Categoria Sertão

porAutor

Candidatos participam de debate em Cajazeiras nesta segunda-feira (24)

João Azevedo, José Maranhão, Lucélio Cartaxo, Tárcio Teixeira e Rama Dantas participam de sabatinas e de debate na TV Diário do Sertão, nesta segunda-feira (24), na cidade de Cajazeiras.

Os candidatos ao Governo do Estado participam de sabatinas e de debate em WebTV no Sertão da Paraíba, nesta segunda-feira (24). Vejam os compromissos de campanha de João Azevedo, José Maranhão, Lucélio Cartaxo, Tárcio Teixeira e Rama Dantas.

João Azevedo (PSB)

08h – Grava para guia eleitoral

10h – Concede entrevista à Rádio CBN

11h – Concede entrevista à TV Tambaú

15h – Participa de debate com empresários, na sede da Fiep, em Campina Grande

20h – Participa de debate da TV Diário do Sertão, em Cajazeiras

José Maranhão (MDB)

Manhã: Grava para o guia

Tarde: 13h: Sabatina na Fiep em Campina Grande

Noite: 20h: Debate TV Diário do Sertão – Cajazeiras

Lucélio Cartaxo (PV)

10h – Reunião com coordenação de campanha

15h15 – Participa de sabatina da Fiep, em Campina Grande

20h – Participa do debate da TV Diário do Sertão/OAB, em Cajazeiras

Tárcio Teixeira (PSOL)

Manhã: Minicomícios em Cajazaeiras

Tarde: Tárcio – Reunião com apoiadores/as  e Preparação para Debate

Noite: Tárcio – 20h- Debate TV Diário do Sertão

Rama Dantas (PSTU)

Não divulgou agenda para esta segunda-feira.

 

Com assessoria dos candidatos

porAutor

Cavalcante Primo denúncia Prefeitura de Cajazeiras após licitação suspeita de fraude, prefeito é citado para defesa

O Procurador Geral do Ministério Público de Contas, Dr. Luciano Andrade Farias, acatou denúncias apresentas pela empresa Cavalcante Primo de propriedade do empresário José Cavalcante da Silva contra a Prefeitura Municipal de Cajazeiras em face do Pregão Presencial nº 60002/18, que teve por objeto a aquisição de veículos novos para o ente público municipal.

No relatório é conhecido o fato de que o mencionado pregão estava maculado em razão de a empresa vencedora – e contratada – ter apresentado em sua proposta comercial veículos que não atendiam às especificações técnicas contidas no respectivo edital, tanto que foi determinada a suspensão.

O Prefeito José Aldemir (PP), como já mencionado no relatório do MPC, alegou que não houve a efetiva entrega dos veículos, em virtude da medida cautelar de suspensão.

– A Auditoria, após a manifestação do gestor, acatou a informação encaminhada a esta Corte de que os veículos foram devolvidos.

Reitere-se que soa, no mínimo, estranha a alegação de que os carros não chegaram a ser entregues tendo em vista a notícia publicada pelo próprio portal eletrônico municipal e contida na fl. 84 destes autos.

No entanto, pode-se acatar a informação, com o cuidado, porém, de se determinar que, em próxima diligência a ser realizada na Prefeitura de Cajazeiras, se efetuem diligências com vistas a confirmar a informação dos efeitos daquela licitação, através de medida cautelar, até decisão final deste Tribunal.

Por fim, o Procurador Geral do Ministério Público de Contas, Dr. Luciano Andrade Farias, decide por assim, este membro do ministério Público de Contas reitera seu posicionamento no sentido da procedência da denúncia, na linha do que foi exposto em manifestações anteriores.

O Tribunal de Contas determinou citar o Prefeito José Aldemir Meireles de Almeida, para contestar o Relatório do MPC, haja vista o processo será julgado no dia (02) de outubro de 2018.

 

Fonte: TCE

Com informações de Repórter PB

porAutor

Agenda do candidato Tárcio Teixeira (PSOL) para esta segunda-feira (24)

Agenda do candidato ao Governo do Estado – Tárcio Teixeira 50

Segunda (24/09)

– Manhã: Minicomícios em Cajazeiras

– Tarde: Tárcio mantém reunião com apoiadores/as e preparação para o debate.

– Noite: Ás 20hs – debate na OAB, para a TV Diário do Sertão – Cajazeiras.

 

Assessoria

porAutor

Vereadora de Nazarezinho será sepultada no quintal de casa

Faleceu na noite da última sexta-feira (21), em um dos leitos do Hospital Regional de Sousa, a vereadora Amanda Patrício Ribeiro, de 46 anos de idade, representante da Câmara de Nazarezinho, no Sertão paraibano. A parlamentar se tratava de Diabetes tipo 1 e Doença Renal Crônica havia alguns anos, inclusive realizava sessões de hemodiálise na cidade de Sousa.

Segundo o cunhado dela, João Bosco Pedrosa, há cerca de dois meses, Amanda sofreu uma queda e fraturou uma das pernas. Amanda passou por uma cirurgia e depois teve complicações na pressão arterial, o que também desencadeou uma infecção, complicando ainda mais seu estado de saúde.

Velório e sepultamento em casa

O velório está sendo realizado no Sítio Trapiá, localidade rural onde a parlamentar residia. Ainda na manhã deste sábado (22), será celebrada uma missa. À tarde outras homenagens serão prestadas.

Bosco Pedrosa confirmou ao Blog do Levi que o corpo da vereadora será sepultado logo mais em sua residência às 16h00. Segundo ele, nos momentos críticos da doença, Amanda pedia para que quando viesse a falecer, fosse enterrada no quintal de casa. “É a vontade dela e vamos atender”, disse.

Amanda Patrício tomava posições firmes na bancada de oposição. Seu mandato tinha a preocupação de atender moradores de Nazarezinho que precisavam de serviços nas áreas de Assistência Social e Saúde.

Natural do Rio do Janeiro, Amanda Patrício era filiada ao Partido Verde (PV), se elegeu pela primeira vez em 2012 e quatro anos mais tarde alcançou a reeleição com 355 votos.

O suplente Jader Gadelha Maia (PSB) assumirá a vaga na Câmara de Vereadores.

Na foto abaixo, há cerca de dois meses, a vereadora aparece com os vereadores Chico de Edval e Osório Miranda, o contador Assis Ribeiro, o deputado federal Damião Feliciano, o empresário Marcelo do Vale, além do suplente Jader Gadelha.

Amanda vereadora - A pedido, vereadora de Nazarezinho será sepultada no quintal de casa

 

Fonte: Blog do Levi

porAutor

“Vamos regionalizar a saúde e dar independência ao sertanejo”, diz Lucélio em caravana

O candidato ao Governo do Estado pelo PV, Lucélio Cartaxo, reuniu centenas de sertanejos em mais uma Caravana da Esperança. No encontro com a população, Lucélio defendeu que o povo do Sertão merece um gestor que tenha identificação e respeito, tirando do papel projetos e ações até hoje distantes da região, como o Hospital de Trauma do Sertão.

“Como sertanejo, sei as necessidades de quem aqui vive, tanto que nossa primeira proposta de governo foi a criação do Hospital de Trauma do Sertão, que vai melhorar a vida da população que aqui vive. Vamos regionalizar a saúde e dar independência ao sertanejo, pois os que estão prometendo o mundo ao Sertão já tiveram sua chance e não fizeram”, disse.

O candidato da coligação Força da Esperança reforçou a necessidade de aproximar a gestão pública da população do interior do Estado. “Prometem saúde regionalizada, mas hoje a população tem dificuldade de acesso aos hospitais regionais, que têm dificuldade de fazer até cirurgias eletivas. Vamos descentralizar a saúde de João Pessoa e Campina Grande, fortalecendo os hospitais das regiões. Também precisamos acabar o déficit de UPAs, criando mais nove unidades, além de realizar concurso público para que os médicos saiam dos grandes centros para atender às pequenas cidades”, disse.

Nesta sexta-feira, a Caravana da Esperança esteve nas cidades de Boa Ventura, Diamante, Santana de Mangueira, Ibiara e Conceição. Neste sábado (22), a Caravana percorre as cidades de Baía da Traição, Marcação, Rio Tinto, Mamanguape e Itapororoca.

Assessoria

porAutor

OAB de Cajazeiras emite nota de repúdio e solidariedade em favor do advogado Júnior Araújo

Contra as declarações chulas utilizadas pelo prefeito de Cajazeiras, José Aldemir Meireles (PP), à imprensa local na terça-feira (18), utilizando de importantes espaços e horários de grande audiência radiofônica – o gestor atacou o advogado e político Junior Araújo, afirmando que o mesmo – não sabia fazer uma petição e nem tão pouco ser conhecimento dele haver soltado um preso de qualquer cadeia da região.

Abaixo, o conteúdo na nota!

Relembre.:

Prefeito de Cajazeiras faz duras críticas em desfavor do deputado Jeová e chama Júnior Araújo de analfabeto

 

Créditos: Vídeo Diário do Sertão

Redação – fmrural.com.br

porAutor

Hospital do Bem atende pacientes de 15 municípios nas duas primeiras semanas de funcionamento

Nas duas primeiras semanas de funcionamento, o Hospital do Bem – unidade de oncologia do Sertão – atendeu pacientes de 15 municípios da região (Água Branca, Bom Sucesso, Bonito de Santa Fé, Catingueira, Desterro, Jericó, Mãe D’água, Malta, Maturéia, Patos, Piancó, Quixaba, Riacho dos Cavalos, São Mamede e Teixeira). O tipo de câncer com maior incidência neste primeiro balanço foi o de mama, com cinco registros.

O Hospital faz parte do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos e foi inaugurado no último dia 05 de setembro e atende, para efeito de tratamento quimioterápico e cirúrgico, quatro tipos de câncer: pele, próstata, mama e colo de útero.

Nas duas primeiras semanas de atendimento, a maior parte foi do sexo feminino e a cidade que mais enviou pacientes foi Teixeira, com um total de 14 pessoas; seguida de Água Branca, com seis pacientes; e Patos com dois. Entre os dias 05 e 20 deste mês, foram realizados 34 atendimentos ambulatoriais, sendo 30 pacientes do sexo feminino e quatro do sexo masculino, uma cirurgia e uma sessão de quimioterapia. Neste período, a unidade registrou 16 internamentos, dos quais, seis ainda se encontravam em tratamento na unidade, até essa quinta-feira (20).

De acordo com a coordenadora do setor de Enfermagem do Hospital, Aretuza Delfino, para efeito de internação, o paciente não precisa de regulação. “Qualquer tipo de câncer pode ser internado aqui, pois o hospital só trata as quatro referências somente para efeito de quimioterapia e cirurgia. No caso de internações é diferente. Basta o paciente chegar na emergência do Complexo e, se tiver apresentando sintomas ou sinais de doenças oncológicas que necessitem de internação, é encaminhado para uma enfermaria”, explicou.

Ela lembrou ainda que o paciente pode ser internado via ambulatório. “Se o paciente se sentir mal, por exemplo, depois de uma sessão de quimioterapia, pode ser internado também”, pontuou. O Hospital do Bem funciona com serviços de Oncologia de média e alta complexidade e tem uma estimativa de atendimento de 650 cirurgias oncológicas e 5.300 procedimentos de quimioterapia/ano, direcionados para a população dos 68 municípios que compõem a 3ª e 4ª macrorregiões de saúde do estado.

 

Assessoria

porAutor

Ex-reitor Thompson Mariz declara apoio à candidatura do deputado Jeová Campos

Eu quero comunicar publicamente que, de forma espontânea, estou aqui, na casa de Jeová para prestar meu apoio irrestrito a ele, porque entendo que Jeová é a voz mais contundente da Assembleia Legislativa em defesa das pessoas excluídas e das causas mais democráticas e importantes para o nosso Estado e País”, declarou nesta quinta-feira (20), o ex-reitor da UFCG, Thompson Fernandes Mariz, ao anunciar apoio à candidatura do deputado estadual Jeová Campos (PSB), que tenta outro mandato na ALPB.

De acordo com o Mariz, Jeová merece mais que o voto, ele merece apoio. “Quero reiterar que vou trabalhar por ele, onde for possível neste Estado, para garantir a renovação deste mandato que está à altura do que o povo da Paraíba merece”, disse o ex-reitor que prometeu ao parlamentar arregaçar as mangas na busca de votos e apoio nestes últimos dias de campanha.

O parlamentar externou a sua satisfação de ter tão importante aliado nesta caminhada. “Gostaria de falar da minha alegria de receber esse grande amigo que como reitor fez muito pela Paraíba na condição de gestor, a exemplo da expansão da UFCG, e que merece o meu respeito. Quero agradecer o apoio recebido e a contundente compreensão por entender que bem representamos o povo da Paraíba no parlamento estadual”, destacou Jeová.

Para o deputado, o ingresso de Mariz nessa jornada chega numa hora importantíssima da campanha e a fortalece. “Essa caminhada será vitoriosa, pois ela está sendo construída por pessoas, homens e mulheres, comprometidos com a Paraíba, com a democracia e com o Brasil e Mariz também simboliza tudo isso, de forma que estou agradecido e muito feliz com esse apoio”, finalizou Jeová.

 

Assessoria

porAutor

Polícia Federal deflagra operação para desarticular esquema de tráfico de drogas de dentro de presídios

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira (21), a Operação TRIGLAV, com objetivo de cumprir seis mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão, na Paraíba e no Rio Grande do Norte, além de ordens judiciais de bloqueio de valores depositados em contas correntes, expedidos pela Vara de Entorpecentes da Comarca de João Pessoa/PB.

Segundo informações repassadas pela PF, a organização é acusada de transportar maconha, cocaína e crack do Rio Grande do Norte para comercializar na Paraíba. A investigação, iniciada há seis meses, resultou, até a presente esta sexta-feira, na apreensão de 100 Kg de drogas, além da identificação dos integrantes do grupo criminoso responsável pela distribuição de entorpecentes na Paraíba.

Após a identificação, os presos suspeitos de participação na facção foram indiciados pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, cujas penas, somadas, podem chegar a trinta anos de reclusão.

A ação tem por finalidade desarticular a associação criminosa, comandada do interior de estabelecimentos prisionais, responsável pelo tráfico de maconha, cocaína e crack oriundos do Rio Grande do Norte e comercializados em todo o estado da Paraíba.

A investigação, iniciada há aproximadamente seis meses, já apreendeu 100 Kg de drogas, além da identificação dos integrantes do grupo criminoso responsável pela distribuição de entorpecentes na Paraíba.

Os presos foram indiciados pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, cujas penas, somadas, podem chegar a trinta anos de reclusão.

Após os interrogatórios, os investigados serão apresentados à Justiça Estadual, para realização de audiência de custódia e, em seguida, transferidos para o sistema prisional do Estado.

O nome da operação faz alusão à divindade da mitologia Eslava TRIGLAV, deus de três cabeças que representava os três mundos que governava: Céu, Terra e Submundo.

 

Assessoria

porAutor

Gestantes de Quixaba conhecem instalações e estrutura da Maternidade de Patos

Já virou rotina na Maternidade Dr. Peregrino Filho, de Patos, receber grupos de gestantes que vão conhecer a unidade e se familiarizar com a estrutura que as acolherá no momento do parto. A experiência faz parte do Projeto Acolher, iniciado no ano passado. O último dia 13, foi a vez das gestantes atendidas pela UBS Robson Carneiro Pereira, de Quixaba, conhecerem o ambiente e esclarecerem dúvidas sobre o parto.  Durante a visita, as futuras mamães conheceram o Serviço Social, recepção, alojamentos, a sala de parto humanizado, o alojamento Mãe-Canguru, o Banco de Leite, entre outras dependências da Maternidade.

Além da visita, acompanhada pela Gerência de Enfermagem, houve também um momento que elas receberam orientações sobre o parto normal e humanizado, sobre direitos da paciente, incluindo aí a opção por ter um acompanhante, e sobre aleitamento materno, além de orientações do que ela pode levar para a Maternidade.

“Conhecer previamente o ambiente que as acolherá para o parto e ter a oportunidade de tirar dúvidas, traz mais segurança para esse momento, pois isso, de alguma forma, as tranquiliza”, destaca o diretor geral da Maternidade, Umberto Júnior. Ele lembra ainda que apesar de muita gente conhecer e saber dos diferenciais da unidade, que integra a rede estadual de saúde, ao ver a estrutura ficam mais confiantes.

Para agendar as visitas basta a unidade de saúde que atende gestantes, entrar em contato com o Núcleo de Estágio, Capacitações e Eventos (Nece) da Maternidade, via ofício. A coordenadora do Nece, Mabel Longo, explica que o pedido é encaminhado à gerência administrativa que faz o agendamento. “É um procedimento que precisa ser agendado para que possamos mobilizar a gerente de Enfermagem, Milene Nunes, para acompanhar a visita”, reitera Mabel.

O projeto foi idealizado pela psicóloga e técnica de enfermagem da cidade de Malta, Maria Lidiana Gomes, com apoio das enfermeiras Ligia Karla e Nallygi Gyanca e Rosalba Dantas. Do ano passado para cá, gestantes de várias cidades já vivenciaram a experiência.

 

Assessoria