Notificado pelo CREF10, técnico de vôlei feminino de time da Super Liga “C” tem 15 dias para apresentar contestação

porpjbarreto

Notificado pelo CREF10, técnico de vôlei feminino de time da Super Liga “C” tem 15 dias para apresentar contestação

Abordado pela equipe de fiscalização do Conselho de Educação Física da PB, em Campina Grande, treinador estava em quadra com habilitação inadequada

A equipe de fiscalização do Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região – Paraíba (CREF10/PB) notificou, no último fim de semana, em Campina Grande, um técnico de vôlei feminino de um time da Super Liga, Série “C”, por falta de habilitação adequada para atuar como treinador. Os fiscais constataram que o notificado era licenciado e não bacharel em Educação Física, o que o impedia de atuar na quadra. Convidado a se retirar do local, o técnico ficou na arquibancada, respeitando a notificação, que pode ser contestada em até 15 dias.

A etapa da terceirona da Super Liga de vôlei feminino, na Rainha da Borborema, ocorreu da quinta-feira passada (22) até o domingo (25), no ginásio do Clube Campestre. Equipes de vários estados participaram da competição e elogiaram a atuação do CREF10 durante o evento. “Isso mostra que a nossa fiscalização de rotina tem gerado bons resultados e, com o auxílio das denúncias que recebemos, possibilita que a profissão de Educação Física seja, ainda mais, valorizada”, declarou o presidente do Conselho, Francisco Martins da Silva.

As contestações das notificações do CREF10 podem ser feitas diretamente nas unidades do Conselho ou por meio de contato com o setor responsável. Durante esse período, o atendimento é feito, das 10h às 16h, por meio do telefone (83) 98832-0237 ou dos e-mails: dof@cref10.org.br ou fiscalizapb@cref10.org.br. Caso não haja manifestação, a notificação pode se converter em multa ou ação civil.

 

Assessoria

Sobre o Autor

pjbarreto editor

Deixe uma resposta