Arquivo mensal outubro 2018

porAutor

Aguinaldo comemora reeleição e vitórias expressivas de Daniella para o Senado e de aliados para a ALPB

Com 120.220 votos, sendo o segundo deputado federal mais votado da Paraíba, Aguinaldo Ribeiro conquistou a reeleição para a Câmara Federal. O parlamentar comemorou a expressiva votação recebida e agradeceu aos paraibanos pelo reconhecimento do seu trabalho e por mais uma vez depositarem a confiança no seu mandato.

Aguinaldo também comemorou a eleição da sua irmã, Daniella Ribeiro (PP) para o Senado Federal e a votação expressiva que os filiados do partido tiveram, a exemplo da Doutora Jane Panta e do ex-prefeito Cláudio Régis.

“É uma satisfação muito grande, acho que a Paraíba vai ganhar muito no Senado Federal, Daniella tem já uma experiência, trajetória na Assembleia e nós estamos precisando em Brasília também deste reforço e eu fiquei muito feliz. Nós fizemos uma campanha aqui que foi muito dura, nós lutamos bastante e o partido teve uma participação decisiva, nós lutamos juntos, a base partidária trabalhou bastante, nossa militância, figuras como Cláudio Régis e Jane Panta que fizeram a diferença, obtendo votações expressivas e a hora agora é de agradecer a Deus porque a gente corre pra batalha, mas Deus é que nos dá a vitória.” disse.

O parlamentar fez questão, ainda, de destacar a vitória dos correligionários Galego Souza (Progressistas), em São Bento, a quem considera um guerreiro, por ter garantido mais uma eleição, e também a médica Paula Franssinetti (Progressistas), que emplacou um espaço na Casa de Epitácio Pessoa.

“O Galego é um amigo e foi um guerreiro. Mesmo sem máquina alguma lhe apoiando, sem prefeitura, sem o Estado, ele mostrou que seu trabalho vale a pena ter continuidade e o povo entendeu essa mensagem o colocando de volta à Assembleia. Aproveito também para parabenizar a amiga, Doutora Paula Frassinete, médica, profissional destacada, que vai dignificar o parlamento estadual pelos próximos quatro anos”, disse.

Aguinaldo dedicou sua vitória aos pais, Virgínia Velloso e o vice-prefeito de Campina Grande, Enivaldo Ribeiro.

“Dedicamos essa vitória aos nossos pais Enivaldo Ribeiro e Virgínia Velloso que nos ensinaram a trilhar o caminho da boa política e acho que essa eleição mostrou que quem faz a boa política tem o reconhecimento da população, foi assim com Daniella, foi assim conosco na Câmara Federal eu fico muito feliz agora é comemorar um pouco depois começar a trabalhar” pontuou.

Apesar da euforia da vitória, o parlamentar declarou os desafios pelos quais o país passa e que ele através do seu trabalho pretende ajudar a superar.

“Nós temos um desafio pela frente que é justamente vencer o equilíbrio fiscal, gerar emprego, recuperar nossa economia e sobretudo a credibilidade do país” concluiu.

 

Assessoria de Imprensa

porAutor

Gervásio Maia é eleito o deputado federal mais votado na Paraíba

O deputado estadual Gervásio Maia Filho(PSB), presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), liderou a disputa pela Câmara Federal, com uma votação de mais de 146 mil, comemorou o resultado das eleições do último domingo na Paraíba, destacando que além de ser motivo de muita alegria, é resultando de um trabalho que vem dando certo na Paraíba.

“Além de ser motivo de muita alegria, é a certeza que nós sempre tivemos no caminho certo. A Paraíba vive um momento extraordinário, conduzida pelas mãos do governador Ricardo Coutinho, e que a partir do ano que vem, será comandada por alguém que participou de tudo isso, João Azevêdo”, comentou.

O campeão de votos para Câmara Federal disse ainda, que além de sua eleição vai resultar na representação do PSB da Paraíba na Câmara dos Deputados. “Nós estamos muito felizes com a vitória rumo à Câmara e com uma vitória gigantesca de uma bancada forte ruma à Assembleia Legislativa, e com a eleição de Veneziano Senador da República. Eu não tenho a menor dúvida que a Paraíba começa a viver um novo tempo”, afirmou.

O socialista adiantou ainda, qual serão suas prioridades para atuação na Câmara Federal, afirmando que dará suporte ao PSB e ao futuro governador da Paraíba, João Azevêdo.

Como não tínhamos e agora teremos um deputado federal lá na Câmara, vamos debater e defender os interesses da Paraíba. Sabemos que a grande parte da arrecadação desse País fica com a União e lá eu estarei, servindo exatamente a este projeto. Não serei como eu dizia, deputado de mim mesmo, serei deputado de uma causa e de um projeto chamado trabalho”, declarou.

Correio da Paraíba

porAutor

Eleições presidenciais repercutem na imprensa internacional

O resultado do primeiro turno das eleições presidenciais no Brasil é destaque nos principais jornais do mundo hoje (8). Em manchetes que ocuparam espaços privilegiados nas primeiras páginas, a imprensa internacional ressaltou a surpresa com a conquista de Jair Bolsonaro (PSL), que obteve quase metade dos votos entre os eleitores.

O “choque” de grande parte dos brasileiros diante do número foi o tom da matéria do The Washington Post. A reportagem destaca que a campanha de Bolsonaro dividiu a maior nação da América Latina ao longo de linhas raciais e de gênero e lembrou que, muitas vezes, o candidato do PSL é comparado ao presidente norte-americano Donald Trump.

O The New York Times destacou que “o candidato de extrema direita que falou com carinho da antiga ditadura militar do Brasil e teceu comentários ofensivos sobre mulheres, negros e gays chegou perto de uma vitória na eleição presidencial de domingo.”

A matéria revela, ainda, o atual cenário brasileiro marcado pela repulsa da população à política e de defesa do combate à criminalidade e corrupção.

Em tom mais ameno, a emissora pública BBC, do Reino Unido, estampa em sua página na internet a disputa, em segundo turno, entre Bolsonaro e Fernando Haddad, marcada para 28 de outubro.

O mexicano La Jornada destaca a “distância confortável” que Bolsonaro teve em relação a Haddad. Segundo o jornal, “será difícil para a esquerda reverter o resultado na eleição presidencial.”

O jornal aponta as várias surpresas negativas para a esquerda durante o pleito, citando as derrotas para o Senado do veterano Eduardo Suplicy, por São Paulo e, em Minas Gerais, da ex-presidente Dilma Rousseff.

Vizinhos

Entre jornais sul-americanos, o argentino Clarín, de Buenos Aires, estampa a manchete “Jair Bolsonaro varre o Brasil e fica com ampla vantagem para a votação com Fernando Haddad”.

O jornal destaca que o ex-capitão do Exército fechou o score com uma diferença de quase 17 pontos, o que pode revelar uma tendência sobre o segundo turno.

O periódico também veiculou a mensagem transmitida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aos seus seguidores, na qual afirma que o Brasil caminha para “o diálogo e respeito” e aposta que “a esperança superará o ódio”.

Europa

O jornal português Diário de Notícias mostra um “Brasil partido ao meio” e destaca que faltou pouco para o candidato Jair Bolsonaro vencer em primeiro turno. O jornal Público também estampou que o Brasil deixou Bolsonaro com um pé na presidência.

Mais crítico, o francês Le Monde descreve a conquista da maior parte dos votos pelo candidato “nostálgico da ditadura militar, às vezes rude, racista ou homofóbico”.

Lembra, ainda, o momento em que os holofotes da política se viraram para Bolsonaro, durante a sessão no Congresso, em abril de 2016, quando, ao votar a favor do impeachment de Dilma Rousseff (PT) ,dedicou sua escolha “em memória do coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra”, acusado de ser um dos torturadores da ditadura militar.

El País, da Espanha, reservou o maior espaço ao assunto entre todas as publicações, classificando o resultado como uma “onda conservadora que tomou o país e garantiu ampla vantagem a Bolsonaro no segundo turno para se tornar o próximo presidente do Brasil.”

A publicação ressalta a polarização aguda entre os presidenciáveis, comparando com “água e óleo” e considera o pleito como uma das eleições mais emocionantes da história democrática.

Barricada

O jornal espanhol também traz manchetes com o posicionamento da região Nordeste, “a barricada do PT” e as perdas do partido de esquerda como a derrota de Dilma Rousseff ao Senado por Minas Gerais. Os tucanos também aparecem nas matérias do El País, que destaca derrotas como no comando do estado de Mato Grosso e a luta por votos que o PSDB ainda espera conquistar em seis estados.

O inglês The Times mostrou que “o Brasil chegou perto de eleger um presidente de extrema direita” revelando uma onda de apoio ao populista, considerado a resposta da América Latina a Donald Trump”.

Também da Inglaterra, o The Guardian lembra que Bolsonaro venceu em número de votos, mas não teve ainda a vitória e comparou a campanha “improvável e eletrizante do candidato de extrema-direita a “qualquer telenovela brasileira”.

O italiano L`Opinione e, na Alemanha, a Deutsche Welle (DW), lembraram que o Brasil terá que definir o futuro presidente em um segundo turno e destacaram os percentuais de votos dos dois presidenciáveis.

O mesmo destaque foi dado pelo China Daily, do outro lado do mundo.

Agência Brasil

porAutor

Ricardo Coutinho se mostra preocupado com a vitória de Bolsonaro, “a nação nunca esteve tão ameaçada”

O governador Ricardo Coutinho (PSB), neste domingo de eleição (07), comentou a ascensão do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), que venceu o primeiro turno das eleições. Para ele, existe uma grande preocupação com a democracia brasileira e fez uma comparação com o golpe militar de 1964, que deu início a um regime ditatorial.

“Conversei com o Fernando Haddad (PT) recentemente e temos a mesma preocupação e não é de eleger algum candidato, mas de proteger a nação, que nunca esteve tão ameaçada quanto está agora. Em 64 os tanques derrubaram o governo, o Congresso se acovardou e a ditadura entrou, agora é diferente, é um sentimento confuso de ódio, de reação, da simplicidade como se a vida pudesse ser resolvida por golpes de violência. As pessoas assumiram isso de forma tão perigosa e eu me proponho a ser um militante para defender a democracia”, declarou.

Com Assessoria

porAutor

Nordeste: Sete dos nove estados escolhem governadores no 1º turno

Eleitores do Rio Grande do Norte e Sergipe votam no segundo turno em 28 de outubro

Em sete dos nove estados da região Nordeste os governadores foram definidos já neste domingo (7), em primeiro turno. Eleitores do Rio Grande do Norte e Sergipe voltam às urnas no dia 28 de outubro para o pleito em segundo turno.

Os cearenses reelegeram Camilo Santana (PT) com a maior porcentagem da região: 79,86% dos votos. O segundo colocado no estado foi o General Theophilo (PSDB), com apenas 11,39%. Em Alagoas, Renan Filho também foi reeleito, com 77,35%. A segunda posição ficou com o candidato do PSL, Josan Leite, com 11%.

Na Bahia, Rui Costa (PT) segue no governo por mais quatro anos após receber 76% dos votos. Zé Ronaldo (DEM) teve 22,30%. No Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) foi reeleito com 59,44%. Filha de José Sarney, Roseana Sarney (MDB) sofreu nova derrota no estado.

João Azevêdo (PSB) recebeu 58,20% dos votos e exercerá seu primeiro mandato como governador da Paraíba. Ele desbancou Lucélio Cartaxo (PV), que obteve 23,40%. Em Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) foi reeleito com 51%, seguido por Armando Monteiro (PTB), que teve 36% dos votos dos eleitores pernambucanos.

O Piauí segue com Wellington Dias (PT) no governo por mais quatro anos. O petista teve 55,60% dos votos. A segunda colocação ficou com o candidato do Solidariedade, Dr. Pessoa, com 20,50% dos eleitores.

Em nova disputa no segundo turno, o Rio Grande do Norte terá que decidir entre Fatima Bezerra (PT), que recebeu 46,17% dos votos, e Carlos Eduardo (PDT), com 32,45%. Sergipe também deixou a decisão para o dia 28 de outubro. Belivaldo (PSD) chegou a 40,84% e enfrenta Valadares Filho (PSB), que alcançou 21,49% dos votos.

Reportagem: Clara Sasse

 

porAutor

Três são eleitos por Cajazeiras. Saiba quem são os deputados federais e estaduais eleitos na Paraíba

Dos quatro candidatos por Cajazeiras, apenas um, o sapateiro Antônio Gobira (REDE), que pleiteava uma cadeira na Câmara dos Deputados em Brasília/DF, não conseguiu lograr êxitos nas eleições deste dia 07 de outubro, porém, Jeová Campos do (PSB), que concorreu à reeleição para à Assembleia Legislativa obteve 1,51%, ou 31.017 votos válidos, já a ex-secretária de saúde de Cajazeiras – Drª Paula 1,35% obteve 27.685 votos válidos e em terceiro lugar – vem o candidato Júnior Araújo (Avante) 1,17% que alcançou a expressiva votação de 24.093 votos.

Ainda de acordo com o resultado da apuração das urnas, o TSE disponibiliza os dados para o Governo do Estado, Senadores da Paraíba e os dois candidatos à Presidência da República, que estarão no segundo turno em (28) de outubro. A grande surpresa foi o candidato do Governo – João Azevedo

Abaixo, um gráfico com os nomes e percentuais e quantidade de votos apurados:

– Deputados Federais – Eleitos

GERVÁSIO MAIA PSB E – 7,38% 146.860

AGUINALDO RIBEIRO PP RE – 6,04% 120.220

WELLINGTON ROBERTO PR RE – 5,40% 107.465

DR DAMIÃO PDT RE – 5,07% 100.876

HUGO PRB RE – 4,65% 92.468

FREI ANASTACIO PT E – 4,59% 91.408

WILSON SANTIAGO PTB E – 4,33% 86.208

PEDRO CUNHA LIMA PSDB RE – 3,86% 76.754

EFRAIM FILHO DEM RE – 3,82% 76.089

JULIAN LEMOS PSL E – 3,61% 71.899

EDNA HENRIQUE PSDB E – 3,52% 69.935

RUY CARNEIRO PSDB E – 3,08% 61.259

– Deputados Estaduais – Eleitos:

CIDA RAMOS PSB – 2,73% 56.048

WALLBER VIRGOLINO PATRI – 2,34% 48.053

ADRIANO GALDINO PSB – 2,23% 45.656

RICARDO BARBOSA PSB – 2,01% 41.201

ESTELA BEZERRA PSB – 1,99% 40.761

DODA DE TIÃO PTB – 1,89% 38.685

MANOEL LUDGÉRIO PSD – 1,82% 37.390

JOÃO GONÇALVES PODE – 1,74% 35.655

JOÃO HENRIQUE PSDB – 1,70% 34.813

EDMILSON SOARES PODE – 1,66% 34.007

NABOR PRB – 1,59% 32.627

BRANCO MENDES PODE – 1,59% 32.621

WILSON FILHO PTB – 1,55% 31.781

HERVAZIO BEZERRA PSB – 1,53% 31.288

JEOVÁ PSB – 1,51% 31.017

INACIO FALCÃO PCdoB – 1,50% 30.754

CAMILA TOSCANO PSDB – 1,50% 30.711

ANDERSON MONTEIRO PSC – 1,49% 30.646

BUBA GERMANO PSB – 1,47% 30.192

TIÃO GOMES AVA – 1,43% 29.363

POLLYANA DUTRA PSB – 1,41% 28.868

CAIO ROBERTO PR – 1,38% 28.344

DRª PAULA PP – 1,35% 27.685

DR TACIANO DINIZ AVA – 1,33% 27.278

FELIPE LEITÃO PATRI – 1,32% 27.117

GENIVAL MATIAS AVA – 1,31% 26.777

GALEGO DE SOUZA PP – 1,23% 25.262

JUNIOR ARAUJO AVA – 1,17% 24.093

TOVAR PSDB – 1,17% 24.052

RANIERY PAULINO MDB – 1,16% 23.810

CABO GILBERTO SILVA PSL – 1,13% 23.273

BOSCO CARNEIRO PPS – 1,05% 21.557

DR ERICO PPS – 0,99% 20.327

MOACIR RODRIGUES PSL – 0,90% 18.463

EDUARDO CARNEIRO PRTB – 0,87% 17.869

CHIÓ REDE – 0,85% 17.437

 

Com informações do TSE

porAutor

Maranhão convoca militância para consolidar 2º Turno e unir Oposições para fazer nova Paraíba

“Vamos convocar todos os nossos apoiadores e atrair os indecisos para o dia de votação neste domingo, 7, quando vamos consolidar nossa presença no segundo turno das eleições, conforme atestam todas as pesquisas de opinião pública, portanto, queremos desde já agradecer a toda nossa militância “, afirmou o candidato ao Governo pelo MDB, José Maranhão se dizendo animado e seguro de estar no segundo turno.

Maranhão disse ainda que “ a partir de agora vamos construir diálogos e compromissos para uma grande frente de Oposição no Estado com base em critérios que melhore a vida dos paraibano saindo desta fase de sufoco, desemprego e falta de diálogo com a sociedade visando criar uma nova Paraíba”.

NÃO SE IMPRESSIONAR– O candidato do MDB declarou que “eles estão desesperados com a possibilidade de segundo turno por isso ficam pregando por aí de que tudo será resolvido já, o que não corresponde com a verdade das ruas”.

E acrescentou: “ Eles estão desesperados e inventando dá o news porque sabem que vamos produzir a maior frente adesão envolvendo lideranças politicas, populares e da sociedade de uma forma geral porque temos credenciais, experiência e a confiança de todos que querem uma outra postura para governar o Estado para todos. Vamos vencer e desde já agradecemos o apoio de todos.”

 

Assessoria

porAutor

Juiz eleitoral de Cajazeiras participa de “Paredão” Militar no 6º BPM

O juiz Eleitoral da 68º Zona, Drº Francisco Thiago da Silva Rabelo, participou do “Paradão” matinal realizado na manhã deste sábado (06) na sede do 6º BPM, na oportunidade o Magistrado manteve contato direto com os militares que estão trabalhando na “Operação Voto Seguro”, passando algumas informações a respeito dos possíveis crimes eleitorais que possam ocorrer na vespa e no dia da eleição, ao tempo em que os militares aproveitaram a para tirar duvidas.

Com objetivo de facilitar as atividades ainda foi repassado para os militares de serviço uma cartilha pormenorizada a cerca dos procedimentos operacionais referentes ao Pleito/2018.

Segundo o Juiz Eleitoral até o momento não foi constatado qualquer ocorrência de gravidade referente ao pleito, no entanto é preciso que fiquemos atentos para a Eleição transcorra em paz, comentou o TC Guedes, comandante do 6º BPM.

Assessoria

porAutor

Romero Rodrigues deixa Alckmin e anuncia apoio ao presidenciável Jair Bolsonaro

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), anunciou na tarde da última sexta-feira (05), em suas redes sociais que não seguirá o partido no apoio à candidatura de Geraldo Alckmin à presidência da República e desta forma optou por apoiar o candidato Jair Bolsonaro (PSL).

Por meio do comunicado, Romero declarou que sua escolha é independente de cor partidária e que levou em consideração a concordância dentro do seu arco de alianças do que segundo ele, será o melhor para Campina.

Confira:

Meus Amigos e minhas Amigas,

Desde o início desta campanha tenho sido perguntado, em todos os locais aonde vou e também em minhas redes sociais, sobre meu voto para Presidente.

Apesar de ter em meu partido a candidatura de Geraldo Alckmin, um dos mais competentes e bem sucedidos administradores públicos do Brasil, mantive o respeito aos outros partidos da coligação Força da Esperança e não atuei no sentido de promover qualquer candidatura até agora, mas entendi desde o início ser necessário posicionar-me a partir do momento em que pudéssemos todos concordar sobre qual seria a candidatura, dentro do nosso arco de alianças, mais comprometida com Campina Grande e com a Paraíba.

Isso tem a ver, sobretudo, com a defesa que sempre fiz, independente de cor partidária ou grupo político, da nossa Campina Grande e da nossa Paraíba, que já sofreram tantas perdas com a perseguição de governos que não souberam separar os momentos eleitorais dos administrativos e penalizaram nossa gente a partir de seus interesse políticos particulares.

Meses atrás, em encontro com o então pré-candidato Jair Bolsonaro, recebi dele e dos mais altos dirigentes do PSL o compromisso de que em seu governo nós teremos acesso livre ao Palácio do Planalto e a todos os Ministérios para levar as demandas de Campina Grande e da Paraíba, reconhecendo Bolsonaro o trabalho que temos feito à frente da Prefeitura de Campina Grande e a nossa capacidade administrativa, que poderá servir de base, inclusive, para ações e projetos em âmbito nacional.

A partir da atual conjuntura, por respeito às pessoas e pelo compromisso fundamental de não me abster do processo político nacional, considerando imprescindível a participação de toda a população nestas eleições e a responsabilidade de todos os atores políticos neste momento, venho declarar publicamente o meu apoio, ainda no primeiro turno, ao candidato Jair Bolsonaro, pelos compromissos assumidos com Campina Grande e com a Paraíba.

Votarei 17 no primeiro turno e trabalharei para que no segundo turno Bolsonaro seja muito bem recebido na Paraíba e seus eventos de campanha em nosso estado sejam os maiores que a Paraíba já viu, com a Força da Esperança e a expectativa de um Brasil melhor para todos.

Campina Grande, Paraíba e Brasil acima de tudo, Deus acima de todos.

porAutor

Policiais do 6º BPM prendem homem acusado de assassinar mulher na Zona Sul de Cajazeiras

Por volta das 19hs00 de ontem, sábado (05) a Central de Comunicação do 6º BPM (COPOM), recebeu no número de emergência – 190, uma denúncia dando conta de que um indivíduo teria esfaqueado a companheira e ateado fogo na sua residência, localizada na Travessa Vicente Leite, Bairro São Francisco, em seguida o acusado teria fugido do local em uma motocicleta, Jonny, de cor vermelha, placa: OFG – 1835.

Imediatamente uma Guarnição de Rádio Patrulha foi acionada para averiguar as informações e chegando ao local já encontraram populares apagando o fogo enquanto que a vítima estava caída na cozinha.

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros foi acionada e rapidamente socorreu a vitima para o Hospital Regional de Cajazeiras – HRC, a qual ainda adentrou com vida, no entanto foi a óbito em razão da gravidade dos ferimentos localizados na altura do pescoço.

Com base nas informações das testemunhas e do Núcleo de Inteligência do 6º BPM – NI/6, uma guarnição de Rádio Patrulha localizou o acusado na BR-230, próximo ao contorno de acesso a cidade de Bom Jesus, o qual foi identificado como Damião Rodrigues de Oliveira, de 31 anos de idade.

O acusado a principio negou o delito, no entanto diante das provas e dos depoimentos das testemunhas o mesmo acabou confessando o crime.

Após receber voz de prisão o feminicida foi conduzido para Delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras para as providências cabíveis.

 

Com informações do 6º BPM