Sul.

 

Agência Brasil