Conselho Regional de Educação Física da Paraíba reforça fiscalização nas redes sociais

porpjbarreto

Conselho Regional de Educação Física da Paraíba reforça fiscalização nas redes sociais

Iniciativa deixa “falsos profissionais” com receio e número de denúncias diminui

A equipe de fiscalização do Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região – Paraíba (CREF10/PB) passou a reforçar o monitoramento das redes sociais, neste período de isolamento social, e constatou uma redução no número de falsos profissionais atuando na internet. Do início da quarentena até agora foram registradas cerca de 30 denúncias, envolvendo pessoas que estariam usando as redes para prescrever treinos, sem a devida comprovação de que são habilitados e registrados. Treze notificações foram constatadas, uma delas de um licenciado que atuava como bacharel.

Segundo o diretor do setor de fiscalização do Conselho, Pedro Luiz Ribeiro, em função do posicionamento do CREF10, nos últimos dias, o número de denúncias tem diminuído. “Nosso trabalho continua e o que não for apurado pelas redes sociais será analisado após o isolamento. O importante é não deixar que as irregularidades permaneçam”, completou.

A empresa ou pessoa física que realiza prescrição ou orientação de exercícios físicos, sem integrar o referido Sistema CONFEF/CREFs, está infringindo o Art. 47 do Decreto Lei 3688/41, exercendo ilegalmente a profissão de Educação Física. Os notificados têm 15 dias para apresentar contestação junto ao CREF10.

Para denúncias, o CREF10 atende, nesse período de quarentena, por meio dos seguintes contatos: (83) 98832-0237, e-mails dof@cref10.org.br ou fiscalizapb@cref10.org.br, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

 

Assessoria de Comunicação do CREF10/PB

Sobre o Autor

pjbarreto editor

1 comentário até agora

Cursos OnlinePostado em11:10 pm - abr 30, 2020

Olá aqui é a Bárbara Oakley, eu gostei muito do seu artigo seu conteúdo vem me ajudando bastante, muito obrigada.

Deixe uma resposta